Tag Arquivo | "auxílio transporte"

Auxílio transporte atrasado mais uma vez

Estudantes reclamam do atraso no pagamento de três parcelas do auxílio transporte

– Estudantes reclamam que três parcelas do benefício não foram depositadas

E o drama dos universitários com relação ao auxílio transporte ganha outro capítulo. Agora, os estudantes estão com três parcelas do benefício em atraso. Um dos jovens deu entrevista para nossa equipe de reportagem, sem se identificar por medo de represálias, mas disse que todo o processo, desde o edital até o depósito, é uma grande bagunça. Muitos estudantes já cogitam trancar suas matrículas por falta de condições de pagar pelo transporte. O DIÁRIO continua recebendo diversas reclamações através das redes sociais sobre este problema que se arrastou por todo o ano de 2014 e parece que não vai ter fim em 2015. Diversas matérias já foram feitas sobre o caso, mas nada foi feito pelos universitários. Um dos alunos de graduação disse que muitos dos estudantes estão inadimplentes junto à empresa que faz o transporte por não terem nenhuma condição de honrar o compromisso. “Tem alguns que estão realmente deixando de pagar porque não tem o recurso do auxílio, alguns com recursos próprios vão se virando como podem e consegue até pagar. Os dois primeiros meses em que tivemos aula no ano passado não recebemos e então alguns universitários ficaram se pagar e no mês de dezembro eles também não pagaram o auxílio transporte, então ainda tem muita gente em débito com a empresa”, disse.

Postado em Banner principal, Capa, CidadeComentário (0)

Estudantes reclamam que auxílio transporte ainda não foi pago

– Beneficiários reclamam que até os meses de março e abril estão entre os que não foram depositados

Estudante reclamou da situação de descaso da prefeitura que deixa os beneficiários do auxílio transporte sem saber o que fazer

Estudante reclamou da situação de descaso da prefeitura que deixa os beneficiários do auxílio transporte sem saber o que fazer

Os beneficiários do auxilio transporte da prefeitura de Teresópolis procuraram o jornal O Diário para reclamar que o problema da falta de pagamento continua. Desde a última reportagem, a prefeitura fez apenas um depósito referente a um mês enquanto os alunos que dependem do dinheiro para conseguir se deslocar até as faculdades em outra cidades passam por dificuldades para quitar as mensalidades e não perder as aulas. O que era para ser um auxílio acabou se tornando um tormento para os estudantes. Os constantes atrasos viraram um verdadeiro tormento para os alunos de universidades e cursos técnicos que estudam fora da cidade e o descaso gera incertezas e revolta entre os jovens, que nem sequer conseguem respostas aos questionamentos que fazem à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social. Por meio de redes sociais, nossa reportagem foi contatada outra vez por vários estudantes que não sabem mais o que fazer a respeito da repetição do problema com o benefício de 2014. O que se sabe é que desde o último atraso, foi depositado apenas um mês. A beneficiária nos concedeu entrevista, mas preferiu não se identificar, para contar que durante todo o ano, a desorganização foi total: “A nossa parcela da van vence dia dez e eles depositam o dinheiro dia 22 ou dia 28, então a gente fica tirando dinheiro do nosso bolso para poder pagar. Muitas vezes a gente não tem esse recurso porque se a gente entrou com o pedido nesse auxílio é porque a gente não tem. Eles estão com dois meses atrasados, março e abril, e esse mês de dezembro agora que já era para ter pagado e não entrou nada na conta”.

Postado em Banner principal, Capa, CidadeComentário (0)

Alunos reclamam de falta de pagamento do auxílio transporte

– Problema já ocorreu outras duas vezes e beneficiários passam por dificuldades para conseguir estudar

A angústia dos estudantes aumenta com o passar do tempo e também a cada tentativa de buscar repostas com a Secretaria de Desenvolvimento Social

A angústia dos estudantes aumenta com o passar do tempo e também a cada tentativa de buscar repostas com a Secretaria de Desenvolvimento Social

Estudantes inscritos no auxílio transporte da Prefeitura reclamam que estão há três meses sem receber o benefício. O problema que já ocorreu este ano volta a ser tormento para os alunos de universidades e cursos técnicos que comprovaram não ter condições de custear o transporte para estudar fora da cidade. Esta repetição de descaso está gerando incertezas e revolta entre os jovens, que nem sequer conseguem respostas aos questionamentos que fazem à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social. O valor que os estudantes tem direito é de R$ 362, equivalente a meio salário mínimo.
O DIÁRIO mais uma vez recebeu várias reclamações dos universitários, o que já tinha ocorrido por duas vezes com o benefício de 2014. Todos que passam as informações pedem para não serem identificados por temer a perda definitiva do benefício. O que se sabe é que desde o último atraso, foi depositado apenas um mês e o problema voltou. “Já é a segunda vez que a gente está aqui, da primeira vez foi o único meio que surtiu efeito para o depósito do auxílio transporte e agora três meses depois a gente não recebeu o auxílio e voltamos aqui de novo porque sabemos que é um direito nosso. Não vamos desistir e a gente espera que não aconteça mais, porque é muito complicado conseguir ser selecionado e depois a gente comprova que nossa renda é baixa, que precisa do auxilio transporte e a gente não consegue. Muitas pessoas que fazem faculdade comigo fora de Teresópolis estão tendo que desistir, trancar matrícula porque não tem dinheiro para pagar a van. Se a gente paga atrasado, paga com juros e aí é mais complicação” destacou uma universitária que preferiu não se identificar.

Postado em Política, Sem categoria, Super MaisComentário (0)

Auxílio Transporte: resultado na próxima semana

Secretária Maria das Graças Granito garantiu que os estudantes terão acesso ao resultado já na próxima semana

Secretária Maria das Graças Granito garantiu que os estudantes terão acesso ao resultado já na próxima semana

– Atraso na divulgação da lista de contemplados foi atribuído ao período de carnaval

 

A lista dos estudantes contemplados com o Auxílio Transporte da prefeitura de Teresópolis, que tinha divulgação prevista para o dia 10 deste mês, deve sair no início da próxima semana. Esta é a previsão que foi informada pela secretária municipal de Desenvolvimento Social que atendeu a reportagem do jornal O Diário e Diário TV nesta quarta-feira. Vários inscritos no processo seletivo para conseguir o benefício estavam reclamando de não terem nenhuma notícia de quando o resultado iria finalmente sair.
“De fato houve um pequeno atraso em virtude do carnaval, e logo após a comissão se reuniu, mas podem ficar todos tranqüilos que no início da semana que vem será publicada a relação dos contemplados”, explicou a secretária Maria das Graças Granito. A grande quantidade de processos para análise também teria dificultado o cronograma, já que é necessário uma avaliação criteriosa.

Avaliação

Este ano, a Secretaria de Desenvolvimento Social estipulou junto à comissão do auxílio transporte novos itens para ajudar na avaliação dos candidatos. Quem faz faculdade através de um programa do governo como o Prouni ou Sisu recebe pontuação maior, assim como aqueles que pertencem a famílias com Número de Identificação Social do Governo Federal (NIS) para beneficiários de programas sociais.
O benefício é concedido em duas modalidades: das vagas oferecidas, são 20% para o transporte eventual e 80% para quem estuda todos os dias. “São 151 vagas, sendo que 30 são do transporte eventual, aqueles que não vão todo dia e tem as 121 diárias, aqueles que vão para a faculdade diariamente”, enfatizou a secretária.
A regra de concessão do benefício prevê dez parcelas que começarão a ser pagas assim que o resultado for confirmado e os dados bancários forem informados. Mesmo que as parcelas atrasadas serão depositadas nas contas, podem ressarcir os gastos causados pela demora.

Os candidatos com o perfil para o auxílio são estudantes devidamente matriculados e frequentando cursos oficiais de ensino de Nível Médio Profissionalizante, Educação Profissional e Nível Superior, em instituições de ensino legalmente reconhecidas

Os candidatos com o perfil para o auxílio são estudantes devidamente matriculados e frequentando cursos oficiais de ensino de Nível Médio Profissionalizante, Educação Profissional e Nível Superior, em instituições de ensino legalmente reconhecidas

Lista será publicada

A prefeitura irá publicar os nomes dos contemplados no diário oficial do estado (que não circula em Teresópolis e não tem valor legal), porém o jornal O Diário de Teresópolis, mesmo não sendo o veículo contratado para a divulgação de matérias oficiais, irá reproduzir a lista para facilitar o acesso aos interessados.
Aprovada a concessão do auxílio, o beneficiário deverá apresentar dados de conta corrente de sua titularidade, onde será depositado o valor do benefício, bem como assinar o Termo de Compromisso, sob pena de perda do benefício.
A apresentação de comprovante de matrícula do segundo semestre/2014 e a renovação do Termo de Compromisso pelos estudantes beneficiários deverão ser entregues na Secretaria de Desenvolvimento Social entre os dias 21 e 25 de julho, sob pena de cancelamento automático do benefício.
Os candidatos com o perfil para o auxílio são estudantes devidamente matriculados e frequentando cursos oficiais de ensino de Nível Médio Profissionalizante, Educação Profissional e Nível Superior, em instituições de ensino legalmente reconhecidas e localizadas em outros municípios, com renda bruta familiar igual ou inferior a três salários mínimos.

 

Postado em Banner principal, CidadeComentário (0)

Abertas inscrições para o Auxílio Transporte

A divulgação do resultado dos beneficiários do Auxilio Transporte no ano de 2013 será no dia 26 de fevereiro

– Candidatos devem levar a documentação esta semana, entre os dia 18 e 20 de fevereiro

 

Foi divulgado no Diário Oficial do Município nesta sexta-feira, a lista de exigências para o recebimento do auxílio transporte, benefício concedido a estudantes universitários e de cursos profissionalizantes que não estão disponibilizados na cidade. Os candidatos devem reunir toda a documentação necessária e levar à Secretaria de Desenvolvimento Social, no Alto, entre os dias 18 e 20 de janeiro, de acordo com o cronograma determinado pela Prefeitura.
O benefício do auxílio transporte está garantido pelo Decreto n° de 4.174/12, alterado pelo Decreto nº 4.324/13, que torna pública o processo seletivo para inscrição, concessão e pagamento dos valores.

Os alunos terão a possibilidade de estudar fora da cidade com o auxílio transporte novamente

Alunos avaliados

Serão avaliados, mediante documentação comprobatória, para classificação os seguintes requisitos: Alunos comprovadamente beneficiados com PROUNI – 03 pontos; Renda do núcleo familiar, incluindo a renda do solicitante: a) igual ou inferior a 2 (dois) salários mínimos vigentes – 03 pontos; b) superior a 2 (dois) salários mínimos vigentes e inferior a 3 (três) salários mínimos vigentes – 02 pontos; c) igual a 3 (três) salários mínimos vigentes e igual ou inferior a 4 (quatro) salários mínimos vigentes – 01 ponto. Moradia financiada, cedida ou locada – 01 ponto (moradia própria não pontua); Para os candidatos ao benefício, estudantes de cursos de ensino médio profissionalizante e cursos de educação profissional: formação no Ensino Fundamental realizado totalmente em Instituição Pública – 01 ponto; Para os estudantes candidatos a cursos de nível superior: formação no Ensino Médio realizado totalmente em Instituição Pública – 01 ponto.

A Comissão do Programa de Auxílio Transporte – CPAT – será composta por um representante da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, da Secretaria Municipal de Educação e da Secretaria Municipal de Planejamento e Projetos Especiais.

Os estudantes passarão por um processo seletivo

O processo seletivo

Para ter direito ao auxílio transporte, o candidato não poderá alegar sob hipótese alguma o desconhecimento do referido Edital. Poderão se inscrever estudantes, devidamente matriculados e frequentando cursos oficiais de ensino de Nível Médio Profissionalizante, Educação Profissional e Nível Superior, em instituições de ensino legalmente reconhecidas e localizadas em outros municípios, com a renda bruta familiar igual ou inferior a 4 (quatro) salários mínimos nacionais vigentes, conforme disposto no decreto. As inscrições serão realizadas na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, sito à Avenida Alberto Torres, n° 1.148 – Alto (em frente ao Hospital São José), de segunda à sexta-feira, das 10h às 16h, no salão do Espaço Conviver.
O prazo para inscrições será nos dias 06 a 08 de fevereiro, assim distribuídos para o preenchimento do formulário de inscrição: Dia 18 de fevereiro – candidatos com a inicial A a H; Dia 19 de fevereiro – candidatos com a inicial I a M; Dia 20 de fevereiro – candidatos com a inicial N a Z. Confira a matéria completa em nossa edição impressa. Nas bancas.

Postado em Banner principal, CidadeComentário (0)


Diario TV

Carregando...

Facebook

Twitter Diário TV

Assine nossa newsletter

Loading...Loading...