| Cidade

Teresópolis melhora no Índice Municipal Firjan

 

– Apesar da liderança na Região Serrana, saúde e emprego ainda preocupam na cidade

A cidade de Teresópolis apresentou uma ligeira melhora no IFDM, Índice FIRJAN de Desenvolvimento Municipal, e na última divulgação do estudo aparece em décimo lugar no ranking estadual que compreende os noventa e dois municípios fluminenses. Com quatro índices comparativos, aos moldes do IDH da ONU, o estudo apresentou o nível de desenvolvimento e a capacidade de promoção de emprego e renda, educação e saúde nos mais de cinco mil municípios brasileiros. Apesar da liderança na Região Serrana, nossos índices preocupam em pelo menos duas áreas de avaliação; saúde e emprego.
O estudo anual do Sistema FIRJAN é feito, exclusivamente, com base em estatísticas públicas oficiais, disponibilizadas pelos ministérios do Trabalho, Educação e Saúde. De leitura simples, o índice varia de 0 a 1. Quanto mais próximo de 1, maior o desenvolvimento da localidade. Além disso, sua metodologia possibilita determinar, com precisão, se a melhora relativa ocorrida em determinado município decorre da adoção de políticas específicas ou se o resultado obtido é apenas reflexo da queda dos demais municípios.

Depois de apresentar estagnação nos últimos estudos da Firjan, Teresópolis apresentou em 2010 índices de desenvolvimento superiores aos municípios vizinhos da Região Serrana

Comparação de municípios

Os quatro índices que compõem o IFDM de Teresópolis foram os seguintes: No ranking geral do estado do Rio de Janeiro, dentro da variação entre zero e um, a cidade subiu para o 10º lugar com a marca de 0,8110. No índice que avalia a geração de emprego e renda, Teresópolis está na 14ª posição com 0,7591. Já na avaliação da área de educação, o município apresentou queda com a 29ª colocação do ranking, o índice Firjan neste setor foi 0,8218. E na saúde, o pior desempenho de Teresópolis, nesse segmento nossa cidade fica na 34ª colocação com a marca de 0,8522. No índice Geral nacional Teresópolis aparece na 276ª posição do ranking.
Na comparação com a situação de outros municípios vemos um quadro de estabilidade e leve decadência nas áreas de saúde e geração de emprego e renda em nossa cidade. A campeã do Rio de Janeiro foi a cidade de Porto Real, que apesar de liderar o ranking estadual aparece apenas na 79º posição no número nacional com 0,8655 pontos. Em segundo lugar em nosso estado, Rio das Ostras, que já liderou por mais de uma vez esse levantamento, também apresentou acentuadas quedas, sobretudo na educação. A cidade praiana ficou com um IFDM geral de 0,8624 pontos e a 87ª posição no ranking Brasil. A capital Rio de Janeiro também mostrou queda nesta quinta edição, na 123ª posição nacional e o 6º lugar no estado, o Rio teve 0,8501 pontos gerais. Matéria completa na nossa edição impressa. Nas bancas.

Deixe seu comentário

Anderson Duarte é formado em Comunicação Social com mestrado na área de Tecnologia e Informação e especialização em Telecinejornalismo, atua na imprensa desde a década de 90, ainda no Rádio. Passou por veículos como Jornais, Mídias Governamentais e Televisão, também atuou na área da Assessoria Política, editoria que hoje se dedica enquanto articulista. Âncora do telejornal Jornal Diário, comanda desde a sua formação em 2008, o jornalismo da emissora Diário TV, fruto do tradicional O DIÁRIO de Teresópolis, onde também coordena juntamente com Marcello Medeiros o departamento jornalístico.

Deixe uma resposta

Diario TV

Carregando...

HOJE NAS BANCAS

Hoje nas bancas

De um modesto tablóide na sua primeira edição de 16 de julho de 1988, O DIÁRIO tem a sua trajetória inserida na história do município de Teresópolis. Tendo atravessado diversas fases políticas, econômicas e culturais da cidade, o jornal amadureceu durante esse período e chega aos 25 anos consciente da sua função e importância para o povo teresopolitano. Sempre buscando a excelência dentro do formato jornalístico a que se propõe, com profissionais graduados e especializados. Tudo para fazer o melhor jornal da região, com aproximadamente 90% das vendas de banca.

Facebook

Twitter Diário TV

Assine nossa newsletter

Loading...Loading...