Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Casos de gripe motivaram pedido do uso de máscaras no Cerom

Objetivo é evitar disseminação da doença entre alunos, professores e pessoal de apoio

Luiz Bandeira

O hábito de proteção individual com máscaras, nada comum para o brasileiro, mas que foi amplamente adotado voluntariamente por grande parte da população e essencial para barrar o avanço dos casos de Covid-19, inclusive sendo exigido para acesso a locais públicos e transporte coletivo, reiteradamente recomendado pela Organização Mundial de Saúde, deixou recentemente de ser obrigatório por conta da queda no número de casos da doença. Porém agora, o uso de máscaras voltou a ser cobrado, desta vez em uma das mais importantes unidades de educação do município, o Centro Educacional Roger Malhardes, em São Pedro, mas por outro motivo. A iniciativa da equipe da escola tem a intenção de impedir que aumente ainda mais os casos de gripe Influenza entre alunos, professores e profissionais de apoio do Cerom. Levando em conta que a maioria dos alunos da unidade não é público alvo da campanha nacional de vacinação contra a gripe, é razoável a adoção da proteção nesse momento em que há um aumento substancial, verificado nos atendimentos nas unidades de saúde da cidade.
No último sábado, 21, a direção da escola foi às redes sociais pedir que todos se protejam nas dependências da escola. “Devido ao grande número de casos de gripe que vêm ocorrendo, solicitamos que TODOS RETORNEM COM O USO DA MÁSCARA E HIGIENIZAÇÃO CONSTANTE DAS MÃOS DURANTE O PERÍODO ESCOLAR. Com isso, evitamos o contágio da gripe e prevenimos o Covid. Além disso, reiteramos a necessidade URGENTE da vacinação”, informa o post. Em nota, a prefeitura informou que: “O Centro Educacional Roger Malhardes (CEROM), no bairro de São Pedro, solicitou a seus alunos e colaboradores que utilizem máscaras na unidade. O retorno do uso de máscaras foi necessário para conter os casos de gripe, mais frequentes nesta época do ano e que tiveram aumento em decorrência desta última frente fria que atinge o município. A exigência do uso de máscaras segue por tempo indeterminado”.

Campanha de vacinação
No início do mês de abril o Ministério da Saúde deu início à campanha nacional de vacinação contra a gripe. Na primeira fase desta campanha as doses foram dadas em idosos e profissionais de saúde. Atualmente estamos na segunda fase e o público alvo compreende crianças de seis meses à cinco anos, gestantes, puérperas, povos indígenas, professores, pessoas que possuem comorbidades, com deficiências permanentes, caminhoneiros, trabalhadores do transporte coletivo rodoviário urbano, portuários, forças armadas, funcionários do sistema prisional, população privadas de liberdade, além de adolescentes e jovens sob medidas socioeducativas. As vacinas estão sendo ministradas em qualquer unidade básica de saúde do município (UBS), de segunda à sexta-feira das 8h às 15h e no Centro Materno Infantil (CMI) de segunda à quinta-feira das 8h às 17h.
De acordo com o Ministério da Saúde, a vacinação é a forma mais eficaz de prevenção contra a gripe e suas complicações. A vacina é segura e é considerada uma das medidas mais eficazes para evitar casos graves e óbitos por gripe. A constante mudança dos vírus influenza requer um monitoramento global e frequente reformulação da vacina contra a gripe. Devido a essa mudança dos vírus, é necessário a vacinação anual contra a gripe. Por isso, todo o ano, o Ministério da Saúde realiza a Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe. Este imunobiológico oferecido no Sistema Único de Saúde (SUS) protege contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circularam no último ano no Hemisfério Sul.

Hábitos que protegem a saúde
Além da vacinação orienta-se a adoção de outras medidas gerais de prevenção para toda a população. Medidas estas, comprovadamente eficazes na redução do risco de adquirir ou transmitir doenças respiratórias, especialmente as de grande infectividade, como vírus da gripe: Lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel, principalmente antes de consumir algum alimento; Utilize lenço descartável para higiene nasal; Cubra o nariz e boca ao espirrar ou tossir; Evite tocar mucosas de olhos, nariz e boca; Não compartilhe objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas; Mantenha os ambientes bem ventilados; Evite contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas de gripe; Evite sair de casa em período de transmissão da doença; Evite aglomerações e ambientes fechados (procurar manter os ambientes ventilados); Adote hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos;
Importante: Indivíduos que apresentem sintomas de gripe devem evitar sair de casa em período de transmissão da doença (podendo ser por um período de até sete dias após o início dos sintomas). Orientar o afastamento temporário (trabalho, escola etc.) até 24 horas após cessar a febre sem a utilização de medicamento antitérmico.

Número de casos de Covid-19 volta a subir
Os casos de Covid voltaram a predominar entre as ocorrências de Síndrome Respiratória Aguda Grave, de acordo com o novo Boletim Infogripe, da Fiocruz, divulgado na última sexta-feira, 20. Os diagnósticos correspondem a mais de 41% dos casos, nas últimas quatro semanas epidemiológicas. De acordo com o coordenador do estudo, Marcelo Gomes, os dados indicam alta no número de casos semanais da Síndrome em todas as faixas etárias adultas e o aumento dos casos associados à Covid volta a impactar as internações. Gomes ressalta a importância de fazer o uso de máscaras nesse momento. No painel Covid da Prefeituras, com dados da Secretaria Municipal de Saúde, a média móvel dos últimos 7 dias está em 10,87, uma alta de mais de 50% comparado com a semana passada.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Edição 18/08/2022
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Notícias falsas nas eleições de 2020 preocupam especialistas

Policial de férias prende acusado de tráfico na entrada da cidade

Policial civil denunciado por lavagem de dinheiro é preso no Rio

Magalu vai abrir loja em Teresópolis e inicia processo de contratação

Petrópolis x Teresópolis, a travessia mais bonita do Brasil