Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Chuva causa deslizamento de terra e deixa família desabrigada

Temporais frequentes deixam Defesa Civil em estágio de atenção em Teresópolis

Marcello Medeiros

As tradicionais e fortes chuvas do mês de março voltam a preocupar os teresopolitanos. Nas últimas duas semanas, temporais têm atingido a região em todos os finais de tarde e, na madrugada desta quinta-feira, grande quantidade de chuva tirou o sono de moradores de diversos bairros – independente de serem consideradas áreas de risco, um resquício das consequências da catástrofe de 12 de janeiro de 2011. Apesar da precipitação e preocupação, apenas duas ocorrências foram registradas pela Defesa Civil na madrugada de ontem. A mais grave delas aconteceu na Rua Íris, bairro do Jardim Meudon, onde deslizamento de terra fechou parcialmente a via pública.
Além disso, devido ao aterramento do talude, houve a interdição de um imóvel e a família composta por três pessoas precisou sair, sendo encaminhada para atendimento pela Secretaria de Desenvolvimento Social. A Secretaria de Serviços públicos foi acionada para desobstrução da Rua Íris nas primeiras horas da manhã. Também logo após o dia clarear nesta quinta-feira, foi feito um pedido de avaliação na Creche Municipal Paraíso, no bairro Vale do Paraíso.  A equipe técnica foi ao local e constatou a necessidade de manutenção em um muro. A Defesa Civil permanece em estágio de atenção, monitorando as condições do tempo e mantendo a população informada através das redes sociais, dos alto-falantes das sirenes do Sistema de Alerta e Alarme e do aplicativo AlertasDCT.

 

Morte em Petrópolis
Um deslizamento de terra matou um menino de sete anos de idade e deixou uma mulher ferida, no Morro do Querosene, no distrito da Posse, em Petrópolis. Segundo o Corpo de Bombeiros, a equipe de resgate foi acionada por volta das 7h30 da manhã desta quinta-feira, por causa do deslizamento decorrente de chuvas. Segundo o Corpo de Bombeiros, quando o menino foi resgatado, ele já estava morto. Seu corpo foi encaminhado para o Instituto Médico-Legal. A mulher foi socorrida por moradores locais e levada para um hospital.
De acordo com a prefeitura de Petrópolis, aconteceram deslizamentos na Estrada União e Indústria, que foi interditada na altura da Curva da Jacuba; na pista sentido Rio de Janeiro da BR-040; na Rua Noêmia Alves Rattes; e na Estrada do Brejal. A Defesa Civil do município vizinho também está em estágio de atenção, já que a chuva permanece em algumas regiões da cidade e existe a previsão de chuva permanente ao longo do dia. A secretaria orienta a população a ter atenção em função dos acumulados que deixam o solo encharcado.

 

 

 

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Edição 14/05/2022
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Notícias falsas nas eleições de 2020 preocupam especialistas

Policial de férias prende acusado de tráfico na entrada da cidade

Magalu vai abrir loja em Teresópolis e inicia processo de contratação

Câmara aprova representação contra o prefeito de Teresópolis

Cedae vai paralisar o sistema principal nesta terça-feira em Teresópolis