ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Covid-19: Teresópolis sem vagas em leitos há quase um mês

Data: 07/04/2021

A última informação sobre disponibilidade de locais para internação em enfermaria saiu em 15 de março, quando havia quatro vagas. Desde então, o número zero tem sido uma constante no boletim. Para a UTI, a situação está complicada há mais tempo

De acordo com dados da Secretaria Municipal de Saúde, divulgados através do Gabinete de Crise da Prefeitura, há quase um mês Teresópolis não tem nenhuma vaga em leitos para Covid-19.  A última informação sobre disponibilidade de locais para internação em enfermaria saiu em 15 de março, quando havia quatro vagas. Desde então, o número zero tem sido uma constante no boletim repassado diariamente para a população, seja através do banner publicado em redes sociais ou pelo sistema “Painel Covid-19”. Em relação aos leitos de UTI, a situação é ainda mais grave, havendo necessidade de transferência para outros municípios há muito mais tempo. Aliás, desde o ano passado o governo municipal tem se valido do Sistema de Regulação do Governo Estadual para conseguir vagas para os teresopolitanos que necessitam de internação em casos mais graves. Em meados de janeiro, foram anunciados nove leitos no Hospital das Clínicas Constantino Ottaviano (HCTO), mantidos pelo governo estadual, mas estes foram ocupados rapidamente. Até a quinta-feira da semana passada, havia 75 teresopolitanos internados em outros municípios. Volta Redonda, Duque de Caxias, Petrópolis, Nova Friburgo... Os destinos são muitos, mas não nunca foi divulgada uma relação com todas as cidades que receberam moradores locais. Aliás, também já há algum tempo O Diário tem tentado acompanhar essas transferências, com o objetivo de esclarecer a população sobre a necessidade de se manter as medidas sanitárias previstas e, consequentemente, diminuir as chances de precisar de uma dessas vagas. Porém, tais solicitações não têm sido respondidas pela Assessoria de Comunicação da Prefeitura. A última, feita nesta quarta-feira.
De acordo com a última atualização do "Painel Covid-19" até o fechamento desta edição, no início da noite desta quarta-feira, Teresópolis já registrou 24.457 casos da doença. Desses, 6.625 ainda são considerados ativos. A lista de pacientes recuperados tem 17.394 nomes, mas a relação de pessoas que perderam a batalha contra o novo coronavírus também é preocupante. O município já confirmou 538 mortes e outros 20 óbitos estão em investigação. Somente em março, 130 moradores de Teresópolis morreram em consequência das complicações da doença. Em relação aos bairros, o mais populoso deles, São Pedro, é o que já notificou mais casos, 2.599 - levando-se em conta que três comunidades que fazem parte desse aglomerado estão sendo contabilizadas separadamente, fazendo que essa "liderança" chegue ao dobro do bairro seguinte, a Várzea.

Vacinação
Teresópolis aguarda novo lote de vacinas para continuar a imunização. Na última terça-feira, 06, começaram a serem atendidos os idosos com 67 anos completos. Porém, não houve imunizante suficiente para todo esse público. Dessa forma, quando a Secretaria Municipal de Saúde receber nova carga, irá retomar essa faixa etária e, sobrando, já iniciar o público com 66 anos. Está em curso atualmente a vacinação da segunda dose para que foi imunizado com a Coronavac.

 

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Novo Decreto altera regra do Rodízio de CPF em Teresópolis

Justiça nega habeas corpus à mãe e ao padastro do menino Henry Borel

Vôlei: Bernardinho assumirá seleção masculina da França

Dois bares lacrados após reincidência no descumprimento de medidas sanitárias

Pandemia de covid-19 "está longe de terminar", diz chefe da OMS

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ

Desenvolvido por Agência Guppy