Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Aneel aprova redução de 37% nas bandeiras tarifárias

A Aneel, Agência Nacional de Energia Elétrica, aprovou a redução de até 37% nos valores das bandeiras tarifárias.

Esse percentual vale para a bandeira amarela que, quando for acionada, sairá dos atuais R$ 29,89  para R$ 18,85 MWh.

Já para a bandeira vermelha, patamar 1, a queda será de 31,3%, de R$ 65 para R$ 44,63 MWh, e o patamar 2, de R$ 97,95 para R$ 78,77 MWh, redução de quase 20%.

Os valores passam a valer a partir de primeiro de abril. Agora em março, a bandeira verde foi mantida e o consumidor não pagará taxa extra sobre a conta de luz. Desde abril de 2022 essa bandeira tarifária tem sido mantida, por causa das condições favoráveis de geração de energia com baixo custo nos últimos meses.

Segundo a Agência, a redução nos valores das bandeiras é justificada pelo cenário favorável para a geração de energia elétrica, por causa da elevação nos níveis dos reservatórios das hidrelétricas ao longo dos últimos dois anos. Outros fatores são a grande oferta de energia renovável no país e a queda verificada no preço dos combustíveis fósseis no mercado internacional.

Os valores aprovados pela Diretoria Colegiada da Aneel foram debatidos em uma consulta pública que recebeu 49 sugestões, sendo 60% delas feitas por consumidores e pessoas especializadas.

Criadas em 2015 pela Aneel, as bandeiras tarifárias refletem os custos variáveis da geração de energia elétrica.  

Compartilhe:

Edição 20/04/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Trilha mais antiga da Serra dos Órgãos completa 183 anos

“PREFEITO, CADÊ O DINHEIRO DA CAUSA ANIMAL?” Protetoras visitam canil e denunciam insalubridade

Feriado de São Jorge com promoção no Parc Magique do Le Canton

A festa pelo livro de Edinar Corradini

Anvisa mantém proibição ao cigarro eletrônico no país

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE