Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Concessionária paga aluguel a mais 40 famílias afetadas por cratera na BR-040

A concessionária Concer, responsável pelo trecho da Rodovia Rio-Juiz de Fora na BR-040, pagou R$ 1 mil a mais 40 famílias que tiveram as casas interditadas por causa de uma imensa cratera que se abriu ao lado da estrada, no último dia 7. Na semana passada, a concessionária já havia decidido pagar a mesma quantia a 52 famílias, mas como a Defesa Civil ampliou a área de interdição, o total de famílias afetadas subiu e chegou a 92 na localidade do Contorno, em Petrópolis.

Vladimir Platonow – Repórter da Agência Brasil

A concessionária Concer, responsável pelo trecho da Rodovia Rio-Juiz de Fora na BR-040, pagou R$ 1 mil a mais 40 famílias que tiveram as casas interditadas por causa de uma imensa cratera que se abriu ao lado da estrada, no último dia 7. Na semana passada, a concessionária já havia decidido pagar a mesma quantia a 52 famílias, mas como a Defesa Civil ampliou a área de interdição, o total de famílias afetadas subiu e chegou a 92 na localidade do Contorno, em Petrópolis.

A informação foi divulgada nesta segunda-feira (13) pela Concer, que também irá disponibilizar às famílias cestas básicas e produtos de higiene pessoal. “Ao todo, mais de 90 famílias do Contorno receberam o auxílio emergencial da empresa, que agiu rapidamente no atendimento aos moradores. A equipe da Concer designada para as ações de apoio à comunidade está no Contorno há uma semana e foi reforçada, permanecendo de prontidão 24 horas”, detalhou a empresa em nota.

A principal hipótese para o aparecimento do buraco tem ligação com as obras de duplicação da rodovia, que prevê a construção de um túnel justamente abaixo da área afetada.

Segundo a Concer, em razão da interdição da BR-040 no local, houve alterações no fluxo de tráfego da rodovia. A pista sentido Juiz de Fora, na subida da Serra de Petrópolis, vai operar em mão dupla, entre o km 81, logo após o Túnel do Quitandinha, e o km 78. Para quem trafega no sentido Rio de Janeiro, o acesso ao trecho de mão dupla se dará na altura do km 80. O tráfego seguirá por mão dupla até o retorno existente pouco antes do Túnel do Quitandinha.

O Ministério Público Federal (MPF) e a Justiça determinaram que a Concer entregue documentos da obra da nova pista de subida, que inclui o túnel, à Defesa Civil. A concessionária informou que já fez a entrega da documentação exigida.

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Edição 28/06/2022
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Notícias falsas nas eleições de 2020 preocupam especialistas

Policial de férias prende acusado de tráfico na entrada da cidade

Magalu vai abrir loja em Teresópolis e inicia processo de contratação

Câmara aprova representação contra o prefeito de Teresópolis

Veículo abandonado em via pública é incendiado