Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Ações de Teresópolis para a conservação do sagui-da-serra escuro são divulgadas no XIX Congresso Brasileiro de Primatologia

Teresópolis participou do XIX Congresso Brasileiro de Primatologia: ‘Encontro de Diversidades’, ocorrido entre os dias 27 e 31 de agosto, na cidade de Sinop, no Mato Grosso. O evento congrega pesquisadores de todo Brasil que trabalham na conservação dos primatas brasileiros. Na ocasião, o administrador do Parque Natural Municipal Montanhas de Teresópolis, Vitor Cunha, divulgou as ações do Parque para a conservação do sagui-da-serra, um primata nativo da Mata Atlântica, ameaçado de extinção, que vem sendo monitorado nas florestas protegidas pela Unidade de Conservação Municipal.

Experiências em Educação trabalhadas no Parque Municipal são levadas ao congresso

Ao longo do evento, o Parque garantiu espaço em atividades de educação ambiental, levando as experiências vividas na Unidade para os congressistas em Sinop. Além disso, Vitor Cunha ministrou uma palestra em conjunto com Dr. Rodrigo Salles de Carvalho, coordenador do Programa de Conservação de Conservação Saguis-da-Serra-PCSS, intitulada ‘Novas tecnologias auxiliando a conservação dos saguis-da-serra’. Na apresentação, o biólogo contou um pouco da história do Parque Montanhas, seus saguis ameaçados de extinção e como estão sendo construídos os pioneiros estudos com a espécie do Sagui da Serra Escuro (Callithrix aurita) na região da unidade de conservação.

“A ida ao Congresso só foi possível devido ao apoio logístico e técnico da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e marca o Parque no cenário de conservação brasileiro referente ao Callithrix aurita, mostrando a relevância da Unidade para a conservação do bioma Mata Atlântica”, enfatizou Vitor Cunha, destacando que ações futuras de monitoramento, manejo e educação ambiental estão sendo planejadas entre Secretaria Municipal de Meio ambiente, PNMMT e PCSS, buscando conscientizar e conservar as espécies de primatas que habitam o nosso Parque. A iniciativa para este projeto acontece entre o PNMMT, Centro de Primatologia do Rio de Janeiro, Laboratório de Prototipagem do Unifeso e Programa de Conservação Saguis da Serra.

Edição 22/02/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Governo do Estado atua nas cidades afetadas pelas chuvas

LADRÕES DE RESIDÊNCIAS: Troca de tiros e quadrilha presa na Barra do Imbuí

Moradores denunciam possível foco do mosquito em casa abandonada

ÔNIBUS: Rodoviários de Teresópolis podem parar no próximo fim de semana

SindPMT vai debater contratação de 475 trabalhadores “por fora” para a Educação

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE