Tag Arquivo | "diario tv"

“PRECISAMOS RECONSTRUIR O MODELO POLÍTICO”

zentrevista_bontempo4

Prefeito Rubens Bomtempo fala da necessidade de restruturação das Prefeituras

– Administrador de Petrópolis aponta a crise política e a instabilidade dos partidos como principais agravantes da situação de fragilidade da economia

 

Em entrevista a Diário TV Canal 4, o Prefeito de Petrópolis, Rubens Bomtempo,  falou sobre o atual modelo econômico dos municípios e como a autonomia administrativa pode garantir uma recuperação econômica mais efetiva as cidades. Em seu terceiro mandato como Chefe do Executivo, Rubens considera que a reconstrução do modelo político vigente e o envolvimento da população nessa reformulação são fundamentais param que os efeitos da crise se transformem em combustível para o desenvolvimento sustentável e duradouro. Bomtempo também falou dos instrumentos de ajuste fiscal que aplicou em seu município e como a transparência na gestão o ajudou a ganhar apoio popular e das instituições da cidade.

zentrevista_bontempo2Sobre as mudanças e a instabilidade que vive o país, Bomtempo conceituou os partidos e o contexto político partidário como grandes vilões. “Acho que os partidos políticos na sua grande maioria deixaram de discutir ideias e acabaram priorizando a disputa pelo poder e com isso se tornaram muito parecidos. Assim, a população de uma forma geral, acaba não se sentindo representada, mas é através desse modelo que podemos efetivamente praticar as mudanças necessárias. Nós vivemos uma crise de representatividade muito grande que acaba agravando ainda mais as outras crises estabelecidas no país. Aí vem um verdadeiro efeito cascata, essa crise atinge diretamente a credibilidade das pessoas que estão a frente das instituições, essas instituições acabam vivenciando essa descredibilidade que se transforma em crise econômica, energética, enfim, esse caos que vimos hoje. Vivemos diversas crises para administrar. Eu costumo comparar aos efeitos de uma tsunami, que as vezes acontece bem longe, mas que acaba se refletindo quilômetros depois. A crise chegou com muita força nos municípios, como num efeito de uma onda gigante”, disse.

zentrevista_bontempo1Quanto as perspectivas de mudanças e ao auxilio proveniente dos órgãos superiores como estado e União, o prefeito foi taxativo em considerar a situação muito grave para as cidades. “Hoje temos uma espécie de reversão do ciclo natural da ajuda. Normalmente víamos que os municípios em dificuldades recorriam aos estados que por sua vez pediam auxílio da União em casos extremos e delicados. Hoje, é bem ao contrário. Ou seja, a União se desestabilizou criticamente e afetou os estados, tendo os municípios como o foco final da crise e ente mais frágil quanto aos reflexos. O que vemos, bem claramente, é que os municípios, que hoje estão isolados, vão precisar se reinventar a partir de agora. Todos os municípios deste país, dentro desse modelo induzido pelo governo Federal acabaram por inchar suas estruturas. Posso exemplificar com as criações de ministérios, cujo governo acabou insistindo para que os municípios seguissem o exemplo e também instituíssem secretarias de mesma característica e finalidade. Assim, o inchaço da União chegou a muitas cidades, que se não se reinventarem, e permanecerem a espera de grandes reformas do governo federal, vão acabar pagando uma conta muito alta logo”, explica.

z1entrevista_bontempo3Em seu município, Bomtempo já arregaçou as mangas para enfrentar a crise e os seus avassaladores efeitos. “Hoje em Petrópolis estamos fazendo os ajustes fiscais necessários para atravessarmos esse período de turbulência com o máximo possível da normalidade administrativa e para isso vamos reduzir os valores de grande parte dos Cargos em Comissão da gestão, dentro da melhor forma possível reduzir algumas secretarias, através de fusões, e o aumento da arrecadação, que é fundamental. Vamos fazer uma revisão dos incentivos fiscais, nos cabe também buscar a cobrança da dívida ativa, que muitas vezes pode parecer antipático, mas se faz necessário. Estamos buscando sempre o diálogo com a população para que todo esse processo seja o mais transparente possível e priorizando o interesse público”, enaltece.

O prefeito também falou das possibilidades de repensar o sistema econômico vigente. “Tudo isso gera a necessidade da sociedade discutir a qualificação do gasto público. Precisamos fazer uma remodelação de nosso estado e propor um novo modelo de gestão, sem esperar que o governo federal faça. Precisamos abraçar a inovação, capaz de nos permitir a ruptura de modelos pré-concebidos e que são hoje quase inquestionáveis, o Brasil não é esse pouco que nos empurram. Assim, foi criada uma realidade muito superficial pelo modelo vigente de gestão hoje no país. Temos uma economia basicamente alicerçada no consumo, única e exclusivamente, e chega a ser um grande contrassenso quando vemos o Partido dos Trabalhadores, desindustrializando o país. Nossa indústria ficou durante muito tempo desprotegida e sendo um alvo fácil da concorrência internacional, portanto hoje completamente fragilizada. Mas isso tudo gera descrédito. Construir uma nova plataforma política precisa necessariamente ouvir e representar a população. É preciso enxergar as verdadeiras necessidades da população. No congresso, por exemplo, temos os interesses de vários segmentos sendo representados, ou seja, temos a bancada evangélica, a bancada ruralista, a bancada da família, mas e a bancada do povo brasileiro? A nossa população não está representada, isso precisa mudar”, explica Bomtempo.

Postado em Banner principal, CapaComentário (0)

Câmara faz homenagem ao aniversário do Grupo Diário

“Sr. Presidente, Srs. Deputados, venho aqui hoje a esta tribuna para fazer as minhas homenagens e parabenizar um veículo de comunicação que muito vem contribuindo para a cidade de Teresópolis, no meu Estado do Rio de Janeiro. Parabenizo a TV e o jornal O Diário de Teresópolis pelas novas e modernas instalações e pela conquista da sede própria", disse Hugo Leal

“Sr. Presidente, Srs. Deputados, venho aqui hoje a esta tribuna para fazer as minhas homenagens e parabenizar um veículo de comunicação que muito vem contribuindo para a cidade de Teresópolis, no meu Estado do Rio de Janeiro. Parabenizo a TV e o jornal O Diário de Teresópolis pelas novas e modernas instalações e pela conquista da sede própria”, disse Hugo Leal

– Deputado Federal Hugo Leal faz pronunciamento em plenário enaltecendo crescimento e importância do maior veículo de comunicação da cidade

O dia 16 de julho de 1988 é marcado pela circulação do primeiro exemplar do jornal O Diário de Teresópolis, que esta semana completou 27 anos de história em quase seis mil edições. Essa marca faz do veículo o que mais publicações registrou sob uma mesma direção e propósito em toda a história da cidade. Contando, retratando e vivendo conjuntamente com a população as angústias, as alegrias e os dramas, o jornal se tornou essencial para a coesão social e representação dessa população. Seu discurso e trabalho isento, sério e profissional gerou o protagonismo e respeito vivido ao longo destas últimas décadas. E para valorizar essa trajetória, como prova de sua força e importância, o Congresso Nacional teve um pronunciamento muito especial por parte do Deputado Federal Hugo Leal.

Considerado um dos mais respeitados e sérios parlamentares de nosso país, Hugo representa o interior do estado do Rio com maestria ao longo dos últimos mandatos no Congresso e fez um discurso histórico para o município nesta quinta-feira, 16. Disse o Deputado: “Sr. Presidente, Srs. Deputados, venho aqui hoje a esta tribuna para fazer as minhas homenagens e parabenizar um veículo de comunicação que muito vem contribuindo para a cidade de Teresópolis, no meu Estado do Rio de Janeiro. Parabenizo a TV e o jornal O Diário de Teresópolis pelas novas e modernas instalações e pela conquista da sede própria. O Diário, começou em 1988, com um modesto tabloide, e hoje quase 6 mil edições fazem a trajetória do Município de Teresópolis. Atravessou diversas fases políticas, econômicas e culturais da cidade, amadureceu e chega aos 27 anos consciente de sua função e importância para o povo teresopolitano. Por isso, quero mandar um abraço a toda a equipe do jornal e da TV, principalmente ao jovem empresário e diretor do jornal, Wanderley Peres Junior. Aqui fica, mais uma vez, os meus parabéns ao jornal O Diário de Teresópolis e meu muito obrigado pelos investimentos e confiança no desenvolvimento do Município. Que os próximos anos sejam de mais prosperidade, sucesso e excelência. Sr. Presidente, peço a V.Exa. a divulgação nos Anais da Casa e nos órgãos de comunicação da Casa das minhas homenagens à TV e ao jornal O Diário de Teresópolis pelos seus 27 anos. Muito obrigado”, disse o parlamentar no Congresso.

A trajetória não foi simples, primeiro o processo de composição eletrônica e, bem depois, a impressora própria. Aí, a aquisição da sede própria para a oficina, e então, a moderna impressora rotativa que hoje permite a confecção de até quinze mil jornais por hora, com cor e qualidade de impressão. Depois, e recentemente, veio a sede própria para a redação, a emissora de tevê, e o aparelhamento de toda essa moderna estrutura.

Esta semana também, o patrono e fundador do Grupo Diário, o jornalista e historiador Wanderley Peres, definiu em sua coluna aqui nestas páginas um pouco do sentimento de dever cumprido, mas sobretudo, investimento na cidade. Disse o jornalista em sua coluna:“Lembrar o passado é recordar das lutas impossíveis de serem ganhas, e das tantas dificuldades que encontramos, e ainda as que foram colocadas à nossa frente como percalço. É, também, fazer presente em nossa memória a participação de tantos amigos que guerrearam junto da gente. Os colaboradores, os anunciantes, os incentivadores que queriam ver o nosso sucesso. O sucesso do DIÁRIO é incontestável, e a inveja que ele provoca em alguns adversários é quase digna de tratado patológico. Mas, por que nosso jornal foi capaz de superar tantas dificuldades? Qual o segredo do nosso empreendimento? Acredito que o sucesso foi recompensa pelo cumprimento da promessa feita no editorial da primeira edição. Aliás, como foi difícil fazer essa primeira edição… O DIÁRIO deveria ser lançado no dia de aniversário da cidade, e só ficou pronto dez dias depois. Depois disso, e com mínima estrutura ou condições, tinha-se que fazer um novo jornal a cada sete dias. Quem diria que sobreviveríamos aos dez primeiros números? É claro que investimos todo o nosso suor de cada dia no projeto DIÁRIO. E por terem crescido na redação, vendo as nossas dificuldades diárias, e tirando aprendizado delas, os filhos agora tocam com maestria esse nosso negócio, que é de família, e é mais ainda, um negócio de interesse da cidade de Teresópolis. Mas, lembrando daqueles que foram tão especiais nessa nossa jornada, e sendo injustos ao não citar tantos outros que também se empenharam e tornaram deles os nossos sonhos, acredito que nosso sucesso deve ser creditado, especialmente, então, a esse exército de colaboradores e afetos que tivemos ao longo dos últimos 27 anos”, disse o emocionado patrono do Grupo Diário.

Postado em Banner principal, CapaComentário (0)

Compromisso e responsabilidade como metas de trabalho

Nova sede do Grupo Diário fica na Rua Carmela Dutra, 765, próximo ao novo Fórum, funcionando de segunda a sexta, em horário comercial

Nova sede do Grupo Diário fica na Rua Carmela Dutra, 765, próximo ao novo Fórum, funcionando de segunda a sexta, em horário comercial

– Em nova sede, Grupo Diário confirma liderança na mídia de Teresópolis

Acreditamos que são os nossos sonhos que nos levam às realizações e somente através delas construímos um futuro melhor e uma cidade mais próspera. Por isso, não abrimos mão de sonhar com Teresópolis. Foi através desse sonho, que começou há 27 anos com os primeiros passos do nosso jornal, que o Grupo Diário transformou a sua história e inaugurou um novo modelo de comunicação cidadã e responsável. Ao olhar para trás, notamos que estivemos sempre presentes onde o cidadão necessitou.

O Diário, a Diário TV, a NetDiário são braços fortes da cobrança quando a omissão e a incompetência imperam. Somos a voz quando os que deveriam explicar e se justificar se calam. Mas somos acima de tudo uma empresa teresopolitana, que se preocupa com a cidade.

Investimentos inéditos em infraestrutura e tecnologia de ponta fazem da nova sede do Grupo Diário – à Rua Carmela Dutra, 765, em Agriões – o maior empreendimento da história do município. Um presente para o cidadão que precisa estar bem informado todos os dias. A empresa da família teresopolitana está maior, mais estruturada e cada vez mais unida aos interesses da população. Assim a maior geradora de empregos dentro do segmento de comunicação de nossa cidade está renovada e sempre com muitas novidades.

O objetivo é avançar sempre, afinal criamos produtos jornalísticos líderes absolutos de audiência e credibilidade de nossa cidade e temos consciência de que a população se acostumou a ficar muito bem informada com o padrão de qualidade do nosso jornalismo.

Ao celebrar junto com a população os 124 anos de Teresópolis, o Grupo Diário continua respeitando o teresopolitano e oferecendo o melhor conteúdo, produzido pelos melhores profissionais e com a maior estrutura já montada no município.

Postado em Banner principal, CidadeComentário (0)

Cantor gospel Eli Soares visita Teresópolis

 

O cantor Eli Soares (segundo da direita para a esquerda) visitou o Diário e gravou participação no Espaço Gospel

O cantor Eli Soares (segundo da direita para a esquerda) visitou o Diário e gravou participação no Espaço Gospel

– Artista ascendente do time da gravadora Universal Music se apresentou pela segunda vez na cidade

A música gospel tem crescido muito nos últimos anos, proporcionando grandes celebridades que disputam palmo a palmo espaço na mídia com os artistas chamados “seculares”. E a cada dia surgem jovens talentosos neste meio, como o mineiro Eli Soares que nesta quinta-feira (18), se apresentou na Igreja Batista Monte Hermom, como parte do novo programa da gravadora Universal Music, que visa levar a música evangélica às igrejas do interior do Brasil e foi recebido com muita alegria pelos teresopolitanos, principalmente pelos “irmãzinhos” jovens, justamente pela sua linguagem moderna, o alto astral característicos, junto com a “pegada black” de suas canções. O artista visitou as instalações do Grupo DIÁRIO e conheceu toda equipe, aproveitando para gravar participação no programa Espaço Gospel para o Canal 4, com entrevista e canções em formato acústico na apresentação de Fabiano Werneck.

Vindo de família evangélica, o jovem cantor se mostrou bastante animado e o astral contagiante inundou os estúdios da Diário TV. Com um simpático staff, cantou, brincou e distribuiu sorrisos. Afinal, há exatamente um ano atrás, o músico era apenas um “ilustre desconhecido” e hoje, desfrutando de uma estrutura que só um artista de uma “major” (grande gravadora) possui, demonstra toda a sua alegria, mantendo a humildade. Mineiro de Belo Horizonte, ele se diz apaixonado pelo Rio de Janeiro. “Eu sou suspeito para falar do Estado do Rio de Janeiro e Teresópolis me encanta pelas suas características, principalmente pelo frio, mais gostoso, mas o povo é tudo a mesma coisa. É um povo amável, carinhoso, envolvente…”, sorri o cantor que inclui a cidade na sua história. “Já é a segunda vez que eu me apresento aqui esta cidade já faz parte da minha história porque estou sendo super bem recebido novamente”, completa o cantor que é tido como “prodígio”, já que ministrava o louvor nos cultos da sua igreja aos sete anos de idade.

Como parte da programação da Universal Music de levar a música gospel de qualidade às igrejas do interior, Eli começa este projeto por Teresópolis na Igreja Monte Hermom. “A Universal tem sido uma grande parceira e um grande instrumento na vida de muita gente porque ela tem conseguido unir o dom, o talento, a carreira aos corações, às pessoas e conseguir propagar e amplificar tudo isso que acontece na minha vida e eu sou um exemplo disso. A Universal tem sido uma grande janela pro Brasil e pro mundo  para mostrar esse talento e começar por Teresópolis é muito bom, porque já tomamos um café top… Fui recebido como se estivesse na minha cidade, na minha casa”, afirma o cantor que tem um estilo bastante similar ao do Thalles Roberto e que vê na sua “agitação” um trunfo para conquistar os jovens. “Eu gosto de cantar o que tem dentro de mim e eu sou ‘220’ (volts) e eu até quando dou entrevista eu sinto vontade de andar, correr, me movimentar e cantar e é isso que eu sinto vontade de passar pras pessoas. Toda essa vida que existe dentro de nós. Essa alegria, que não é uma alegria passageira, uma alegria permanente e que vem de Deus e, na verdade, eu só consigo cantar isso… A gente canta o que a gente está cheio  e eu estou cheio dessa alegria de Deus e é isso que eu quero passar para as pessoas o tempo todo. Como é bom. Como é importante viver isso e ter essa alegria dentro da gente”, completa.

 

Chegando a uma gravadora grande

Eli Soares batalhou muito na sua igreja, como todo músico que vem de baixo no mundo gospel, e chega a uma grande gravadora considerando um sonho, mas também uma grande responsabilidade. Todos da sua cidade acreditavam que ele, com o seu talento, iria “acontecer”. Depois de muita batalha, ele chega na Universal. “Esse momento que eu estou vivendo é lindo e muito singular. Na verdade, tudo é muito novo, mas é uma responsabilidade muito grande também fazer parte de uma gravadora tão grande como é a Universal e de carregar a música cristã também. Carregar a mensagem cristã através das canções. Na verdade eu vejo mais como responsabilidade mesmo e me sinto muito honrado mesmo de estar vivendo isso tudo, de alcançar tanta gente com uma palavra positiva, uma palavra de Deus para as pessoas e acho que isso  é o nosso maior foco. Este momento é maravilhoso e todos os dias eu agradeço a Deus por estar tocando muito, ralando muito e tudo isso é fruto de muito trabalho e de uma semente que a gente vem plantando ao longo da vida”, completa o cantor que convida a todos a curtirem a sua página no Facebook: www.facebook.com/elisoarsbh; Segui-lo no Twitter: @EliSoaresBH e no Instagram: @EliSoaresBH, além de inscrever-se no seu canal  do YouTube: www.youtube.com/Elisoul1

Postado em Banner principal, Cidade, Sem categoriaComentário (0)

Crianças aprendem sobre o mundo da televisão

Turminhas conheceram alguns estúdios da DIÁRIO TV, entre eles o do programa Diário Mais

Turminhas conheceram alguns estúdios da DIÁRIO TV, entre eles o do programa Diário Mais

– Turminhas do Colégio Único conhecem os estúdios da DIÁRIO TV

 

Entre as muitas dúvidas do mundo infantil, está como as pessoas vão parar dentro da telinha que lhes proporciona entretenimento todos os dias, a televisão. Desde a Peppa Pig até novela que a mamãe assiste diariamente, as crianças usam toda sua imaginação para tentar entender o processo de criação das produções televisivas. Com o objetivo de ajudar a ampliar esse mundo mágico na cabeça dos pequenos, a direção do Colégio Único promoveu uma visita aos estúdios da DIÁRIO TV na tarde desta quarta-feira para as turmas da Educação Infantil.

A visita foi conduzida pelo responsável pelo Departamento Comercial da DIÁRIO TV, Nathan dos Santos

A visita foi conduzida pelo responsável pelo Departamento Comercial da DIÁRIO TV, Nathan dos Santos

“É importante porque os alunos precisam compreender como funcionam as coisas. Como são muito pequenos, eles tem a imagem que as pessoas moram dentro da televisão. Então queremos mostrar como funciona, como a tecnologia colabora levando informação, entretenimento… A escola se preocupa em passar para os alunos de maneira prática, visitando os locais onde acontecem as coisas, como por exemplo os estúdios de televisão, para que possam experimentar também esse mundo”, explica a Professora Isabel Barreto, Coordenadora do Único.

Para ela, outro ponto positivo da visita é falar sobre as diferentes profissões e a importância de cada uma delas desde. “Eles precisam já conhecer os profissionais de todas as áreas, vendo que cada um tem sua importância, independente do cargo, do salário. Desde a tia da cozinha, a pessoa que limpa a sala, o professor, a secretaria, todas as profissões são importantes”, frisou.

Os pequenos e suas curiosidades... "Como as pessoas vão parar dentro da televisão?"

Os pequenos e suas curiosidades… “Como as pessoas vão parar dentro da televisão?”

A visita foi conduzida pelo responsável pelo Departamento Comercial da DIÁRIO TV, Nathan dos Santos, que apresentou a nova sede da empresa e os estúdios onde são gravados alguns programas, como o Diário Mais, da apresentadora Nina Benedito. “Toda criança tem um mundo encantado em sua mente e as descobertas contribuem para sua formação. Visitar uma empresa, entender como ela funciona e matar um pouco essa curiosidade é sempre um crescimento. Para nós comunicadores, a missão é gerar na criança, mesmo com pouco idade, a importância da comunicação e informação embasada na verdade”, enfatiza Nathan.

As crianças são das turmas de Pré-I, Pré-II e Pré-III, com idades entre dois e cinco anos. Entre os pequenos estava a gatinha Alice Medeiros, que completa três anos em julho: ela é filha da jornalista Joanna Medeiros, que já trabalhou na redação do jornal O DIÁRIO e DIÁRIO TV. Além da coordenadora do Único, participaram da visita as professoras Jaqueline Freitas, Simone Motta, Roceline Oliveira, Janete Simonini, Cintia Narcizo e Caroline Oliveira. “Até a gente mesmo não sabe muito bem como funciona, sendo esta a primeira vez em um estúdio. Em casa, quando vemos uma cozinha como essa, achamos que é maior, que ocupa um espaço como uma cozinha de verdade. Chegamos aqui e vemos o estúdio arrumadinho, com vários um ao lado do outro, mostrando uma coisa totalmente diferente. Então, para nós também um grande enriquecimento”, destaca Isabel.

 

Postado em Capa, CidadeComentário (0)

Movimento “Maio Amarelo” ganha mais adesões

 Verônica Albuquerque, Reitora do UNIFESO: passado o momento de sensibilização começa uma ação permanente de suporte à causa


Verônica Albuquerque, Reitora do UNIFESO: passado o momento de sensibilização começa uma ação permanente de suporte à causa

– Jornal O DIÁRIO e UNIFESO garantem apoio nas campanhas sobre segurança no trânsito

 

Chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo é a principal proposta do movimento “Maio Amarelo”, uma ação coordenada entre o poder público e a sociedade. A intenção é colocar em pauta o tema da segurança viária e mobilizar o maior número de pessoas. Além das reportagens produzidas sobre o tema, desde o início do mês as equipes do jornal O DIÁRIO e DIÁRIO TV estão utilizando o pin que representa a campanha, e a iluminação do jornal Diário, apresentado pelo jornalista Anderson Duarte, foi trocada de azul para amarelo. Para ampliar a lista das instituições que abraçam a campanha, o Centro Universitário Serra dos Órgãos (UNIFESO) foi procurado pela assessoria do deputado federal Hugo Leal (PROS/RJ), político que está à frente do movimento.

Além das reportagens produzidas sobre o tema, a iluminação do jornal Diário, da Diário TV, foi  trocada de azul para amarelo

Além das reportagens produzidas sobre o tema, a iluminação do jornal Diário, da Diário TV, foi trocada de azul para amarelo

Em reunião de que participaram as professoras Verônica Santos Albuquerque, Reitora dos UNIFESO; Mariana Beatriz Arcuri, diretora do Centro de Ciências da Saúde (CCS) e Marcello Netto, assessor do deputado, foi formalizado o apoio que a Instituição vai dar ao movimento, que já conta com atividades programadas nos campi. Uma delas será com os estudantes do Centro Educacional Serra dos Órgãos (CESO), no dia 20 de maio, quando receberão representantes do Clubinho Salva Vidas (um portal gratuito de jogos com dicas de educação no trânsito, cidadania, preservação do meio ambiente, entre outras, visando melhorar a qualidade de vida e reduzir os índices de acidentes) para uma sensibilização sobre o tema. Nos dias 25, 26 e 27 de maio, o CCS e os centros de Ciências Humanas e Sociais (CCHS) e Ciências e Tecnologia (CCT) promoverão palestras sobre o tema. Além disso, as dirigentes do UNIFESO se propuseram a mobilizar a comunidade acadêmica a participar de uma caminhada em prol da causa.

A reunião tratou também de uma parceria que vai além das ações no mês de maio. De acordo com a professora Verônica Albuquerque, passado o momento de sensibilização começa uma ação permanente de suporte à causa, especificamente no que diz respeito à pesquisa. “Na reunião encontramos uma série de sinergias entre projetos de pesquisa que são desenvolvidos aqui, em especial em nosso Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde, o PET-Saúde UNIFESO, que tem um projeto que trabalha especificamente com acidentes de moto. Fechamos então uma parceria para a produção de pesquisas junto ao grupo do deputado Hugo Leal, com a proposta de traçarmos um diagnóstico de acidentes de trânsito em Teresópolis para que, munido destas referências de locais, horas, perfis entre outros dados, o poder público tenha subsídios que permitam trabalhar melhor na prevenção”, justificou a professora Verônica.

 Salva Vidas

Em Teresópolis parte dos trabalhos serão encabeçados e desenvolvidos pela equipe do Clubinho Salva Vidas no Trânsito. O projeto, que mantém uma premiada página com jogos virtuais que é sucesso na internet, é dirigido por Eliandro Canto. O especialista cita números importantes, que ajudam a entender a gravidade do tema e o porquê de se dedicar um mês inteiro a essa conscientização. Ele conta que, segundo a ONU, por ano, morrem 1,3 milhão de pessoas no mundo vítimas do trânsito. No Brasil são 60 mil mortes anuais. “Segundo dados do seguro DPVAT, tivemos mais de 430 mil pessoas mutiladas no ano passado. A ONG Criança Segura divulga que 12 crianças morrem por dia no Brasil e 120 mil são hospitalizadas por causa desses acidentes. É mais grave do que uma epidemia mundial e o Brasil não é diferente. De acordo com o Observatório Nacional de Segurança Viária, a Gripe H1N1 levaria 430 anos para matar o que o trânsito mata em um ano. A dengue, hoje tão temida, levaria 45 anos para chegar a esse número”, detalha.

Empresas interessadas em aderir à campanha e escolas que querem sediar as palestras devem fazer contato com a equipe do Salva Vidas no Trânsito através das redes sociais. No Facebook existem perfis do Clubinho Salva Vidas e do Projeto Salva Vidas. Também através do site www.salvavidasnotransito.com.br ou pelo e-mail salvavidasnotransito@hotmail.com.

 

 

Postado em Banner principal, Capa, CidadeComentário (0)

Rede 1 + 1 e José Attico chegam à Diário TV

O apresentador Sérgio Brum destacou que o programa da Rede 1 + 1 leva bons exemplos aos jovens para inspirar boas atitudes

O apresentador Sérgio Brum destacou que o programa da Rede 1 + 1 leva bons exemplos aos jovens para inspirar boas atitudes

– Grade da emissora já conta com a exibição dos dois novos programas

A Diário TV continua trazendo novidades para seus telespectadores neste início de 2015 e com isso já está contando com mais dois programas em sua grade: o Programa da Rede 1 + 1, da Igreja Filadélfia e Áttico Entrevista. Ambos fazem parte do objetivo do canal de fazer com que o teresopolitano possa ter uma variedade de programas de qualidade para os mais diversos segmentos.

O Programa da Rede 1 + 1 chega à Diário TV trazendo o conteúdo voltado para o público jovem do segmento evangélico, com uma linguagem inovadora: “O programa vai trazer matérias referentes à Rede de Jovens 1 + 1 e vai trazer o quadro do Juízes Hip Hop, que eu apresento, com o nome de ‘É missão, não é show’, trazendo vários documentários sobre as missões do grupo. Eu tenho um trabalho de evangelismo através do Rap em escolas, centros de recuperação, presídios e eu vou abordar muito a cobertura dessas missões. Eu vou mostrar muito este trabalho de conscientização tanto através da Rede 1 + 1 quanto da Juízes Hip Hop”, explica o apresentador Sérgio Brum, que também acabou de lançar o livro “Encarte – Pensamentos de um rapper de Cristo”.

O intuito do programa é ser informativo e inspirador através de quadros que mostram o quanto é importante ter atitude para mudar o que está errado na sociedade

O intuito do programa é ser informativo e inspirador através de quadros que mostram o quanto é importante ter atitude para mudar o que está errado na sociedade

O intuito do programa é ser informativo e inspirador através de quadros que mostram o quanto é importante ter atitude para mudar o que está errado na sociedade: “Queria parabenizar a todos da Diário TV pela estrutura oferecida aqui e a intenção nessa parceria é mostra o exemplo. Vivemos em um momento de muitas críticas no Brasil, muita gente no meio do caminho, só apontando quem tropeça, quem erra, mas falar mal de vilão não faz de ninguém um herói. Então queremos mostrar as atitudes, o que podemos fazer para mudar a sociedade, não adianta ficar na internet o dia inteiro só criticando, acusando o que está errado e o que deixa de estar errado no Brasil, temos que fazer algo. O motivo não é uma autopromoção, de mostrar o que a nossa igreja está fazendo, o que Juízes Hip Hop ou a Rede 1 + 1 está fazendo, mas sim inspirar as pessoas a ajudar o próximo. Como sempre falo: eu levando a água para o próximo matei a sede que eu tinha. É um programa que vai mostrar a ajuda, o resgate. A próxima matéria da Rede 1 + 1 vai ter a missão na Bolívia, um país que é marcado pelo tráfico de drogas e pela prostituição, vai mostrar a galera lá levando alimentos e uma palavra de fé, esperança e é mais ou menos nessa pegada, mostrando as missões da igreja, longe das quatro paredes”.

O programa é exibido segunda-feira às 16 horas, quarta-feira às 16 horas, sexta-feira à meia noite, sábado às 21 horas e domingo às 20 horas.

 Programa Áttico Entrevista

A segunda novidade é o programa de entrevistas comandado pelo jornalista José Áttico que conversa com pessoas que são destaque em Teresópolis. Ednar Corradini é a convidada para a estréia na grade de programação. A atriz, professora e escritora conta fatos e curiosidades de sua trajetória em Teresópolis. Cada programa conta com um entrevistado e para as próximas edições os convidados serão o presidente do Sindicato Rural Ademar Veiga, o jornalista Anderson Duarte, o médico e estudioso de Teresópolis Jorge Ferradeira e o jornalista Ney Reis. O programa vai ao ar aos domingos, às 10 da manhã e às 11 da noite.

 Mais novidades

Outra grande novidade para a cidade de Teresópolis neste início de 2015 na grade do canal 4 foi a estréia do programa realizado em parceria com a Universidade Estácio de Sá. A produção conjunta entre as empresas oferece informações diferenciadas, opiniões abalizadas e os maiores especialistas da região em debates atuais e relevantes para o nosso município. Nesta primeira temporada, o universo da capacitação profissional e formação superior serão as pautas principais do programa.

 

 

 

Postado em Capa, Cidade, TVComentário (0)

Estácio e Diário TV apresentam produção conjunta no Canal 4

Na edição e estreia, o professor Jorge Maroun apresenta a estrutura da unidade Teresópolis da Universidade Estácio de Sá. A Gerente Acadêmica Ana Fabbri e a Gerente Comercial Michele Faria são as convidas do programa

Na edição e estreia, o professor Jorge Maroun apresenta a estrutura da unidade Teresópolis da Universidade Estácio de Sá. A Gerente Acadêmica Ana Fabbri e a Gerente Comercial Michele Faria são as convidas do programa

– Novo programa vai trazer especialistas para debater questões regionais e nacionais pelo prisma da universidade

 

A Diário TV Canal 4 e a Universidade Estácio de Sá trazem uma grande novidade para a cidade de Teresópolis neste início de 2015. Uma produção conjunta entre as empresas vai oferecer informações diferenciadas, opiniões abalizadas e os maiores especialistas da região em debates atuais e relevantes para o nosso município. O programa já está sendo produzido e nesta primeira temporada, o universo da capacitação profissional e formação superior serão as pautas principais.

A Gerente Acadêmica da Estácio em Teresópolis, professora Ana Fabbri, foi umas das entrevistadas do programa de estreia e falou da missão da universidade e dos objetivos da instituição em nossa cidade. “Nós educamos para transformar! E estamos interessados em trazer a maior parte de nossos cursos disponíveis aqui para Teresópolis, justamente para que possamos contribuir para o crescimento da cidade e fomentar a condição de capacitação profissional dos nossos moradores, enfim, da sociedade como um todo. Já são 45 anos de vida com qualidade e diferenciação em seu trabalho”, enaltece a professora Ana.

A Gerente Acadêmica, professora Ana Fabbri, foi umas das entrevistadas do programa de estreia e falou da missão da universidade e dos objetivos da instituição em nossa cidade: “Nós educamos para transformar!”, disse

A Gerente Acadêmica, professora Ana Fabbri, foi umas das entrevistadas do programa de estreia e falou da missão da universidade e dos objetivos da instituição em nossa cidade: “Nós educamos para transformar!”, disse

Filho da terra

E por falar em experiência, o apresentador do programa é um dos mais respeitados e experientes professores de Comunicação Social de toda a universidade, o professor Jorge Maroun, que além de possuir raízes profundas em nosso município, foi o responsável pela boa formação de diversos profissionais do Jornalismo, Publicidade e Marketing em atuação em toda a região serrana atualmente. Aliás, não há um veículo de comunicação de sucesso, ou agência de publicidade hoje em dia em destaque em nossa região que não tenha um profissional guiado e conduzido profissionalmente pelo professor Maroun.

Sempre com bom humor e muito conteúdo, Maroun comanda as discussões do programa e explica como será importante essa nova parceira que surge em Teresópolis. “Eu acho que para que uma parceria seja considerada de sucesso, é preciso que as empresas envolvidas nessa junção sejam de excelência. Então a Diário TV e a Estácio em nossa cidade são referenciais de qualidade e excelência em suas áreas. Então esse é um casamento importantíssimo que tem o principal objetivo de levar informações referentes ao nosso cotidiano sob o prisma de especialistas e nomes importantes do universos acadêmico, ou seja, são assuntos referentes a nossa região e até nacionais, mas com a análise de professores universitários e pessoas de grande relevância na sociedade.

Postado em Capa, CidadeComentário (0)

Grupo Diário se consolida na liderança da audiência

– Pelo segundo ano consecutivo, O Diário, Diário TV e o telejornal Jornal Diário são os preferidos da população de Teresópolis

A apresentadora Nina Benedito, do programa Super Mais, foi quem recebeu o prêmio de maior audiência entre as TVs teresopolitanas

A apresentadora Nina Benedito, do programa Super Mais, foi quem recebeu o prêmio de maior audiência entre as TVs teresopolitanas

Nos últimos anos o Grupo Diário se solidificou como a empresa de maior credibilidade de nossa cidade e uma das mais importantes na área da comunicação em todo o interior do estado, mas esta semana, a empresa recebeu provas de que a sua trajetória de crescimento está em sincronia com a opinião do teresopolitano. Três categorias foram vencidas, pelo segundo ano consecutivo, pelas produções do grupo no prêmio Impacto de 2014: Jornal Impresso, com O Diário de Teresópolis; Emissora de TV, com a Diário TV e melhor programa de TV, com o Telejornal do Canal 4, Jornal Diário, com apresentação do jornalista Anderson Duarte.
Para o jornal O Diário de Teresópolis essa não é uma situação nova, na verdade, a mídia impressa do grupo já desponta na frente da preferência do consumidor teresopolitano há treze anos consecutivos. Este ano a diferença para os concorrentes foi ainda maior, acima de 90% dos leitores consideram este o mais completo e confiável meio de comunicação impresso no município e recorrem às suas páginas quando precisam estar bem informados.
Já a Diário TV canal 4, foi o destaque absoluto entre as emissoras de televisão, recebendo mais uma vez o prêmio por ter alcançado a liderança na escolha dos entrevistados. A emissora alcançou o primeiro lugar isolado novamente e, mesmo com apenas cinco anos de existência, já é referência absoluta quando o assunto é TV local. A Diário TV chegou aos 34% da preferência local. Como comparação dessa proporção basta dizer que todos os demais canais juntos não alcançam a audiência conquistada pelo Canal 4.

Postado em Banner principal, Capa, CidadeComentário (0)

Alunos do Ceso visitam estúdios da Diário TV

Os estudantes conheceram a redação do Diário de Teresópolis e estúdios da Diário TV

Os estudantes conheceram a redação do Diário de Teresópolis e estúdios da Diário TV

– Curiosidade sobre os meios de produção inspiraram o “tour”

 

E mais uma vez a redação do Jornal Diário e estúdios da Diário TV receberam a visita de um grupo de estudantes do Ceso, que curiosos sobre os meios de comunicação, que puderam conhecer mais um pouco da rotina dos jornalistas que trabalham no Grupo Diário.
O tour começou com a apresentação dos funcionários, entre editores e repórteres, e depois os alunos do terceiro ano puderam conhecer os equipamentos e estúdios da Diário TV. Há cerca de um mês, uma equipe de repórter e cinegrafista, participou de uma pequena palestra sobre o tema de meios de comunicação na mesma turma, e a visita à Diário TV acabou se tornando uma culminância do projeto.
João Victor Carvalho, um dos estudantes falou sobre a visita: “Estou achando a visita bem legal. Vocês estiveram na nossa escola e entrevistaram a gente, e ficamos felizes por poder vir aqui. Estamos aprendendo muito com essa visita aos estúdios onde as matérias são gravadas”.

“Pudemos aprender muita coisa com essa visita ao Diário”, enfatiza Yasmin da Rosa

“Pudemos aprender muita coisa com essa visita ao Diário”, enfatiza Yasmin da Rosa

Grande curiosidade

De acordo com ele, a curiosidade sobre como as matérias era realizadas é bem grande. “Tinha muita curiosidade por conhecer como são feitas as matérias e os programas”, disse.
Um dos setores que gerava maior curiosidade com relação às edições das matérias: “Acho que o programa que eles usam para a edição é um que a gente já conhece, o MovieMaker. É muito interessante”.
Outra estudante que participou da visita é Yasmin da Rosa: “Achei a visita bem legal porque a gente pode aprender como são feitas as gravações no estúdio”. E acrescentou: “Eu não imaginava que as coisas era feitas dessa forma”. Ela contou que foi uma grande surpresa todos os equipamentos e a forma com que o estúdio funciona para a gravação dos programas.
A professora Cida Catão disse que a vontade dos estudantes em conhecer mais a Diário TV inspirou a visita: “Como vocês foram visitar a gente eles ficaram muito ansiosos para conhecer como era feita a edição do jornal e foi uma relação com os projetos deles e a partir do momento que eles vem visitar, o aprendizado se torna mais significativo para eles”.
Edição, diagramação e gravação de programas gera muita curiosidade dos estudantes: “Eles tem curiosidade porque não tem muito noção, já que eles veem tudo pronto. Eles não sabem muito bem como é feito esse trabalho. Foi sanado, mas foi oportunizado para eles esse aprendizado”.

 

Postado em CidadeComentário (0)

Diario TV

Carregando...

Facebook

Twitter Diário TV

Assine nossa newsletter

Loading...Loading...