Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

MPRJ inicia escaneamento em unidade do Degase de Nova Friburgo

São utilizados equipamentos de última geração, com os quais é possível criar modelos tridimensionais dos ambientes

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça da Infância e Juventude (CAO Infância e Juventude/MPRJ), da Promotoria de Justiça da Infância e da Juventude de Nova Friburgo e da Divisão de Evidências Digitais e Tecnologia da Coordenadoria de Segurança e Inteligência (DEDIT/CSI-MPRJ), deu continuidade, nesta quinta-feira (21/03), ao trabalho de mapeamento das unidades do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase). Os representantes da instituição estiveram na unidade de Nova Friburgo, que atende a toda a região serrana.

No trabalho de escaneamento, iniciado pela Força-Tarefa criada para a Fiscalização de Unidades de Internação do Degase (FT Degase/MPRJ), são utilizados equipamentos de última geração, com os quais é possível criar modelos tridimensionais dos ambientes, além de um mapeamento fotográfico completo, de todos os espaços de cada unidade socioeducativa. A tecnologia permite, por exemplo, detectar pontos cegos no sistema de monitoramento por câmeras, contribuindo para prevenir e auxiliar na apuração de casos de violência institucional eventualmente noticiadas.

“O trabalho desenvolvido trará mais qualidade para a atuação dos promotores de Justiça com atribuição para fiscalização das unidades, além de ser uma ferramenta potente para a melhoria da socioedução do Estado do Rio de Janeiro”, destacou a subcoordenadora do CAO Infância e Juventude/MPRJ, Fernanda Camara, que participou da visita.

O Ministério Público já realizou o escaneamento das seis unidades de internação do Degase localizadas na capital, além das duas unidades socioeducativas de Volta Redonda e da unidade de Belford Roxo. O trabalho também já foi iniciado na unidade de Campos dos Goytacazes. O projeto de escaneamento de todas as 11 unidades de internação do Estado do Rio de Janeiro é uma das metas do Plano de Segurança Pública do MPRJ, estando inserido na iniciativa estratégica de combate à violência institucional.

Tags

Compartilhe:

Edição 19/04/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Homem é preso com quatro armas e munições em Teresópolis

Governador Cláudio Castro nomeia novo secretário de Polícia Militar

Agendamento online para passaportes está indisponível temporariamente

Polícia Civil conclui inquérito e indicia por tráfico mulher que deu balas com droga para camareira de hotel em Teresópolis

Prefeitura de Teresópolis confirma data do leilão de veículos apreendidos

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE