Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Teresópolis: Prédio incendiado do “Sopão” continua em escombros

Atendimento improvisado e acolhidos abrigados em CRAS

Wanderley Peres

Parcialmente destruído num incêndio criminoso, o Abrigo Beneficente Sopão, ao lado da UPA, na Tenente Luiz Meirelles, está fechado ao público desde o último 16 de julho. Enquanto o espaço não é recuperado, o atendimento à população de rua vem sendo feito numa tenta colocada em frente aos escombros do prédio, onde a secretaria de Desenvolvimento Social serve cerca de 120 refeições feitas na cantina do ginásio Pedrão, onde por algum tempo os doze acolhidos ficaram abrigados até se mudarem para o CRAS Barroso, na Rua Pará, no bairro São Pedro.

Dois dias depois do ocorrido com o prédio, uma reunião com o representante da Associação Sopão e entes do governo municipal, discutiu soluções para a reconstrução do espaço, conforme informado pelo DIÁRIO no dia 19. Cinco meses passados já, e nada ainda foi feito, se perdendo a prefeitura em confusões com a antiga gestão do Sopão, por conta de supostas irregularidades na utilização dos repasses feitos à entidade e na própria incompetência de reformar o espaço com razoável brevidade.

Quando já deveria ter dado solução ao problema, em prazo suficiente para a recuperação do espaço, um mês e pouco depois do incêndio, a prefeitura resolveu punir a associação Sopão, promovendo, em 29 de agosto, o seu descredenciamento junto à secretaria municipal de Desenvolvimento Social, ao não promover a renovação anual do registro das instituições da assistência social. O documento obrigatório para convênios, exigido pela resolução 16 de 2015 do Conselho Municipal de Assistência Social, estaria em exigência, situação que não se resolveu porque a entidade não teria mais o título de Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, desde fevereiro de 2020, fato que o governo não saberia, e condição que impossibilitaria o projeto Sopão receber verbas públicas e prestar serviços na área de assistência Social. “Nunca foi desejo da Prefeitura acabar com o serviço prestado pela Associação Abrigo Sopão, tendo em vista toda a sua história e seu legado, construídos pelos quase 30 anos de atuação da mesma, mas o município não poderia ficar omisso em relação às inúmeras irregularidades que se estendem desde o ano de 2020 e precisou respeitar as deliberações do Conselho Municipal de Assistência Social, soberano em suas decisões”, disse o secretário Valdek à época, quando a prefeitura anunciou a construção de um “Novo Sopão, com restaurante popular, ampliando a atuação social, atendendo não somente a população em situação de rua, como o trabalhador. Além disso, será implantado no local um Centro POP, um espaço de referência para o convívio grupal, social e o desenvolvimento de relações de afetividade, respeito e solidariedade”, prometeu o prefeito.

Sobre o “Novo Sopão”, já denominado AMAterê, “Abrigo Municipal de Acolhimento de Teresópolis”, a prefeitura diz que está providenciando a compra de materiais que serão utilizados na reconstrução do prédio e das instalações novas. “Já temos 50% do material, mas ainda falta o término do processo de licitação para compra do restante. Estamos também procedendo o chamamento público para uma instituição que possa auxiliar o município na gestão do Abrigo Municipal de Acolhimento. Isto facilitará o acolhimento e garantirá a utilização do espaço como Casa de Passagem, ou seja, será um abrigo de acolhimento provisório, visto que o principal objetivo da Assistência Social é adotar as providências para que a População em Situação de Rua, retorne ao convívio familiar”, disse a O DIÁRIO o secretário Valdeck Amaral, prometendo a obra pronta para março do ano que vem.

Compartilhe:

Edição 18/04/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Homem é preso com quatro armas e munições em Teresópolis

Governador Cláudio Castro nomeia novo secretário de Polícia Militar

Agendamento online para passaportes está indisponível temporariamente

Polícia Civil conclui inquérito e indicia por tráfico mulher que deu balas com droga para camareira de hotel em Teresópolis

Prefeitura de Teresópolis confirma data do leilão de veículos apreendidos

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE