Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Do abrigo para o lar, a importância das feiras de adoção de pets

COPBEA realiza feiras com frequência. Conheça outras instituições onde é possível adotar um “amicão”

Isla Gomes

Adotar um pet é mais que um simples ato de trazer um animal de estimação para seu lar. A decisão representa um gesto de afeto e até de respeito pelos novos “membros da família”, principalmente por todas mudanças que o ambiente passará após a chegada dos bichinhos. Uma boa opção se dá por meio das feiras de adoção, onde é possível ajudar aos animais de rua, de lares de adoção, a encontrar uma nova casa onde tenha amor, carinho e toda a atenção que merecem. Incentivando a adoção e a guarda responsável de pets, a COPBEA (Coordenadoria de Proteção e Bem-estar Animal) de Teresópolis realiza constantemente a feira de adoção “Adote um Amor”. Uma iniciativa que visa achar um lar com amor e carinho para cães que estão sob a guarda da prefeitura no Centro de Triagem Animal da Secretaria Municipal de Saúde, no Fischer. Apesar dos cãezinhos estarem seguros no centro de triagem, eles necessitam de uma família e um lar caloroso. Além disso, a COPBEA precisa do fluxo de adoção para que seja liberado mais espaço no local, fazendo com que outros cães de rua possam ser resgatados. No momento o Centro de Triagem conta com 74 animais aguardando acolhidos e aguardando adoção, sendo 67 adultos e sete filhotes.

Incentivando a adoção e a guarda responsável de pets, a COPBEA (Coordenadoria de Proteção e Bem-estar Animal) de Teresópolis realiza constantemente a feira de adoção “Adote um Amor”. Foto: Isla Gomes/O Diário

Neste sábado (02) ocorre mais uma edição da feira na Praça Baltazar da Silveira, a da Matriz de Santa Teresa, na Várzea, das 9h às 14h. A equipe da Diário TV esteve no local e conversou uma das responsáveis pelo movimento. “A nossa feira está sempre em atividade e vale ressaltar que todos os animais que trazemos para cá são animais resgatados de maus-tratos, de abandono, e eles ficam no canil municipal da prefeitura. Para adotar a primeira regra é amar e estar com o coração aberto para colher o animal. Muitas vezes a pessoa vem aqui e vê o animal filhote, fofinho, pequenininho, mas é importante ter consciência de que esse bichinho vai crescer e que ele vai gerar um gasto, ou seja, é como se tivesse chegando em casa um ser humano. Muita gente fica com medo de adotar afirmando não ter espaço em casa, mas, se seu coração for grande, todo espaço para esses animais é grande suficiente para fazê-los feliz. Outra questão que eu queria pontuar é que o canil municipal é aberto ao público, mesmo nos dias que não tiver feira a pessoa que quiser adotar poder ir até lá, das 9h as 15h, de segunda a sexta, sem necessidade de agendamento”, ressalta Josiane Domingos, responsável pelo projeto “Adote um Amor”.

“A nossa feira está sempre em atividade e vale ressaltar que todos os animais que trazemos para cá são animais resgatados de maus-tratos, de abandono, e eles ficam no canil municipal da prefeitura”, salienta Josiane Domingos, responsável pela feira “Adote um Amor”. Foto: Isla Gomes/O Diário
“Estou em uma nova fase da minha vida e ter adotar esse filhotinho vai marcar essa caminhada, ainda não escolhi um nome para ele, mas, vai ser um nome especial”, conta a jovem Tais de Souza, logo após dotar seu novo cãozinho. Foto: Isla Gomes/O Diário

Exemplo de amor
No momento da nossa reportagem, um dos filhotes para adoção foi escolhido para ganhar um novo lar. A tutora é a jovem Tais de Souza, que escolheu um “cãopanheiro” de pelagem preta e branca. “Eu estava querendo muito um cachorrinho, pois, vou me mudar para uma casa nova e a gente já tem alguns gatinhos, faltava um cãozinho para completar a família. Estou em uma nova fase da minha vida e ter adotar esse filhotinho vai marcar essa caminhada, ainda não escolhi um nome para ele, mas, vai ser um nome especial. Eu sou de Guapimirim, mas estudo aqui em Teresópolis, isso não me impediu de vir aqui na feira ‘Adote um Amor’ e colaborar adotando um novo amigo. A adoção é muito importante, eu incentivo a quem tiver condição de acolher um desses animais que faça a sua parte”, conta a estudante.

“Eu acho essa feira maravilhosa, pois, ajuda a tirar os bichos da rua, que é um problema pertinente na cidade, o de abandono de animais”, destaca o teresopolitano Paulo Sérgio. Foto: Isla Gomes/O Diário

Depoimentos
O jornalista Ney Reis estava na feira procurando por um novo amor após perder sua cadelinha. “Teresópolis é uma cidade que tem muitos cães abandonados, então essa ação da feira é de suma importância. Eu estou aqui procurando por um filhote, pois minha cadelinha acabou de falecer. Eu prezo muito pela segurança e acho que os cães são companheiros essenciais para guardar uma casa. É muito gratificante fazer parte desse movimento, adotando um cachorrinho que precisa de um lar”, pontua. O teresopolitano Paulo Sérgio destaca que acha a iniciativa excelente. “Eu acho essa feira maravilhosa, pois, ajuda a tirar os bichos da rua, que é um problema pertinente na cidade, o de abandono de animais. É uma oportunidade muito boa para quem está pensando em ter um novo membro na família, pois, os animais da COPBEA são bem tratados, bem cuidados, são vacinados e alguns já são até castrados”, frisa o editor de vídeo.

“Eu estou aqui procurando por um filhote, pois, minha cadelinha acabou de falecer. Eu prezo muito pela segurança e acho que os cães são companheiros essenciais para guardar uma casa”, relata o jornalista, Ney Reis. Foto: Isla Gomes/O Diário

ONGS E PROTETORES DE TERESÓPOLIS

ONG ANJOS PELUDOS

  • E-mail: contato@onganjospeludosteresopolis.com.br
  • Site: onganjospeludosteresopolis.com.br
  • Endereço: Vale do Paraíso, Teresópolis, RJ, 25976-415

GUILHERME MOTTA PROTETOR DE ANIMAIS

  • Telefone: (21) 97176-0576
  • Instagram: @protetordepet
  • E-mail: ongprotetorgm@gmail.com

GRUPO ESTIMAÇÃO/SOS ANIMAL

  • E-mail: estimacaosos@gmail.com
  • Instagram: @grupoestimacao
  • Facebook: Grupo Estimação/SOS Animal

CENTRO DE TRIAGEM ANIMAL

  • E-mail: copbea@teresopolis.rj.gov.br
  • Telefone: (21) 2742-7763
  • Estrada Rio-Bahia, Fischer (ao lado do lixão)
Edição 12/04/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Rua Dr. Aleixo permanece interditada e buraco gera transtornos para a população

prefeitura

Em apenas dois meses, prefeitura recebeu mais de R$ 30 milhões do governo estadual

Diploma não poderá ter identificação de modalidade de ensino à distância

Dom Joel ministra o sacramento da Crisma na Paróquia São Pedro

Teresópolis participa da 12ª Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE