Operário cai de telhado da Rodoviária

O telhado da rodoviária não resistiu ao peso do operário e acabou cedendo, provocando a queda do trabalhador na área de embarque e desembarque

O telhado da rodoviária não resistiu ao peso do operário e acabou cedendo, provocando a queda do trabalhador na área de embarque e desembarque

– Funcionário da Viação Dedo de Deus fazia reparos elétricos e hidráulicos

No início da tarde desta quinta-feira, 10, um trabalhador despencou do telhado da rodoviária e ficou gravemente ferido. O rapaz, identificado como Flávio Lopes, é funcionário da Viação Dedo de Deus. Ele estaria fazendo reparos em fios e tubulações quando sofreu o acidente. Ele caiu de uma altura de aproximadamente cinco metros e sofreu ferimentos graves, sendo socorrido pela equipe médica do Corpo de Bombeiros e levado para o Hospital das Clínicas.

Pessoas ouvidas no local contaram que o acidentado fazia pequenos reparos em ligações elétricas e hidráulicas que abastecem a sala que a viação dispõe no Terminal. Ao transitar pelo telhado, acabou despencando e caindo na área de embarque e desembarque, juntamente com os cacos da telha que não suportou o peso. A administradora da Rodoviária, Maria da Conceição Tavares Ramos, garantiu que não tinha conhecimento dos reparos que estavam sendo feitos naquele local. Porém, não soube explicar como o rapaz passou por uma das salas administrativas para acessar o telhado e fazer os reparos.

O trabalhador estaria realizando reparos em fios e tubos que abastecem loja da Viação Dedo de Deus quando sofreu uma queda de aproximadamente cinco metros de altura

O trabalhador estaria realizando reparos em fios e tubos que abastecem loja da Viação Dedo de Deus quando sofreu uma queda de aproximadamente cinco metros de altura

Nem Prefeitura e nem a Viação Dedo de Deus emitiram qualquer nota sobre o acidente registrado no Terminal. A Assessoria de Comunicação do Hospital das Clínicas informou que o paciente deu entrada no pronto socorro às 14h20, sendo submetido a exames de tomografia e depois encaminhado para o centro cirúrgico. Flávio seguiu para o CTI e seu estado é grave.

Não é a primeira vez que uma pessoa sofre uma queda do telhado da Rodoviária. Em março de 2010, durante um serviço de limpeza, um funcionário público Edno Ricardo de Almeida caiu sobre os bancos de concreto do terminal, fraturando o fêmur e o braço direitos, sofrendo também escoriações diversas. O funcionário ficou internado durante vários dias e até hoje sofreria sequelas do acidente.

Deixe seu comentário

André Oliveira é comunicador e fotógrafo. Tem 20 anos de experiência no setor de comunicações, com passagens por diversos segmentos como rádio, jornal, revista e TV. É repórter e apresentador do jornal O DIÁRIO e da DIÁRIO TV.

Deixe uma resposta

Diario TV

Carregando...

Facebook

Twitter Diário TV

Assine nossa newsletter

Loading...Loading...