Tag Arquivo | "Chevrolet"

Quase 500 veículos já foram emplacados esse ano em Teresópolis

A Renault, que em janeiro emplacou apenas 17 unidades, viu suas vendas decolarem nos meses seguintes. A marca é atualmente a empresa que mais cresce na cidade de Teresópolis com o emplacamento de 26 carros em fevereiro e chegando ao seu recorde no ano com 34 carros em março de 2015

A Renault, que em janeiro emplacou apenas 17 unidades, viu suas vendas decolarem nos meses seguintes. A marca é atualmente a empresa que mais cresce na cidade de Teresópolis com o emplacamento de 26 carros em fevereiro e chegando ao seu recorde no ano com 34 carros em março de 2015

CRISE NÃO É PARA TODOS

– Volks e Renault brigam pela liderança de mercado, enquanto Honda apresenta grande crescimento na cidade

Já estamos com mais de 88 mil veículos emplacados em nosso município e, assim como acontece no mercado nacional, a briga pela preferência dos consumidores também é acirrada. Enquanto as inovações nos automóveis e motocicletas não para, as montadoras apostam nos diferenciais de atendimento, na assistência técnica de qualidade e, é claro, no preço mais convidativo. As lideres em nossa cidade são: Volkswagen, com 85 carros emplacados, seguida da Renault com 77 e da Ford, com 67 unidades vendidas em 2015. Ao todo, foram 489 emplacamentos entre janeiro e março deste ano.

Se comparado ao mesmo período do ano passado houve ligeira redução no numero de emplacamentos, afinal, de janeiro a março de 2014 foram 575 unidades negociadas pelas empresas. Naquela ocasião a liderança estava nas mãos da Fiat, com 124 carros, seguida pela Chevrolet com 89 unidades e da Ford com 81 veículos emplacados. Notadamente algumas montadoras viram seu faturamento despencar na comparação anual, como as americanas Fiat e Chevrolet que perderam consideravelmente a competitividade no mercado teresopolitano.

A montadora francesa também conseguiu manter o mesmo número de emplacamentos do ano passado, o que em um cenário de crise e recessão, sobretudo no mercado de carros zero quilômetro, pode ser considerado uma grande vitória.

A montadora francesa também conseguiu manter o mesmo número de emplacamentos do ano passado, o que em um cenário de crise e recessão, sobretudo no mercado de carros zero quilômetro, pode ser considerado uma grande vitória.

Já do outro lado dessa balança estão três montadoras que viram seus emplacamentos aumentarem. Para a Volkswagen o salto foi considerável, de 59 em 2014 para 85 unidades esse ano; enquanto na Honda, esse salto foi de 38 para 53 emplacamentos. Já a Renault apresentou o mesmo número de negociações, 77 unidades em 2014 e 2015. Em todo o ano de 2014 foram emplacados em Teresópolis 2.399 unidades, sendo que a liderança de mercado foi conquistada pela Fiat, com 393 carros, seguida da Volkswagen com 367 emplacamentos e a Ford com 362 unidades.

Na comparação com as cidades vizinhas de Petrópolis e Nova Friburgo, o mercado de venda de carros zero quilômetro também segue com ligeira retração em relação ao ano passado, mas com números não tão ruins assim. Na cidade imperial, em 2015, já foram emplacados 1009 unidades, com destaque para a Ford com 223 emplacamentos, seguida da Volkswagen com 140 e da Fiat com 119. Já em Nova Friburgo foram 484 emplacamentos com liderança para a Volkswagen que emplacou 106 carros, na segunda posição a Fiat com 100 unidades e a Toyota, que possui a forte revenda Toyoserra no município, com 83 emplacamentos.

A Honda já emplacou 53 veículos este ano em Teresópolis, sendo 16 em janeiro, 21 em fevereiro e 16 veículos em março e esse número deve aumentar consideravelmente no mês de abril dado o sucesso do HR-V

A Honda já emplacou 53 veículos este ano em Teresópolis, sendo 16 em janeiro, 21 em fevereiro e 16 veículos em março e esse número deve aumentar consideravelmente no mês de abril dado o sucesso do HR-V

Alguns aspectos de nosso mercado precisam ser levados em consideração para que a comparação dos números de emplacamentos possa ficar mais clara, como por exemplo, a característica de atuação publicitária e a prestação de serviços de algumas marcas. Em janeiro deste ano, por exemplo, a Fiat era líder de mercado em Teresópolis com 34 carros emplacados. A empresa que deixou de ser “Dicasa” e passou a se chamar “Automotive”, viu suas vendas caírem em nosso município, a ponto de em fevereiro apenas 17 modelos da Fiat foram emplacados, mas em março esse número caiu ainda mais para apenas 15. A mudança do nome e a sua reestruturação no município podem ter influenciado nos números, mas, com a previsão de novos investimentos em divulgação e reforço da marca podem reverter essa situação da Fiat em Teresópolis.

Já a Renault que em janeiro emplacou apenas 17 unidades, viu suas vendas decolarem nos meses seguintes. A marca é atualmente a empresa que mais cresce na cidade de Teresópolis com o emplacamento de 26 carros em fevereiro e chegando ao seu recorde no ano com 34 carros em março de 2015. A montadora francesa também conseguiu manter o mesmo número de emplacamentos do ano passado, o que em um cenário de crise e recessão, sobretudo no mercado de carros zero quilômetro, pode ser considerado uma grande vitória. Esta semana, com a chegada do novo modelo da utilitária Duster, a empresa espera incrementar ainda mais o número de emplacamentos do Grupo Serra em terras teresopolitanas. Com características que agradam ao público da cidade, a nova Duster pode fazer a diferença nos próximos meses.

A alemã Volkswagen também apresenta uma boa média de vendas em nosso município, sendo inclusive, na totalidade dos emplacamentos em Teresópolis a empresa líder de mercado este ano, com as suas 85 unidades negociadas no ano de 2015, entre janeiro e março. Mês a mês a VW conseguiu os seguintes números: janeiro: 29 carros, fevereiro: 24 unidades e março 32 veículos vendidos. Entre os trunfos do crescimento da marca em nossa cidade estão a reformulação completa da sua revenda e a nova unidade de atendimento. O grupo Frivel – Eurokraft hoje ocupa um amplo espaço na Tijuca, aonde nos anos 2000 chegou a funcionar a antiga Fiat. O espaço recebeu reformas e foi modernizado.

Outra que também se projetou muito nesse período foi a japonesa Honda, que definitivamente ganhou espaço no município. A mais nova das autorizadas vê o seu nome crescer mesmo antes da chegada da grande novidade do ano, o HR-V. A Honda já emplacou 53 veículos este ano em Teresópolis, sendo 16 em janeiro, 21 em fevereiro e 16 veículos em março. Não é demais lembrar que a Honda pode surpreender muito, principalmente no mês de abril devido ao grande sucesso do recém-chegado HR-V. O novo carro da montadora japonesa, que você pode conferir com exclusividade aqui nas páginas de O DIÁRIO, foi lançado simultaneamente com as grandes capitais através de um trabalho da Honda Hayasa e agradou muito ao público da cidade, que negociou um grande numero de unidades no período.

A montadora Ford está em terceiro lugar nos emplacamentos este ano em Teresópolis com 67 veículos. A empresa do Grupo Besouro Tec Auto apresentou em janeiro o seu melhor mês em 2015 com 31 emplacamentos, mas em fevereiro viu despencar essa capacidade de negociação para apenas 11 carros. Mas a Ford fechou o mês de março com 25 veículos emplacados, o que pode representar um fôlego a mais para a marca. Suas novidades para o mercado esse ano, como o Fusion e o Focus com linhas de financiamento diferenciadas também podem influenciar no índice de emplacamentos em 2015.

Em janeiro de 2015 foram 183 carros emplacados em Teresópolis, enquanto fevereiro amargou o título de “o pior mês” com 132 emplacamentos. Já em março o número voltou a crescer contabilizando 174 veículos negociados, o que também pode representar recuperação do mercado. Vale lembrar que mesmo a cidade contanto com autorizadas das marcas, não é certo que os veículos emplacados que constam na lista tenham sido comprados diretamente nelas.

 

Postado em Banner principal, Capa, CidadeComentário (0)

Dunga é o novo embaixador da Chevrolet

Dunga e Gilmar, que juntos foram campeões em 94, são os novos garotos propaganda da Chevrolet

Dunga e Gilmar, que juntos foram campeões em 94, são os novos garotos propaganda da Chevrolet

– Marca tem planos de utilizar a Granja Comary para ações de marketing com a Seleção

Após firmar um acordo de patrocínio com a Confederação Brasileira de Futebol, a Chevrolet segue investindo associar a marca ao futebol e anunciou novidades para suas campanhas publicitárias no mercado brasileiro. A empresa reuniu a imprensa nacional no auditório da sede da CBF, na Barra da Tijuca, para anunciar seus novos garotos propaganda: Carlos Caetano Verri, o Dunga, técnico da Seleção, e Gilmar Rinaldi, coordenador técnico. Esse é mais um passo para aproximar a empresa automobilística à grande paixão do povo brasileiro que é o futebol.

Em entrevista coletiva, a direção de Marketing da empresa e os dois novos contratados destacaram que a parceria se encaixa perfeitamente com o momento de buscar novos caminhos para a Seleção para enfrentar os obstáculos que tem pela frente, justamente como é o lema da Chevrolet: “O nosso slogan é “Find new roads” que é inventando novos caminhos. A gente está junto com a Seleção nesse novo momento de reinvenção, associando duas paixões que são o carro e o futebol. Estamos muito felizes com o patrocínio à CBF, ao beach soccer e também agora com a chegada do Dunga e do Gilmar”, explicou Felipe Teixeira, gerente de marketing da Chevrolet

Direção de Marketing da Chevrolet se reuniu com Gilmar e Dunga para a assinatura do contrato de patrocínio

Direção de Marketing da Chevrolet se reuniu com Gilmar e Dunga para a assinatura do contrato de patrocínio

Teresópolis na mira

Neste momento de estreitamento de relações com a CBF, Teresópolis também está nos planos da marca para as ações de marketing, pois o acordo de patrocínio prevê a utilização das instalações do centro de treinamento da Granja Comary: “Dentro do nosso contrato, a gente tem direito de uso da Granja Comary em alguns momentos e nada impede desde filmagens de veículos caso a gente ache interessante, mas também para fazer eventos com donos de concessionárias, com vendedores, a gente tem o direito de uso. É um lugar muito bem visto, é um sonho de todos nós conhecer a Granja Comary e a bela cidade de Teresópolis. As portas estarão abertas, já conversamos com a equipe da CBF e com certeza nós teremos alguns eventos acontecendo ao longo dos próximos anos, seja eventos comerciais, de vendas, esportivos e até quem sabe a filmagem de alguma campanha de alguns carros dentro da Granja Comary o u dentro da própria cidade”, detalhou Felipe.

Dunga é descrito pela marca como um líder dentro e fora de campo que é capaz de guiar o grupo pela engenhosidade, inovação e qualidade, como tem demonstrado neste retorno ao comando da Seleção. O gerente de Marketing destacou ainda que a parceria vai contar com a associação de dois dos principais produtos da marca: “O Gilmar vai usar uma Trailblazer e o Dunga vai ter uma Trailblazer e um Cruise Sport 6. A nossa estratégia é oferece nosso produtos a eles para que usem, experimente e também divulguem a nossa marca. O Cruise é o Chevrolet mais vendido no mundo, é um carro global que é sucesso de vendas em todos os países e também no Brasil. A Trailblazer é um lançamento mais recente que o Cruise, mas também é um belo carro”.

Dupla concedeu entrevista coletiva em que também falaram sobre o momento da Seleção e da expectativa para as próximas competições

Dupla concedeu entrevista coletiva em que também falaram sobre o momento da Seleção e da expectativa para as próximas competições

Renovação do futebol brasileiro

Na coletiva, Dunga também teve que falar sobre os próximos desafios da Seleção e ainda avaliar o trabalho de renovação do nosso futebol. Segundo ele, haverá grande dificuldade na preparação para a Copa América e para as Eliminatórias para a Copa do Mundo devido à falta de tempo para treinar. Ele explicou ainda que o trabalho nas categorias de base segue tendo a confiança da CBF e que acredita no potencial dos jovens que estão despontando para conseguir fortalecer o futebol brasileiro.

O evento contou com apresentações que mostram a convergência entre os ideais da empresa com a história de sucesso do futebol brasileiro. A Chevrolet já possui tradição no apoio ao futebol e esportes a motor no Brasil e no mundo. Além de patrocinar a Seleção Brasileira de Futebol, apóia também o Campeonato Brasileiro de Futebol (séries A e B) e a seleção brasileira de “beach soccer”. Na Europa, a Chevrolet patrocina grandes clubes como o Manchester United, da Inglaterra. O acordo mais recente foi firmado em fevereiro com a seleção colombiana de futebol. A parceria também será embaixador do “One World Play”, projeto social apoiado pela Chevrolet que tem o objetivo de levar o esporte a áreas carentes por meio de bolas de futebol indestrutíveis, atendendo a jovens de classes sociais menos favorecidas.

Durante o evento cinco jovens que representavam uma instituição apoiada pelo One World Play receberam bolas autografadas per Dunga e Gilmar como forma de marcar o início desse trabalho.

 

Postado em Capa, Diário MotorComentário (0)

Duas colisões de veículos em postes em Teresópolis

Motorista e a carona, mãe e filha, foram socorridas pelos Bombeiros e levadas para o HCT

Motorista e a carona, mãe e filha, foram socorridas pelos Bombeiros e levadas para o HCT

– Mãe filha ficaram feridas na Teresópolis-Friburgo

 

Socorristas do Corpo de Bombeiros prestaram atendimento e conduziram para o Hospital das Clínicas três pessoas que ficaram feridas após os veículos que estavam atingirem postes. O primeiro acidente aconteceu no quilômetro 7,5 da Estrada Teresópolis-Friburgo, em Albuquerque, ficando feridas duas mulheres – mãe e filha que estavam em um Gol de cor branca. A motorista teria levado uma fechada de um veículo e puxado para o acostamento, atingindo o poste em cheio. As duas são moradoras da localidade de Bonsucesso, no Terceiro Distrito.

Logo após esse acidente e quase no mesmo, a PM registrou mais uma colisão: o motorista de outro um Gol branco teria tido a atenção desviada para o carro batido no poste e atingido a traseira de um Fiat que seguia na sua frente. Nesse caso, ninguém se feriu.

Já na Rua Amapá, bairro de Araras, uma mulher de 26 anos se machucou depois que o Corsa que dirigia terminou com a frente em um poste. A motorista estava sozinha no veículo, ficando levemente ferida. Sem outros ocupantes no automóvel, não foi preciso registrar o caso na 110 DP. O Chevrolet de cor verde ficou com a frente bastante danificada.

Postado em Banner principal, Capa, Cidade, PolicialComentário (0)

Chevrolet Montana 2015

Chevrolet Montana 2015Novo modelo da Chevrolet ganha direção hidráulica de série

A Chevrolet já comercializa a linha 2015 da Montana, que traz como principal novidade a direção hidráulica como item de série também na versão de entrada (LS). Dessa forma, o modelo passa a ser a picape compacta equipada mais acessível do seu segmento.
Banco do motorista e cinto de segurança com regulagem de altura, para-choques na cor da carroceria, alerta para o esquecimento dos faróis ligados e freios ABS com EBD (assistente de frenagem de emergência), por exemplo, são outros diferenciais de série do veículo, que pode vir com ar-condicionado e comando elétrico dos vidros, das travas e dos retrovisores externos.
A Montana também se destaca por sua capacidade de carga. São até 768 kg, cerca de 10% superior à das principais concorrentes. A caçamba comprida e alta transporta com segurança até objetos grandes, como uma motocicleta.
Para preservar o assoalho e assegurar o valor de revenda, o modelo vem com protetor de caçamba, dez ganchos para amarração de cordas e o degrau side step, que facilita o acesso ao compartimento pela lateral. Já a tampa traseira possui trava antifurto com chave.
“Estes atributos reforçam a imagem da Montana como a picape de cabine simples com a melhor relação custo-benefício do mercado”, ressalta Marcos Munhoz, vice-presidente da General Motors do Brasil.
Para o executivo, a introdução da direção hidráulica ao catálogo de entrada do veículo traz vantagens também ao consumidor frotista que busca maior produtividade e conforto para o motorista.
Outra novidade da linha 2015 é a opção de carroceria na cor preto Carbon Flash, que estará disponível nas lojas a partir de setembro. Por ser metálica, a pintura deixa o veículo ainda mais atraente. A picape Chevrolet também é comercializada nas cores Branco Summit e Vermelho Pepper (sólidas), além da Cinza Astec e Prata Switchblade (metálicas).
A lista de acessórios está ainda mais completa com o novo suporte de bicicleta. Projetado para ser instalado na caçamba da picape, o item permite a fácil fixação da bicicleta em pé, de modo que o quadro não encoste em nenhuma superfície.
Sensor de estacionamento, santo antônio e capota marítima são alguns dos outros itens disponíveis para o modelo na rede Chevrolet, com mais de 600 concessionárias no país.

Pronta para o lazer
A Montana possui ainda a versão Sport, voltada principalmente para o consumidor que procura um automóvel versátil de dois lugares para o dia a dia e para o lazer.
Além de vir completa de série, essa configuração se destaca ainda pelo acabamento visual mais sofisticado. Rodas de liga leve de 16”, faróis com máscara negra, luzes de neblina, rack de teto e adesivo de coluna estão entre os diferenciais.
Por dentro, há sistema de acendimento automático dos faróis, coluna de direção regulável em altural, controle de velocidade de cruzeiro, computador de borbo e sistema de som com Bluetooth e entrada USB. A versão Sport também é caracterizada pelos apliques decorativos na cor cinza “Midnight” na cabine que, devido ao conceito MaxCab, comporta bagagens de mão na parte posterior dos bancos.
A Montana é equipada com o motor 1.4 litro mais potente da categoria. O EconoFlex da Chevrolet desenvolve até 102 cavalos e 13,5 kgfm de torque, garantindo elevado nível de desempenho mesmo com o carro carregado. A transmissão é a manual de cinco velocidades F1X de segunda geração, com engates curtos, precisos e ré sincronizada. Um conjunto desenvolvido para proporcionar alta eficiência energética e resistência mecânica.

Postado em Banner principal, Cidade, Diário MotorComentário (0)

Camaro é o herói no novo filme da série Transformers

Chevrolet Camaro – Transformers“Transformers: A Era da Extinção”, que estreia dia 17 de julho no Brasil, é o quarto episódio da franquia

O Chevrolet Camaro encarna mais uma vez o personagem Bumblebee, que retorna às telas do cinema a partir do dia 17 de julho com a estreia nacional de “Transformers: A Era da Extinção”, quarto episódio da franquia dirigida por Michael Bay.
Para protagonizar mais uma vez o herói, o carro passou por uma remodelação exclusiva, feita por designers da própria GM a pedido dos produtores do filme. O objetivo foi deixar o Bumblebee com visual futurista.
A equipe projetou uma nova frente e uma carroceria ligeiramente mais larga para o cupê esportivo, que, assim, ganhou também musculatura e linhas mais agressivas.
“Estar em um filme de abrangência internacional é, sem dúvida, uma grande oportunidade para a GM mostrar seu potencial em design”, destaca Ed Welburn, vice-presidente Global de Design da General Motors.
Esta será a quarta participação do Camaro na série Transformers. A parceria, iniciada em 2007, está sendo extremamente positiva para a imagem do carro, que, nos últimos quatro anos, passou a liderar as vendas em seu segmento em diversos mercados.
“O fato de modelos Chevrolet protagonizarem heróis no filme também vem colaborando para o aumento da popularidade destes veículos, principalmente entre o público jovem”, conta Tim Mahoney, diretor global de marketing da Chevrolet.
Mas como um Transformer nunca enfrenta seus inimigos sozinho, o herói Bumblebee contará com a ajuda de outros carros da marca Chevrolet. Entre o Sonic e o Tracker, que são igualmente comercializados no mercado brasileiro, além do novo Corvette Stingray. Todos esses podem ser vistos no filme caracterizados de robôs também.
Além de fornecer veículos para a produção, a GM disponibilizou algumas de suas instalações nos EUA como sets de filmagem. Entre elas o Centro de Design de Warren, o campo de provas de Milford e a fábrica de Lansing Grand River.
No mês passado o Camaro ganhou mais uma versão no mercado brasileiro, a conversível, que, assim como o cupê, tem motor V8 de 406 cavalos, transmissão automática de seis marchas e uma extensa lista de equipamentos de série.

Postado em Banner principal, Capa, Cidade, Diário MotorComentário (0)

Chevrolet lança a série especial Advantage do Prisma

Chevrolet Prisma Advantage 2015Série Advantage traz itens exclusivos, como aerofólio traseiro, rodas aro 15 com acabamento escuro e interior personalizado

A Chevrolet lança a série especial Prisma Advantage, que chega ao mercado brasileiro para satisfazer o consumidor que busca um sedã de visual esportivo com diversos itens de conforto, baixo consumo de combustível e preço acessível.
A série especial se destaca pelos itens exclusivos, entre eles os faróis com máscara negra, o aerofólio na tampa traseira e as molduras de proteção lateral. Adesivo da coluna central em preto brilhante e rodas de liga leve aro 15 na cor cinza escura também fazem parte do pacote.
O interior é igualmente personalizado. Há tapetes em carpete e porta-objetos do painel e do console central revestidos com material emborrachado de cor cinza.
Completam a lista os faróis de neblina, os vidros e travas elétricos com acionamento remoto pela chave tipo canivete e o sistema multimídia Chevrolet MyLink.
Com tela de LCD de sete polegadas sensível ao toque, entrada USB e conexão Bluetooth, o sistema permitem ao usuário trazer suas músicas, fotos, vídeos e aplicativos do smartphone, como o BringGo, específico para navegação.
Outra comodidade desta série especial é o volante multifuncional revestido em couro com controle das funções do rádio e do telefone. O recurso proporciona ainda mais segurança, pois os botões de atalho ficam estrategicamente posicionadas na extremidade do raio do volante, bem ao alcance dos dedos.
Caracterizado pelo emblema “Advantage” nas portas dianteiras, o modelo possui três opções de cores externas: Branco Summit, Prata Switchblade e Cinza Mond.
Com preço sugerido de R$ 44.776, o Prisma Advantage é comercializado exclusivamente com o motor SPE/4 1.0 litro com 80 cavalos de potência e a transmissão manual de cinco marchas. A garantia é de três anos sem limite de quilometragem.

Novos acessórios
Outra novidade, essa extensiva para toda linha Prisma e Onix, são os acessórios disponíveis para estes modelos, como os bancos em couro, além da câmera de ré e do módulo de TV compatíveis com o sistema multimídia Chevrolet MyLink. Os itens estão disponíveis na rede de concessionárias da marca.

Postado em Banner principal, Capa, Cidade, Diário MotorComentário (0)

Sem tempo ruim

te100614-01Chevrolet aposta no charme retrô do Camaro conversível para se manter em alta entre os esportivos

Quem vive de passado é museu. E também alguns modelos de automóvel. No segundo caso, claro, sempre em versões revistas e melhoradas, mas sem deixar de evocar o glamour de época e abusar do charme retrô. No caso do Chevrolet Camaro, essas qualidades ficam ainda mais potencializadas na configuração conversível, versão que chega agora no Brasil com o poético nome de Sunrise O esportivo da marca norte-americana seria interessante mesmo sem fazer qualquer menção ao modelo original, de 1967, mas não perde nada ao utilizar as referências. Tanto que esta quinta geração fez o que nenhuma das quatro anteriores conseguiu: bateu em vendas o Mustang, o “pony car” da arquirrival conterrânea Ford. No ano passado, no mundo inteiro, o Camaro somou 25 mil unidades a mais.
Este sucesso explica bastante a sutileza do face-lift promovido pela General Motors, controladora da Chevrolet. Como o carro vinha ganhando mercado, mas já tinha três anos de lançado, a GM mudou alguma coisa para não mudar coisa alguma: mexeu um pouco nos faróis, no capô, no para-choque dianteiro e nas lanternas traseira. Primeiro no cupê, depois no conversível. Com a vinda da nova configuração, as vendas da linha Camaro devem crescer em 10% – atualmente, o cupê responde por pouco mais de mil unidades anuais. Esperar emplacar apenas 100 carros por ano do Sunrise não encontra uma boa justificativa no preço. O conversível chega por R$ 239.900, somente 8% a mais que a versão cupê.
O poder de atrair olhares e desejo da versão descapotável pode até ser maior que da fechada, mas as limitações meteorológicas de um conversível em um país tropical – com muita chuva e sol forte – atrapalham o desfrute do modelo e acabam fazendo do cupê uma escolha mais lógica. Pelo lado da esportividade, a engenharia da General Motors tentou de todas as maneiras “igualar” o desempenho estrutural do modelo aberto. Criou uma espécie de “muro de arrimo” sob os assentos e o encosto do banco traseiro, para melhorar a conexão entre as partes da frente e de trás. Ainda colocou diversas barras de reforço sob o assoalho, no sentido transversal e do tipo cantoneiras. Por fim, criou um pilar hidroformatado que vai do piso à frente da porta e engloba a moldura do para-brisa – a resistência dessa estrutura permitiu dispensar o santantônio, presente na maioria dos conversíveis modernos.
O resultado de todo este reforço foi um ganho de 126 kg em relação ao cupê. Isso não chega a alterar sensivelmente o desempenho do motor 6.2 V8 de 406 cv, com nada menos que 56,7 kgfm de torque. Ele é gerenciado por um câmbio automático de seis marchas, com trocas através de borboletas na coluna de direção. Este trem de força é idêntico ao utilizado no modelo fechado. O mesmo se aplica à suspensão e aos sistemas auxiliares de condução, como controle de estabilidade e de torque e diferencial com escorregamento limitado.
Internamente, o Camaro tem linhas gerais retrô, com instrumentos com moldura prateada, velocímetro e conta-giros em clusters separados bem atrás do volante e quatro pequenos mostradores na base do console central. No painel principal, os dois “relógios” ficam separados por uma pequena tela vertical de LCD, com dados do computador de bordo. No console, um monitor de 7 polegadas incorpora as funções de central multimídia e GPS. Mas o que mais impressiona no modelo é mesmo o acabamento. O interior forrado em couro com aplique em acrílico empresta bastante sofisticação ao conjunto. É, de longe, o Chevrolet mais requintado vendido no Brasil.

Força estranha
Guarujá/SP – O Camaro é um esportivo americano à moda antiga. Ainda mais na versão SS. Tem motor de muitos litros com potência lá em cima e torque mais alto ainda. Toda a força é dirigida ao eixo traseiro. Numa pisada repentina e funda, as rodas só não ficam totalmente descontroladas por obra do controle eletrônico de tração e do diferencial com escorregamento limitado. O mais óbvio seria ceder ao chamado da esportividade. Mas, em se tratando de um Camaro conversível, tudo muda de figura. A esportividade está lá, feroz, só que o carro convida – praticamente induz – ao passeio. De teto arreganhado, não é nem tão agradável andar em velocidades muito acima de 100, 120 km/h. Naturalmente, se assume uma postura mais contemplativa.
A capota fechada deixa o carro mais adequado para se arrancar uma boa dose de agressividade. Mesmo que motor e caixa de marchas se desentendam um pouco quando deixados por conta própria. Há um delay meio irritante entre a pisada no acelerador e a reação do câmbio. O melhor é gerenciar tudo diretamente, através dos paddle-shifts atrás do volante. Dessa forma, as acelerações e retomadas são impactantes. A suspensão da versão SS impede que o “pony car” empine nas arrancadas ou mergulhe nas freadas. Ela é própria para conduções mais abusivas, mas sua firmeza pode gerar um certo desconforto nos maltratados ambientes urbanos das cidades brasileiras.
De qualquer maneira, há muito o que usufruir da vida a bordo do Camaro. O ar-condicionado, apesar de não ser automático, é potente para poder controlar um pouco o ambiente quando o teto está recolhido. Os revestimentos internos, principalmente nas áreas de toque direto, são bem agradáveis. Há vários outros recursos, como banco em couro com ajuste elétrico, GPS em português brasileiro e sistema multimídia com conexão bluetooth. Tudo isso embalado pelo ronco borbulhoso de um V8.

por Eduardo Rocha / Auto Press

Postado em Banner principal, Capa, Cidade, Diário MotorComentário (0)

Chevrolet apresenta linha 2015 do Classic

Chevrolet Classic 2015Versão Advantage ganha duas novas opções de cores externas

Sedã mais vendido na história da General Motors do Brasil, o Classic chega à linha 2015 com novidades estéticas, reforçando os principais atributos do carro, como o elevado valor de revenda e o baixo custo de manutenção.
Com ar-condicionado de série, o modelo é o sedã 1.0 litro mais acessível do mercado equipado com este item de conforto.
Além da versão LS, de entrada e com três opções de pacotes, o Chevrolet possui a série especial Advantage, que incorpora inúmeros itens de conveniência e aparência.
Lançada em março, a série ganhou duas novas opções de cores: Prata Swichblade (metálica) e Branca Summit (sólida), que se juntam no catálogo à Cinza Mond.
O Classic Advantage soma ainda direção hidráulica, travas e vidros elétricos, chave com controle remoto e alarme anti-furto. Completam a lista as rodas de alumínio de 14 polegadas, o toca CDs com entrada USB e Bluetooth, além dos adesivos de coluna e os retrovisores pintados na cor preto brilhante.
Já itens como sensor de estacionamento e navegador GPS são oferecidos como acessórios para qualquer versão, na rede de concessionários.
Marcos Munhoz, vice-presidente da GM do Brasil, afirma que o modelo continua atrativo por seus diversos atributos. “Além da excelente ergonomia, do amplo espaço interno e do porta-malas com 390 litros de capacidade, o Classic, desde o fim do ano passado, ficou mais seguro ao incorporar o airbag duplo e os freios ABS como itens de série.”
Painel interno das portas dianteiras com inserto em tecido, sistema de alerta dos faróis ligados, quadro de instrumentos com conta-giros e display com informações de data, hora e temperatura também estão presentes na linha 2015.

Motorização
O Classic está equipado com o motor 1.0 litro VHC E, um dos mais potentes da categoria. Flex, ele desenvolve até 78 cavalos e 9,7 kgfm de torque, quando abastecido com etanol.
O Chevrolet também está entre os modelos mais econômicos. Quando abastecido com gasolina, o sedã pode chegar a 900 quilômetros de autonomia. O baixo peso do sedã (905 kg) e o tanque de 54 litros contribuem para este feito.

Postado em Banner principal, Capa, Diário MotorComentário (0)

Chevrolet lança nova campanha na internet

Consumidores poderão encontrar ofertas inéditas entre os dias 24 a 27 de abril

Respaldada pelo sucesso em ações como o Blackfriday e Megadia, a  Chevrolet lança mais uma ação de varejo no Rio de Janeiro. Trata-se do Outlet Chevrolet, uma promoção inédita de vendas com a rede de concessionárias na internet. Entre os dias 24 a 27 de abril os consumidores vão encontrar ofertas inéditas com preços bem competitivos e descontos que podem chegar a R$ 10.000,00.
“A Chevrolet aposta na inovação também na hora de comunicar os benefícios aos seus consumidores. Esta campanha, além de ajudar a realizar o sonho de quem quer um Chevrolet zero, está alinhada com o DNA da marca” afirma Katia Gamba gerente regional de Marketing da General Motors do Brasil.
No site da Outlet Chevrolet (www.outletchevrolet.com.br) o cliente vai conhecer todos os modelos oferecidos, fazer a reserva do veículo de sua preferência imprimir um voucher e ir a concessionária para concretizar a compra. São ofertas limitadas (por chassi) e específicas por concessionárias.

Postado em Banner principal, Capa, Cidade, Diário MotorComentário (0)

Classic Advantage: série especial chega mais completa

Modelo sai de fábrica com um conteúdo completo de equipamentos, incluindo itens de conforto, conveniência e de aparência

A Chevrolet lança, neste início de março de 2014, a série especial Classic Advantage, que chega ao mercado brasileiro oferecendo como principal diferencial um maior valor agregado – incorporando inúmeros itens de conforto, de conveniência e de aparência. O modelo será vendido exclusivamente na cor cinza Mond por um preço público sugerido de R$ 34.170 (já com o preço da pintura incluso). O Classic Advantage junta-se às outras séries especiais Advantage lançadas em setembro do ano passado, dos modelos Celta, Cobalt e Spin.
“Obtivemos sucesso com as primeiras séries especiais lançadas em 2013 e decidimos continuar com esta estratégia de marketing agora também com um dos modelos mais vendidos da linha Chevrolet, o Classic. Trata-se do sedã mais barato do país e que confere ótimo valor de revenda, baixo custo de manutenção e seguro barato, configurando-se como um dos modelos de melhor relação custo-benefício do mercado brasileiro”, destaca Marco Aurélio Pacheco, diretor de Marketing da Chevrolet / General Motors do Brasil. Segundo ele, “os clientes buscam, cada vez mais, uma maior personalização e exclusividade nos seus veículos, mesmo nos segmentos de entrada nos quais os clientes vem se mostrando bastante exigentes”.

Classic Advantage
O conteúdo do Classic Advantage

O Classic Advantage já sai de fábrica equipado com os sistemas de direção hidráulica e ar-condicionado integrado, travas elétricas nas quatro portas, alarme anti-furto, fechamento automático acionado pelo “Keyless Entry System”, vidro elétrico das portas dianteiras com acionamento por “um toque”, antiesmagamento e fechamento automático pela chave. O modelo conta também com rodas de alumínio com aro de 14 polegadas e porta-revista no banco do passageiro. E, no quesito de segurança, tem como itens de série os sistemas de freios ABS com EBD de série e airbags duplos dianteiros.
Na parte interna do veículo, além de oferecer o TID (display digital de data, hora e temperatura) e o rádio com CD Player com saída USB, Aux In e Bluetooth, o Classic Advantage ainda conta com nova cor interna “cinza Aquarium”, que foi aplicada no painel central, na manopla e nos botões de buzina do volante. Ainda é exclusividade da linha Advantage nos itens de aparência externa, os adesivos de coluna e dos retrovisores pintados na cor preto brilhante (high gloss), o emblema Advantage nas portas e as molduras laterais na cor do veículo.
O Classic está equipado com o motor 1.0 Econo-Flex, um dos mais potentes da categoria dos veículos compactos no Brasil. Com esta motorização, o modelo desenvolve 78 cavalos de potência e tem 9,7 kgfm de torque, quando abastecido com o etanol. Com gasolina, ele desenvolve 77 cavalos de potência e oferece 9,5 kgfm de torque.

Postado em Diário MotorComentário (0)

Diario TV

Carregando...

Facebook

Twitter Diário TV

Assine nossa newsletter

Loading...Loading...