Teresopolitano vence mais um combate de MMA no Rio de Janeiro

O teresopolitano Abias trouxe mais um troféu para Teresópolis em competição realizada no Rio de Janeiro

O teresopolitano Abias trouxe mais um troféu para Teresópolis em competição realizada no Rio de Janeiro

– Abias Silva segue invicto na sua carreira nos octógonos com mais uma finalização rápida

Ele já vem se transformando no mais promissor lutador do MMA de Teresópolis, justamente pelos seus resultados e a velocidade com que vem construindo as suas vitórias. Ele é Abias Silva, faixa preta de jiu-jitsu que vem brilhando no MMA. A competição que venceu também vem ganhando nome com as edições realizadas e com o nível de organização, nível técnico dos atletas e da presença de público. O New Corpore Extreme 7 aconteceu neste sábado (20) no bairro de Irajá, Zona Norte do Rio de Janeiro e reúniu grandes lutadores para disputa de premiação em dinheiro, troféus e cinturões, como reza a tradição deste esporte que vem dominando o coração dos brasileiros amantes das lutas. E Abias passa sim a ser uma das grandes esperanças dos fãs aqui de Teresópolis de ter um nome em uma grande competição internacional como o UFC. Este troféu de sábado, foi mais um que foi pra conta.

O dia estava reservado para grandes emoções na Zona Norte, onde tem acontecido eventos de alto nível no MMA nos últimos meses. Neste sábado, mas especificamente, o endereço da “porrada” era na Praça da Nossa Senhora da Apresentação, onde o teresopolitano Abias Silva iria defender a sua invencibilidade contra um duro oponente, o Rafael Toledo, mas este combate não estava programado. “Na verdade eu fui chamado para cobrir uma ausência. Um atleta que se machucou e então me chamaram de última hora”, explica o sempre humilde Abias, que apesar de não ter nenhuma luta marcada para aqueles finais de semana, vem se mantendo treinado no Clube de Jiu-Jitsu Pitbul. O problema mesmo era a balança. “Realmente o meu único problema foi bater o peso, né? Tinha que bater os setenta e sete quilos e eu normalmente preciso de um tempinho para bater a categoria, mas graças a Deus eu consegui e pude lutar, conquistando esta vitória para Teresópolis”, orgulha-se o guerreiro que sonha um dia entrar na casa em que o lendário Pé de Chumbo esteve, a do reality show The Ultimate Fight.

Competição alto nível

O New Corpore Extreme chegou a sua sétima edição e seguindo o espírito olímpico com combates de Submission, Muay Thai e MMA durante todo o dia.

O formato, que tem feito sucesso entre os amantes dos esportes de contato, tem funcionado como um verdadeiro celeiro de estrelas e de acordo com o seu organizador, Renato Dominguez, que ficou muito satisfeito com o resultado, eles estão no caminho certo: “Promover torneios de lutas no Brasil é um desafio. Estamos procurando patrocínios para melhorar ainda mais o nosso evento. Mesmo com toda a dificuldade, temos conseguido revelar grandes nomes e isso tem sido o combustível para seguir em frente. Para este ano ainda teremos três edições. Nossos planos são arrojados, mas nossa disposição não fica para trás”, declara o faixa preta Renato Domingues.

O teresopolitano Pé de Chumbo, inclusive, é o atual detentor do cinturão dos meio médios, mas como assinou recentemente uma série de lutas na Rússia, não pode defender seu título em 2016. Abias, portanto, representou a nossa cidade no evento que teve transmissão ao vivo e reportagem de O Globo. Ele ficou eufórico por participar de um evento deste nível. Ele lutou na categoria do Pé de Chumbo. “O Pé de Chumbo é a minha inspiração, né? Eu treino com ele lá na academia. Justamente com ‘o cara’, o detentor da categoria… Eu treino com o melhor da categoria e isso me ajuda bastante. Ele é a minha inspiração para continuar competindo por aí, lutando, e os resultados vão aparecendo, graças a Deus”, completa.

O faixa preta de jiu-jitsu finalizou o seu oponente com pouco mais de um minuto de luta

O faixa preta de jiu-jitsu finalizou o seu oponente com pouco mais de um minuto de luta

Luta rápida

Mantendo o mesmo ritmo das competições passadas, mais um oponente caiu para o faixa preta da Pitbull. Abias  Silva não tomou conhecimento do seu adversário Rafael Toledo e o derrotou em pouco mais de um minuto. “Eu consegui botar a minha arte, o jiu-jitsu, que é a minha base e como eu tenho feito nas lutas. Consegui botar pra baixo e com um minuto e catorze segundos eu consegui finalizar”, conta a fera do jiu-jitsu, que viu na expressão dos integrantes da equipe de Toledo, o medo da finalização, pouco antes dela acontecer. “Foi interessante porque eu fui chamado em cima da hora, né? Mas eles estudaram o meu jogo. Tanto é que eu escutei integrantes da equipe do Rafael gritar ‘Não deixa ele botar pra baixo não, não deixa não’, mas mesmo assim eu consegui botar e finalizar”, narrou o sempre empolgado lutador que segue em progressão na sua carreira. E para o próximo desafio, ele já está se preparando com afinco. “No dia 17 de setembro tem uma nova edição do Serra Combat no Show de Bola de Bonsucesso e eu já estou me preparando para buscar mais este título”, completa Abias mostrando mais um troféu que trouxe para a sua coleção e para o orgulho dos teresopolitanos

 

Deixe seu comentário

Cláudio Tatu tem mais de vinte anos de jornalismo na mídia impressa com o próprio Diário de Teresópolis e o extinto Caderno Zero e na radiofônica com as emissoras AM e FM de Teresópolis. Está desde 2009 no grupo Diário e é repórter, fotógrafo e apresentador.

Deixe uma resposta

Diario TV

Carregando...

Facebook

Twitter Diário TV

Assine nossa newsletter

Loading...Loading...