Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Ciclista é atropelado na Fonte Santa

Colisão com automóvel deixou homem em estado grave

Um homem foi atropelado quando trafegava com sua bicicleta no bairro da Fonte Santa no início da tarde desta quarta-feira. O acidente ocorreu na altura do km 78 da BR-116 quando o ciclista, que seria morador da localidade da Portelinha acabou atingido por um Volkswagen Fox de cor branca. O impacto da batida foi tão forte que destruiu o para-brisa e o para-choque do veículo. O homem acabou arremessado para uma distância de quase 10 metros a frente.
Não foi divulgado o estado de saúde da vítima, porém pela quantidade de sangue na pista e a destruição da bicicleta que ele conduzia, a situação é grave. O serviço de emergência da CRT foi chamado ao local para atender a ocorrência e a equipe de resgate realizou os primeiros socorros e em seguida levou o homem para ser atendido no Hospital das Clínicas de Teresópolis para dar continuidade no atendimento. 
A Polícia Rodoviária Federal esteve no local para controlar o trânsito e fazer o registro da ocorrência. O trecho precisou ser parcialmente interditado para o trabalho das equipes de emergência e o trânsito então foi desviado para os acostamentos nos dois sentidos até a conclusão do trabalho de perícia.

Número de acidentes preocupa
De acordo com estatísticas do Corpo de Bombeiros e do Detran-RJ, os acidentes de trânsito estão registrando um crescimento ano a ano e preocupando as autoridades por conta do número de vítimas envolvidas. O último balanço é referente ao anuário de 2018 divulgado em agosto deste ano e informa que foram 767 ocorrências, quase 100 a mais do que em 2017. A BR-116 (Estada Rio-Bahia) é considerada uma das mais críticas em se tratando da recorrência de colisões, atropelamentos e tombamentos. 
De modo geral, tais ocorrências se concentram no período noturno do final da semana, com aumento do volume de atendimentos a partir de sexta-feira (18h) e concentração de eventos entre 18h e 22h aos sábados e domingos. Entram nessa estatística colisões envolvendo os diferentes tipos de veículos, os atropelamentos, as quedas de motocicletas e de bicicletas, assim como os capotamentos.  Outros pontos críticos em relação aos sinistros são a RJ-130 (Teresópolis-Friburgo) e a Tenente Luiz Meirelles, avenida que dá acesso aos populosos bairros de São Pedro e Meudon.

 

 

 

Tags

Compartilhe:

Edição 18/05/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Desconto “FAKE NEWS”: Água continua sendo cobrada com cerca de 100% de aumento

SPVAT: entenda o que muda com o novo seguro de trânsito

PM apreende motos que eram de leilão em Bonsucesso

Com a Beneficência lotada, crianças ficaram sem pronto atendimento na Saúde

Rua do Hospital São José interditada neste sábado

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE