Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Cedae continua operando com 50% da capacidade em Teresópolis

O Diário visita ETA Rio Preto, que passa por manutenção para atendimento na estação mais quente do ano

Luiz Bandeira

Na preparação para o verão 2022/2023, a Cedae iniciou a primeira etapa da manutenção preventiva do Sistema Rio Preto, que abastece 80% do município de Teresópolis, com previsão de conclusão nesta sexta-feira, 09. Durante o período, a Estação de Tratamento de Água (ETA) Rio Preto, em Três Córregos, opera com 50% da capacidade. O serviço consiste na execução de uma série de melhorias operacionais, como limpeza dos decantadores e modernização dos floculadores, que são estruturas onde a água colhida no Rio Preto e que depois de atravessar cerca de 30 quilômetros de tubulação, flui enquanto vai sendo purificada. Esta será a primeira de três etapas da manutenção, que vai ocorrer ao longo dos meses de dezembro e janeiro e demandará reduções específicas na produção de água. O gerente da Cedae Teresópolis, Manoel Ladeira, destacou o porquê de se fazer esse trabalho agora. “As intervenções vão garantir mais eficiência ao sistema no período de maior volume de chuvas, quando há aumento da turbidez no manancial de captação, o que exige a interrupção das operações e, consequentemente, do abastecimento. O foco é investir cada vez mais na segurança hídrica e na produção de água de qualidade”, reforçou.
Para poder entender como é feita a purificação da água que chega às nossas torneiras e como é o trabalho que está sendo realizado, estivemos na Estação de Tratamento de Água de Teresópolis. Iuri Medeiros, assistente da gerência Teresópolis da concessionária, recebeu a equipe do jornal O Diário e Diário TV na estação localizada às margens da BR-116. Na chegada já observamos operários trabalhando dentro de uma gigantesca estrutura esvaziada para receber os reparos planejados. Iuri explicou o que estava sendo feito. “A gente está trabalhando bastante, tanto é que normalmente a gente trabalha só fazendo a limpeza dos decantadores, mas preparando para o verão e para ter uma segurança hídrica maior, a gente trabalha, não só nos decantadores como também nos floculadores, que são parte fundamental pra melhoria da qualidade da água de Teresópolis. Quando a gente faz a troca dos floculadores isso vai ajudar ainda mais o nosso processo. Quando os flóculos saem pelo decantador eles acabam ficando no filtro e a gente tem que limpar mais vezes o filtro, então com essa troca das placas do floculador a gente vai conseguir melhorar essa floculação até chegar ao final do sistema e aí no final a gente vai ter uma quantidade menor de limpeza do nosso filtro, melhorando ainda mais a qualidade da água”, detalhou o técnico.

Técnicos da Cedae trabalham incessantemente para restabelecer o fornecimento de água por completo

Economia
Iuri alertou que enquanto estiver sendo realizada a manutenção é recomendado que a população utilize a água que chega à sua torneira de forma consciente. “A gente pede pra população economizar o consumo de água nesse período porque a gente está trabalhando só com metade da capacidade da ETA. Ela tem uma capacidade nominal de 430 litros por segundo e hoje ela está trabalhando com 250 litros por segundo”, frisou. Mesmo debaixo da chuva que caia nessa quarta-feira, 07, o trabalho, envolvendo muitos técnicos da concessionária, não parou. “A gente tem em torno de 20 colaboradores aqui trabalhando direto até a conclusão do serviço”, concluiu Iuri Medeiros.

Marta Câmara, coordenadora de controle de qualidade, informou que são feitas análises da água fornecida a cada duas horas

O tratamento
Antes de ser fornecida aos consumidores, a água, depois de tratada, é rigorosamente analisada em laboratórios montados no local, por técnicos especializados. Falamos com a coordenadora de controle de qualidade, Marta Câmara, sobre a segurança hídrica observada nas análises. “Nós fazemos sempre a análise na casa dos clientes, no hidrômetro dos clientes e mantemos sempre um controle nessa qualidade da água distribuída, além da água tratada aqui. Aqui na ETA Rio Preto a gente faz análise de duas em duas horas, mantendo sempre o padrão de potabilidade que diz na nossa legislação, e a gente também faz esse padrão de qualidade na água distribuída. Vocês podem ver às vezes um carro a serviço da Cedae, na rua fazendo essas coletas. A gente já tem uns pontos marcados onde a gente coleta e faz as análises, aqui na ETA Rio Preto, no nosso laboratório. Só daqui de Teresópolis a gente deve fazer uma média diária de 40 análises por dia”.

A água tratada na ETA Teresópolis, viaja cerca de 25 quilômetros em tubulações, desde o Rio Preto. Potentes bombas elevatórias são necessárias para tanto

Ampliação do atendimento
Durante os dias de manutenção, a Companhia recomenda aos consumidores que utilizem água de forma equilibrada, adiando tarefas não essenciais. A previsão é que o abastecimento seja normalizado por completo em até 48 horas após a conclusão do serviço. Clientes da Cedae podem pedir caminhão pipa, em caso de necessidade, pelo telefone 0800-282-1195.
Tecnologia a favor do abastecimento Na segunda quinzena de dezembro, a operação do novo Centro de Controle Operacional (CCO) será ampliada em mais 17 pontos remotos nas elevatórias que compõem o sistema de abastecimento. A plataforma irá monitorar, à distância e em tempo real, a pressão e o funcionamento das bombas, possibilitando o envio imediato de equipes para agilizar eventuais reparos. “O CCO une tecnologia e inovação para manter o equilíbrio do sistema – e é o primeiro deste tipo na cidade. Agora, conseguimos agir mais rapidamente em casos de anomalias”, completou Ladeira.

Iuri Medeiros, assistente da gerência Teresópolis da concessionária, recebeu a equipe do jornal O Diário e Diário TV na estação localizada às margens da BR-116


Edição 23/02/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Chuvas no estado do Rio provocam ao menos sete mortes

Justiça Federal determina retorno de Adélio Bispo a Minas Gerais

Ônibus: novas tarifas intermunicipais entram em vigor neste sábado

Sexta e sábado com feira de adoção de cães na Várzea

Asfalto ficou na promessa e Vale dos Cedrinhos segue quase intransitável

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE