Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Covid-19: Grande maioria dos internados em Teresópolis não se vacinou

Secretário de Saúde fala sobre a situação, próximas etapas da imunização e explica denúncia de "vacinas perdidas"

Luiz Bandeira

O combate ao novo Coronavírus ainda está longe de acabar, mas os números do Plano Nacional de Vacinação mostram que o programa está bem adiantado em todo o país. Nesta segunda feira, 18, a equipe do jornal O Diário de Teresópolis e Diário TV esteve na Secretaria Municipal de Saúde para entrevistar o secretário Antônio Henrique Vasconcelos, que destacou os avanços no enfrentamento a Covid-19 em Teresópolis.  “É uma realidade em todo o estado do Rio de Janeiro que está em bandeira amarela, isso é importante destacar, um sinal que a pandemia no estado do Rio de Janeiro está diminuindo, graças a Deus, e isso tudo se dá graças a vacinação que vem avançando, vem diminuindo internações em leitos de UTI, leitos clínicos, a porta de entrada, que é a principal é a UPA também estamos sem receber esses pacientes Covid, não vem chegando pacientes. Se eu não me engano os últimos a serem transferidos foram a quatro dias atrás, ou seja nós estamos passando dias sem pacientes Covid chegando na UPA para internação, isso é muito Importante”, pontua.
O secretário disse ainda acreditar que com estes avanços diminua cada vez mais o número pessoas contaminadas tanto na cidade como no estado do Rio de Janeiro. Dados das secretarias de saúde de vários estados mostram que a maioria das pessoas internadas, inclusive em estado grave e que ocupam leitos de UTIs, são de casos de pessoas que se recusaram a receber a vacina. Antônio Henrique confirmou que é o mesmo caso de Teresópolis, onde a maioria dos internados são pessoas que não se imunizaram. “Infelizmente a maioria das pessoas internadas e internadas com gravidade são pessoas não vacinadas. Ainda temos essas pessoas que recusam a vacina, mas que a gente está fazendo um trabalho junto a comunidade, junto a população pra orientar as pessoas da importância da vacina e quanto mais pessoas imunizadas tiver menor o risco de contrair a doença”.

Números da vacinação
O Painel Covid-19, da Secretaria Municipal de Saúde, atualizado no domingo, 17, mostra que 79,15% da população da cidade já tomou a primeira dose de um imunizante contra o Coronavírus e que 47,28% já está completamente imunizada com as duas doses ou dose única, no caso da vacina Janssem. O painel informa ainda que já foram aplicadas 3.840 doses de reforço ou terceira dose, para um público alvo específico acima de 60 anos. O secretário comemora os números de vacinação. “Quase cinquenta por cento com a segunda dose, isso é um dado muito importante, nós estamos acelerando esta semana a segunda dose, chegaram novas remeças só para a segunda dose, então nós estamos adiantando o calendário, da Pfizer, da Oxford, pra que a gente consiga chegar com essa segunda dose, pelo menos até o final de semana que vem pelo menos até 60% de imunizados e estamos acelerando. Quarta-feira nós temos a perspectiva de receber novas doses, principalmente para a terceira dose, estamos esperando o estado enviar nova remessa de vacinas para que a gente consiga aí vacinar as pessoas que precisam da terceira dose”.
Com o adiantamento do calendário, quem por ventura não conseguir adiantar a programação de vacinação pode se manter na data anteriormente prevista e se ainda assim perder esse prazo, pode procurar um dos postos de vacinar e se imunizar, garante o secretário. “Estamos vacinando pessoas que perderam o prazo, tem pessoas que chegam aqui com dez, quinze dias de atraso a gente não deixa de imunizar essas pessoas, o importante é vacinar, sempre”, reforça o secretário. Nesta terça-feira, a SMS realiza repescagem e atendimento para segunda dose na Tijuca, PSF Pessegueiros e UBS Bonsucesso.

Vacinas fora da refrigeração
Informações que chegaram a nossa reportagem davam conta que algumas doses de imunizantes foram inutilizadas e que se perderam antes de serem utilizadas. Buscamos a informação junto ao Secretário Antônio Henrique. “Deixa eu confirmar essa informação, porque tudo em Teresópolis se cria aquele comentário. O que aconteceu, não foi vacina com prazo de validade vencida, foram as vacinas que nos enviamos para uma unidade de saúde para vacinar os profissionais que precisariam da terceira dose e pelo um erro do profissional, que recebeu essas vacinas, ele não condicionou elas no ambiente correto que é na geladeira para manter ela entre 2° e 8°, recolhemos essa vacina, mandamos para análise e abrimos um processo administrativo para apurar responsabilidade do profissional que deixou essa vacina fora do ambiente refrigerado. Ninguém foi vacina, essa vacina foi recolhida, manda pra análise e caso a análise dê ok ela retorna, não deu ok ela é descartada. Nós temos toda a responsabilidade com a vacina, infelizmente foi um erro de um profissional que não viu que a vacina deveria estar em ambiente refrigerado”.

Reforço nos quadros da Saúde
“Nós estamos reforçando a equipe, nos estamos há dois anos na pandemia, nossas equipes estão muito esgotadas e uma determinação do prefeito é ampliar os serviços. Hoje nós estamos ampliando o serviço de odontologia no município, a pandemia afastou muito os profissionais da odontologia então nos estamos resgatando e futuramente, para o município nos estamos implantando o SAMU, serviço de urgência no município que nunca foi implantado e o prefeito sinalizou positivo para a implantação, já têm vários pedidos na câmara de vários vereadores e a gente vai implantar esse serviço aqui no município e pra isso nos precisamos de profissionais”, adiantou Antônio.

Outras vacinas
Nesse último sábado houve o “Dia D” de vacinação para atualizar o calendário de vacinação para crianças, adolescentes e ainda para quem ainda não se imunizou contra doenças para as quais o estado e o município oferecem imunizantes. Antônio Henrique falou sobre a campanha. “Precisamos chamar a atenção para a vacina contra a Influenza, as pessoas têm banalizado essa vacina, então temos ainda bastante quantidade dessa vacina em estoque, foi um dia D para também chamar os idosos que não vacinaram para Influenza, vacina da Febre Amarela, Penta-valente, Dupla enfim, o sábado foi o dia de atualização da caderneta de vacinação. Foi um grande sucesso, tivemos todas as unidades funcionando das 08h às 17h e teve um público bom atendido e essa campanha se estende até o final do ano, nós não vamos parar agora, nós vamos promover um outro dia D só do município mais central, provavelmente vamos fazer no dia 23 no centro, Calçada da Fama, Praça de Santa Tereza estamos fazendo essa programação para o dia 23”, concluiu o Secretário.

 

Tags

Compartilhe:

Edição 27/02/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Teresópolis tem 255 casos de dengue confirmados

Governo Federal repassa área na Quinta Lebrão e Fonte Santa para o município de Teresópolis

Acusado de estuprar a afilhada é preso na Região Serrana

PRF recupera dois veículos roubados na BR-116

Rodrigo Caetano conhece estrutura da Granja Comary

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE