Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Chuva: Parque Nacional, Barroso e Vale da Revolta são os locais com maior acumulado

Prefeitura não atualiza situação de comunidades e informações importantes sobre o período

Marcello Medeiros

Até o fim da tarde desta segunda-feira (15), segundo dados das estações pluviométricas do Centro Estadual de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais – Cemaden/RJ, as regiões com maior acumulado de chuvas no período de 96 horas em Teresópolis eram o Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Parnaso), com 134.2 mm; Barroso, com 127.4 mm; Vale Revolta/Meudon, com 121.2 mm; Tartaruga, com 105.2 mm; São Pedro, com 100.9 mm; e Panorama, com 93.5 mm. Durante todo o dia, a reportagem do Diário tentou informações mais precisas sobre a situação, além de entrevista com o secretário municipal de Defesa Civil, Coronel Albert Andrade. Porém, apesar de contatos feitos através da assessoria de comunicação da prefeitura, não obtivemos nenhuma resposta até o fechamento desta edição.
Até domingo, eram seis ocorrências – em consequência das chuvas de sábado e a madrugada desse dia. Foram registrados deslizamentos de terra no Vale da Revolta, às margens da Estrada Rio-Bahia, na Rua Kenner, no bairro Fischer, e na Rua Izaltino Eugênio, em Vargem Grande. Na madrugada de domingo foi registrado um deslizamento terra na Prata. No Jardim Salaco, um poste tombou e precisou ser substituído por equipe da Enel. Quedas de árvores foram registradas na Rua Abelardo Cunha, Corta Vento, e Rua Guandu, em Pimenteiras. Apuramos extraoficialmente que a Defesa Civil mantém estágio de atenção. Em caso de emergência, o socorro deve ser acionado via 199.

Mortes no Rio
O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, informou nesta segunda-feira (15) que chega a 12 o número de mortos pelas chuvas que atingiram a região metropolitana no fim de semana. A última vítima foi um homem, morador do Morro do Chapadão, na Pavuna, zona norte da capital. Arrastado pela correnteza, o corpo do homem foi achado em São Mateus, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense. Em Ricardo de Albuquerque, um homem foi vítima de desabamento provocado por um deslizamento de terra na madrugada deste domingo (14), na Rua Moraes Pinheiro. Em Acari, uma mulher foi encontrada morta na Rua Matura, possivelmente vítima de afogamento.  Em Costa Barros, uma mulher foi vítima de soterramento na Estrada de Botafogo.
Em Nova Iguaçu, uma mulher foi resgatada sem vida em um rio próximo à Rua General Rondon, e um homem morreu por afogamento na Rua Patricia Cristina, em Vila São Luís. Em Comendador Soares, próximo à Passarela da Rua Bernardino de Melo, um homem foi resgatado sem vida pelos militares, com sinais de afogamento.
Em São João de Meriti, um homem foi vítima de descarga elétrica na Rua Neuza e outro, de afogamento na Rua Pinto Duarte. Também houve confirmação do óbito de um homem na Rua Parecis, em Belford Roxo. Em Duque de Caxias, um homem foi vítima de descarga elétrica na Rua Marquês de Paranaguá,  e outro na Rua Dona Alice Viterbo, em São Bento.
O Corpo de Bombeiros continua as buscas por uma mulher adulta que teria desaparecido após a queda de um veículo no Rio Botas, na altura da Rua Doze, no bairro Andrade Araújo, em Belford Roxo, na noite de sábado (13). “Eu me solidarizo com as famílias das 12 vítimas que tivemos até agora. Estamos no trabalho de tentar achar a pessoa desaparecida. Apesar de não ter dúvida do avanço que temos tido, quando ainda se tem uma pessoa que perde a vida pelo mesmo motivo de 5, 10, 15, 20 anos atrás, é que se tem ainda muito a evoluir”, disse Castro após reunião com secretários no Centro Integrado de Comando e Controle, na Cidade Nova. O governador acrescentou que a estimativa é de cerca de 600 pessoas entre desalojados e desabrigados.

Edição 20/02/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

População transforma terreno vizinho da UPA em lixão clandestino

Cães farejadores ajudam polícia a encontrar grande carga de drogas

Jovem encontrado morto na BR-116 tem passagem por tráfico, diz PCERJ

Prefeito diz que não vai pagar o aumento de ninguém

Teresópolis: matagal toma conta de rua no Golfe

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE