Tag Arquivo | "carreta"

Caminhão destruído em acidente na Serra Rio-Teresópolis

Motorista conseguiu pular da cabine antes do tombamento, evitando se machucar seriamente

Motorista conseguiu pular da cabine antes do tombamento, evitando se machucar seriamente

– Carregado de perfumes, VW tombou n quilômetro 98. Carga foi parcialmente saqueada

Por muito pouco, um motorista não se feriu gravemente no quilômetro 98 da Estrada Rio-Teresópolis na madrugada desta segunda-feira, por volta das 2h. Ele dirigia um caminhão VW 15.170 de cor branca, placa de Sergipe, quando perdeu o controle em um trecho de curva. O veículo de carga começou a tombar em direção ao acostamento e o motorista conseguiu pular na pista, se ferindo levemente. Se não tivesse conseguido sair, a situação poderia ter sido bem pior, pois a cabine ficou completamente destruída no choque com a proteção lateral da pista, feita em concreto.

Baú ficou destruído e a carga espalhada pela rodovia, sendo saqueada parcialmente durante a madrugada

Baú ficou destruído e a carga espalhada pela rodovia, sendo saqueada parcialmente durante a madrugada

O VW levava uma carga de material de higiene pessoal, incluindo perfumes. O baú abriu com a força do impacto e uma parte do material foi saqueada por populares, que agiram antes da chegada da Polícia Rodoviária Federal. O trânsito ficou parcialmente interditado para o atendimento médico e retirada do veículo de carga.

POSTE – Já na Avenida Presidente Roosevelt, um VW Gol de cor branca, placa de Três Rios, ficou destruído após colisão com um poste. O veículo saiu da pista principal para uma rua lateral, para acessar o bairro do Caleme, atingindo o ponto fixo durante a manobra. Havia três pessoas no automóvel, mas ninguém se feriu.

Postado em Banner principal, Capa, Cidade, PolicialComentário (0)

Desgovernada, carreta para na beira de abismo

Veículo de carga saiu totalmente da pista. Guincho da CRT foi utilizado para puxá-lo para fora

Veículo de carga saiu totalmente da pista. Guincho da CRT foi utilizado para puxá-lo para fora

– Motorista teria cochilado no quilômetro 95 da estrada Rio-Teresópolis

 

Motoristas que passavam pelo quilômetro 95 da Estrada Rio-Teresópolis no final da tarde desta terça-feira levaram um grande susto: uma carreta saiu da pista, invadiu o acostamento e subiu na vegetação ao lado da rodovia, terminando no canteiro lateral, com a frente próximo a um grande abismo próximo ao posto Garrafão. O condutor do veículo de carga, um homem de 31 anos residente em Minas Gerais, teria cochilado quando subia a Serra. A carreta Mercedes Benz puxava um baú, que estava vazio.

Postado em Banner principal, Capa, Cidade, PolicialComentário (0)

Carreta tomba na Estrada Teresópolis-Friburgo

O veículo de carga seguia sentido Teresópolis quando o motorista perdeu o controle

O veículo de carga seguia sentido Teresópolis quando o motorista perdeu o controle

– Motorista perdeu o controle em curva no quilômetro 23,5

 

Levemente ferido, o motorista de uma carreta Iveco foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e medicado no pronto socorro do Hospital das Clínicas. Wanderley Rosa perdeu o controle de direção no quilômetro 23,5 da Estrada Teresópolis-Friburgo, em um trecho de curva sinuosa, e o veículo de carga tombou. O caminhão ficou de lado na pista, interditando o trânsito na rodovia por um longo período.  O veículo de carga seguia sentido Teresópolis. A curva onde aconteceu o acidente é bastante fechada, já tendo sido registrados outros fatos parecidos nos últimos anos. A ocorrência foi anotada Polícia Militar.

Postado em Banner principal, Capa, Cidade, PolicialComentário (0)

Homem fica gravemente ferido em colisão no Soberbo

– Acidente entre carro de passeio e carreta deixou três pessoas feridas

Com a força do impacto, o condutor deste veículo ficou gravemente ferido

Com a força do impacto, o condutor deste veículo ficou gravemente ferido

Duas colisões entre veículos aconteceram praticamente no mesmo trecho do bairro do Soberbo neste final de semana. Em um deles, um carro de passeio e uma carreta bateram e três pessoas ficaram feridas, incluindo o condutor do veículo menor que teve que ser retirado das ferragens com ferimentos graves. No outro caso, a condutora de um Cobalt foi atingida por uma Fiat Uno na altura do Parque Nacional. O motorista da Uno fugiu do local do acidente.
O primeiro caso foi registrado na madrugada de sábado, 27, no km 89 da Rio-Bahia quando um Escort azul e uma carreta Volvo, cabine branca, colidiram.
O veículo maior era conduzido por um senhor de 53 anos, vindo de Santa Catarina, que contou que seguia para o Rio de Janeiro quando o carro de passeio teria perdido o controle e invadido a pista contrária.
Com a batida três ocupantes do Escort ficaram feridos, entre eles o condutor do carro que teve ferimentos mais graves, já que ficou preso entre as ferragens. Eles foram socorridos pela equipe de resgate da CRT e encaminhados ao Pronto Socorro do Hospital das Clínicas. A ocorrência foi assumida pelos agentes da Polícia Rodoviária Federal.
O segundo acidente ocorreu por volta das 5h30 da manhã desta segunda na Avenida Rotariana, nas proximidades da entrada do Parque Nacional da Serra dos Órgãos. De acordo com o que foi apurado, a condutora do carro, um Cobalt de cor prata, seguia para o Rio de Janeiro quando foi atingido por uma Fiat Uno. A colisão, que foi na lateral do lado do motorista, foi intensa, mas por sorte não deixou a mulher ferida.
Segundo a PM, o motorista do outro veículo teria perdido o controle e rodou na pista, só parando quando bateu no Cobalt. Por não ter deixado vítimas, o acidente foi registrado somente pela Polícia Militar.

Postado em Banner principal, Capa, Cidade, PolicialComentário (0)

Outro tombamento de carreta em Providência

– Curva na Rio-Bahia registrou diversos acidentes nos últimos anos

 Antes de tombar, Iveco ainda atingiu a lateral de carreta que seguia sentido contrário


Antes de tombar, Iveco ainda atingiu a lateral de carreta que seguia sentido contrário

Seguindo em direção a Teófilo Ottoni, Minas Gerais, o motorista Daniel Oliveira Campos, 25, perdeu o controle da carreta Iveco prata placa DTB-6571 e o veículo tombou no quilômetro 63 da Estrada Rio-Bahia, em Providência, na noite desta segunda-feira. Antes, atingiu a lateral de outra carreta que seguia sentido contrário. O acidente aconteceu em uma curva forte, onde diversos outros casos do tipo foram registrados nos últimos anos.
Daniel relatou que a carga de refrigerantes escorregou para a esquerda, fazendo com que a carreta invadisse a pista contrária e virasse. Ele estava acompanhado da esposa e, apesar do grande susto, os dois não se feriram. Eles chegaram a ser atendidos pela equipe de resgate da Concessionária Rio-Teresópolis, mas não precisaram ser levados para o hospital. Parte da carga, avaliada em R$ 25 mil, foi saqueada. O crime foi denunciado na 110ª Delegacia Policial.

No ano passado, O DIÁRIO publicou reportagem mostrando que dezenas de casos, principalmente envolvendo carretas carregadas, foram registrados entre os quilômetros 65 e 58. Na ocasião, percorremos esse trecho, constatando que várias partes com declives e curvas fortes, no sentido Além Paraíba, acabam contribuindo para o número de tombamentos. Em julho, uma carreta Mercedes de cor amarela carregada de vinho e outros tipos de bebida tombou exatamente no mesmo local que a Iveco virou na segunda-feira. A cabine foi arrastada por alguns metros do lado do motorista, que ficou ferido com gravidade.  O trecho tem duas curvas bastante acentuadas e um declive forte, o que permite que os motoristas ampliem a velocidade. Uma grande marca no acostamento no lado direito, sentido Além-Paraíba, mostra que outro motorista teve dificuldade ao sair da primeira curva e ingressar na segunda.

Postado em Banner principal, Capa, CidadeComentário (0)

Carreta carregada de combustível tomba na BR 116

Carreta tombou em um trecho da Estrada Rio-Bahia onde já foram registrados diversos acidentes

Carreta tombou em um trecho da Estrada Rio-Bahia onde já foram registrados diversos acidentes

– Motorista perdeu o controle da direção após uma curva e sofreu acidente

Uma carreta carregada de combustível tombou na Estrada Rio-Bahia na tarde desta quinta-feira e causou um grande tumulto no trânsito. Por pouco não ocorreu um acidente de maiores proporções, já que o líquido inflamável começou a vazar e houve até um princípio de incêndio, mas a ação rápida de outro motorista ajudou a controlar a situação.
Por volta de 16:30, a CRT recebeu informação de que o trânsito estaria fechado no Km 62 da Estrada Rio-Bahia em Providência, interior do município por conta de um acidente. As viaturas da concessionária procederam ao local, sendo uma de resgate e outra com pessoal para controle do trânsito. Quando conseguiram passar pelo congestionamento, se depararam com um caminhão tombado em uma curva onde vários outros acidentes já ocorreram. O veículo estava carregado com 30 mil litros de combustível e uma pequena quantidade da carga chegou a vazar, mas a maior parte continuou no cilindro. A carreta seguia no sentido Alem Paraíba quando sofreu o acidente. Confira a matéria completa em nossa edição impressa.

Postado em Banner principal, PolicialComentário (0)

Motorista de carreta preso em ferragens após tombamento

Motorista ficou presou às ferragens e resgate demorou cerca de uma hora e meia

Motorista ficou presou às ferragens e resgate demorou cerca de uma hora e meia

– Mais um veículo de carga virou no quilômetro 99 da Rio-Teresópolis

No final da tarde desta quarta-feira, equipes de resgate do Corpo de Bombeiros e Concessionária Rio-Teresópolis foram acionadas mais um tombamento de veículo de carga na principal rodovia de acesso a Teresópolis, a BR-116, trecho de Serra. E, novamente, um caminhão virou no quilômetro 99 da estrada, em local que foi remodelado recentemente com a criação da terceira faixa. O Mercedes Atron de cor branca e placa LQL-6355/São Gonçalo, seguia sentido Rio de Janeiro quando o motorista perdeu o controle e o veículo terminou de rodas para o alto em uma curva. O condutor ficou preso às ferragens porque cabine e carroceria foram esmagadas contra a mureta de produção.

Foi o segundo acidente exatamente no mesmo local e em pouco mais de um mês

Foi o segundo acidente exatamente no mesmo local e em pouco mais de um mês

De Minas Gerais

Carregado de leite, o Mercedes havia saído de Minas Gerais. Segundo o motorista de uma carreta que transportava engradados de cerveja, tudo indica que a vítima perdeu o controle por causa de um problema mecânico que impediu que diminuísse a velocidade na curva. “Ele perdeu o freio. Quando estava entrando na curva ele veio piscando farol e eu saí da frente, o vendo tombar logo na minha frente. Vi que as rodas estavam saindo fogo e ele veio lá de cima segurando, só que na primeira curva acabou”, relatou o motorista, que parou para ajudar o colega.
Porém, o condutor do Mercedes acabou preso às ferragens, sendo necessária a presença das equipes de resgate. A CRT foi a primeira a chegar, acionando o Corpo de Bombeiros de Magé. O trabalho para retirar o homem da cabine levou cerca de uma hora e meia, causando grande engarrafamento na rodovia federal. O acidente aconteceu próximo a entrada de uma cachoeira. Grande parte da carga de caixas de leite foi saqueada por pessoas que pararam para acompanhar o serviço de atendimento médico e retirada do caminhão. A vítima foi internada no Hospital das Clínicas. Confira a matéria completa em nossa edição impressa.

Postado em Banner principal, PolicialComentário (1)

Carreta perde tanque de combustível em curva

O segundo tanque da carreta bitrem se soltou e capotou na pista, dentro de uma curva forte, indo parar do outro lado

SUSTO NA RIO-BAHIA

– Carregado de óleo diesel, compartimento foi parar do outro lado da pista

 

Motoristas que passavam pelo quilômetro 62 da Estrada Rio-Bahia, em Providência, no Segundo Distrito, levaram um grande susto no final da tarde desta terça-feira. Após um problema no sistema de engate, o segundo tanque de uma carreta bitrem se soltou e capotou na pista, dentro de uma curva forte, indo parar do outro lado, no acostamento. A cena impressionou condutores que passavam pela rodovia próximo ao local do incidente, que poderia ter se transformado em um acidente gravíssimo. Além da chance do tanque atingir algum automóvel ou pedestre no acostamento, poderia ter ocorrido explosão, como aconteceu recentemente em outros acidentes com veículos do mesmo tipo.
O veículo placa NTE-6868 seguia sentido Minas Gerais, tendo saído do Rio de Janeiro. O motorista Célio Silva relatou ao repórter José Carlos “Cacau” que só viu quando o tanque atravessava a pista e nada pôde fazer a não ser controlar o caminhão para que não tomasse o mesmo destino. “Quebrou o engate e não deu para fazer nada, não teve jeito, passou direto na curva. Mas foi um grande susto”, contou. Um caminhão reboque da Concessionária Rio-Teresópolis foi utilizado para retirar o tanque do acostamento.

O ponto onde o Mercedes Benz tombou tem duas curvas bastante acentuadas e um declive forte

Perdendo óleo

Após o tombamento e o choque com o guard-rail, o tanque começou a perder grande quantidade de óleo diesel. Equipes da Concessionária Rio-Teresópolis que ficam posicionadas no antigo pedágio de Três Córregos chegaram rapidamente ao local e utilizaram pó de serra e terra para conter o vazamento e evitar que todo o combustível fosse parar dentro do ribeirão Santa Rita. Grande quantidade de pó de serra também foi espalhada na pista para evitar que outros veículos deslizassem no trecho de curva.
O trecho em questão registra acidentes rotineiramente. No início do mês passado, O DIÁRIO mostrou que o número de tombamentos ou capotamentos de veículos de grande porte entre os quilômetros 58 e 65 é bastante significativo. Na ocasião, o condutor de um veículo carregado de bebidas perdeu o controle e o tombou no quilômetro 63, ficando preso nas ferragens. O ponto onde o Mercedes Benz tombou tem duas curvas bastante acentuadas e um declive forte, o que permite que os motoristas ampliem a velocidade. Uma grande marca no acostamento no lado direito, sentido Além-Paraíba, mostra que, recentemente, outro motorista teve dificuldade ao sair da primeira curva e ingressar na segunda.

Detalhe do engate quebrado e a placa que atenta para o material inflável que era transportado

No mesmo local

No local, conversamos com Luciene França, de 28 anos, que relatou ter sido o segundo acidente com carreta que presenciou, exatamente neste local. No último ano, também viu outros acidentes nas curvas entre Fazenda Suiça e Providência. “Com carreta foi o segundo que eu vi, mas outro dia bateram dois carros, teve um outro que quase entrou aqui, outro pegou fogo no portão e outro quase atropelou meu sogro. Um carro foi ultrapassar o outro e invadiu o acostamento e, se meu sogro estivesse no ponto, teria sido atropelado”, relatou, pedindo mais sinalização nos trechos de curva acentuada.
Dois quilômetros à frente, próximo a entrada de Andradas, mais uma curva onde acidentes do tipo tem sido registrados. No período que ficamos no local, registramos diversos veículos de carga passando em alta velocidade. Diferente da curva anterior, nesse trecho há sinalização sonora indicando o trecho perigoso. Mesmo assim, as marcas de frenagem e ranhuras no asfalto mostram que muitos são os que acabam exagerando na velocidade e passando direto na curva.
Na ocasião, ouvimos a Assessoria de Comunicação da Concessionária Rio-Teresópolis, que informou que estão sendo feitos estudos para a instalação de pardais em diversos trechos da rodovia. Além dos instrumentos para controle de velocidade, a CRT analisa os locais com maior número de acidentes para, caso haja necessidade, seja refeita também a sinalização. Nos trechos citados na reportagem, há sonorizadores e placas indicando os pontos mais perigosos.

Bombeiros pedem atenção dos motoristas

Na ocasião de um acidente envolvendo um veículo de carga na Serra, quando duas pessoas morreram, o Tenente Canuto, do 16º GBM, já pedia prudência aos condutores de veículos de carga. “O cuidado deve ser de todos, mas principalmente dos caminhoneiros que quando perdem a direção causam um estrago muito grande”, alertava, à época. Recentemente, o Coronel Flávio Castro, Comandante do 16º Grupamento de Bombeiros Militares, de Teresópolis, fez o mesmo pedido. “Outra recomendação é fazer a avaliação do veículo quando está em estrada. O caminhão, por exemplo, me parece um veículo antigo e que pode ter faltado freio, o que poderia ter sido visto antes”, atentou, ao atender a ocorrência onde um caminhão de mudanças atingiu seis veículos e matou o empresário Hélio Fernandes Filho, na Serra, no final de novembro.

 

Postado em Banner principal, PolicialComentário (1)

Mais uma carreta explode na Estrada Rio-Bahia

O condutor do caminhão perdeu o controle do veículo e invadiu a contramão antes de colidir com a mureta

– Motorista e ajudante morreram carbonizados no acidente

 

Outro grave acidente envolvendo uma carreta acabou com a morte de duas pessoas no km 29 da BR 116. O condutor perdeu controle e o veículo tombou na pista, batendo em seguida em uma mureta. Após o impacto o carro pegou fogo e os dois ocupantes, um motorista e seu ajudante, não tiveram tempo de sair e acabaram morrendo carbonizados. Este é o segundo acidente com essas mesmas características em duas semanas. O local é conhecido por ser muito perigoso e pela grande quantidade de colisões.
No início da manhã desta terça-feira, 23, duas pessoas ainda não identificadas faleceram em decorrência do incêndio no caminhão de carga, placa NFW-9360, que trafegava pela Rio-Bahia. De acordo com testemunhas, o condutor descia um trecho de serra quando perdeu o controle do caminhão que tombou, invadiu a contramão batendo fortemente contra uma mureta, pegando fogo em seguida. As janelas da cabine ficaram imprensadas entre o chão e a mureta não deixando possibilidade de fuga para as vítimas.
A Polícia Rodoviária Federal foi acionada, bem como as equipes da CRT (tanto o resgate, quanto o pessoal responsável pela sinalização), além dos bombeiros militares, que vieram da cidade de Carmo. Os órgãos de segurança trabalham com as hipóteses de falha mecânica no veículo, ou na possibilidade de o condutor ter adormecido.

A Polícia Rodoviária Federal foi acionada, bem como as equipes da CRT

Tentou ajudar

Jorge Luiz, morador de Além Paraíba, presenciou o impacto e ainda tentou ajudar uma das vítimas antes que o fogo se alastrasse: “Na hora em que eu cheguei o fogo ainda estava pouco, estava começando e tinha uma vítima gritando, mas não teve como socorrer e salvar a pessoa e acabou desse jeito… O caminhão veio batendo a uns 20 metros da mureta. Não deu para fazer nada porque além do fogo tinha também algumas explosões e a gente teve que sair de perto e só esperar o bombeiro chegar, mas eles demoraram um pouco porque vieram do Carmo, e eles demoraram mais de uma hora para chegar, mas também nem adiantava mais nada”.
Na mata nas proximidades do local do acidente o fogo também se alastrou deixando um rastro de destruição.
O trecho foi isolado pela Polícia Rodoviária Federal para a realização da perícia, feita por funcionários de Três Rios.

Após a batida o veículo pegou fogo e os ocupantes não tiveram tempo de fugir

Não é a primeira vez

Este não é o primeiro acidente do tipo no trecho. Há cerca de duas semanas um acidente do mesmo tipo foi registrado no início deste mês uma carreta carregada de combustível tombou e em seguida explodiu no quilômetro 29, na localidade conhecida como Andradas. O motorista não conseguiu escapar e morreu carbonizado na cabine do veículo. A carga espalhou-se pela estrada e pelo acostamento e as chamas acompanharam esse percurso destruindo também boa parte da vegetação ao redor. O corpo de Bombeiros teve muito trabalho para realizar o rescaldo do entorno do acidente e muito material ficou espalhado na pista, fato que ocasionou o fechamento da estrada para o trabalho de limpeza. A carreta carregada de combustível tombou depois que o motorista perdeu o controle em uma curva acentuada. O tanque se desprendeu da carreta e na queda acabou se partindo e ocasionando o derramamento do combustível. O líquido rapidamente se espalhou e com as chamas provocadas pelo acidente uma forte explosão ocorreu inflamando o veículo, o tanque e a carga que se espalhou na queda. O motorista não teve tempo de reação e provavelmente, segundo os bombeiros, deveria estar inconsciente devido o impacto da colisão.

 

 

Postado em Banner principal, PolicialComentário (0)

Mais um caminhão tomba na Estrada Rio-Bahia

Acidentes envolvendo veículos de carga, principalmente, têm sido comuns entre os quilômetros 554 e 90 da Estrada Rio-Bahia

– Trecho nas proximidades da entrada de Andradas já é conhecido por este tipo de acidentes

 

Mais um tombamento de caminhão aconteceu na tarde desta terça-feira, 02, na BR 116, km 63, altura de Providência. Após um trecho de curva, o condutor do veículo acabou perdendo o controle e o caminhão tombou na pista, exatamente do lado do condutor, que acabou ficando preso nas ferragens. O local já é conhecido pelos condutores pelo perigo deste tipo de acidente que é recorrente na via.
Melito José de Macedo, de 49 anos, conduzia uma carreta Mercedes, de cor amarela, placa KEK – 7093, abastecida de vinho e outros tipos de bebida quando sofreu o acidente. A cabine foi arrastada por alguns metros do lado do motorista, que ficou ferido com gravidade.
Ele foi socorrido primeiro pelas equipes de resgate da CRT, e logo depois três viaturas do Corpo de Bombeiros, que teve alguma dificuldade para retirar a vítima, já que a cabine ficou de com o teto todo no chão. Por sorte a vítima não teve mais complicações.
Houve vazamento de óleo na pista, e os militares precisaram jogar serragem para evitar outros acidentes. A Polícia Rodoviária Federal assumiu a ocorrência e prestou o auxilio necessário.

O carreteiro Ronaldo Medeiros, morador de Além Paraíba, foi uma das testemunhas do acidente: “Na hora que eu cheguei, o caminhão já estava tombado. A gente chegou para tentar ajudar. Ele ficou preso nas ferragens entre o volante e o banco, a gente só deixou ele respirar um pouco, porque a cabine estava muito quente e deixamos o resgate para os bombeiros. Já fizemos contato com a firma onde ele trabalha e eles já estão vindo ajudar”.

Com o impacto da carreta no chão, todo o carregamento ficou espalhado pela pista

Outros casos

O número de acidentes envolvendo veículos de carga exatamente no mesmo lugar é bem grande e, mesmo assim, nenhuma medida preventiva foi tomada. Além dos caminhões, condutores de carros de passeio que desconhecem os riscos de passar um pouco do limite de velocidade ou não ter a atenção redobrada nesse trecho acabam se envolvendo em acidentes. No início de janeiro passado, por exemplo, ambulância da CRT foi deslocada para socorrer o motorista de um Renault Sandero que seguia sentido Além Paraíba e capotou no km 61. O motorista era Luiz R., 41, morador de Itaboraí, que teve ferimentos leves e foi atendido no local e encaminhado para o Hospital das Clínicas. Ele estava sozinho no carro.
Em 22 de junho de 2010, o acidente aconteceu na altura de Providência, km 63, onde uma carreta carregada de combustível tombou e explodiu. O motorista, Alessandro Azevedo, residente em Campos dos Goytacazes, conseguiu sair do veículo logo após o tombamento e sair do local antes da explosão. O fogo tomou grande parte da pista por causa do vazamento de combustível. Além disso, parte do líquido pode ter escorrido para o Rio Paquequer. O acidente aconteceu em uma curva. O Corpo de Bombeiros foi acionado e conteve as chamas, mas o veículo de carga ficou completamente destruído. O trânsito ficou interrompido por um grande período, em ambos os sentidos.

Postado em Banner principal, PolicialComentário (0)

Diario TV

Carregando...

Facebook

Twitter Diário TV

Assine nossa newsletter

Loading...Loading...