Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

CRAS Parque Ermitage contribui para histórias de recomeço

Unidade Volante foi criada para otimizar os serviços de assistência social e cadastramento para benefícios às famílias vítimas da Tragédia de 2011

No dia 16 de maio de 2018, a Prefeitura de Teresópolis, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (hoje Assistência Social e Direitos Humanos), lançou o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Volante no Parque Ermitage. Localizado na região central do bairro, construído para abrigar as famílias que perderam suas casas na tragédia das chuvas de 2011 em Teresópolis, com cerca de seis mil moradores, o CRAS Volante ocupa metade do imóvel onde também funciona a Unidade de Estratégia Saúde da Família Parque Ermitage, da Secretaria Municipal de Saúde, e tem como objetivo otimizar os serviços oferecidos por um CRAS aos moradores do conjunto habitacional.
O Centro de Referência de Assistência Social Volante Ermitage – que atende de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h – é integrado ao CRAS Fischer e coordenado pela assistente social Daniela Moura (que também coordena o equipamento do Fischer). Além de Daniela, são mais duas assistentes sociais, Leda Bione e Lívia Fermiane. Há também uma coordenadora do Cadastro Único do Governo Federal, uma recepcionista e uma jovem do Novo Promaj. A implantação do CRAS no bairro atende às mais de 1.600 famílias residentes no local, que não precisam mais se deslocar para fazer cadastramento de Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada, entre outros atendimentos.
Além do atendimento social padrão desses equipamentos e do cadastramento e atualização do CadÚnico para o Bolsa Família, o CRAS Volante oferece oficinas e ações de música e contação de histórias com o Professor Vítor Collins e a pedagoga Márcia Bastos Fernandes; customização e bazar solidário com a professora de artes Silvana do Vale; e massoterapia (às terças-feiras, alternadas com o CRAS Fischer) com Joice Moraes.

O CRAS Volante ocupa metade do imóvel onde também funciona a Unidade de Estratégia Saúde da Família Parque Ermitage, da Secretaria Municipal de Saúde. Foto: AsComPMT

Atividades lúdicas com crianças
O CRAS Volante Ermitage começou, no final de agosto de 2023, uma parceria com o Centro Municipal de Educação Infantil José Maria Leitão Carneiro, da PMT, inaugurado em 3 de outubro de 2022 no Parque Ermitage, e que atende a cerca de 330 crianças, do berçário ao pré-escolar – sendo 22 destas crianças portadoras de necessidades especiais. A grande maioria são filhos de moradores do conjunto habitacional, com algumas crianças da vizinha Quinta Lebrão. Às terças-feiras, a pedagoga Márcia Bastos Fernandes conta histórias e organiza brincadeiras didáticas com a criançada. Já o Professor Vítor Collins, também da SMASDH, toca seu violão e ensina canções.

Dever do Estado, direito do Cidadão
A assistência social consolidou-se como política pública (dever do estado, direito do cidadão) com a Constituição Cidadã de 1988. De lá para cá, foi criado o Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e com ele a obrigatoriedade de criação dos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS) nos municípios, para atender e amparar a população de baixa renda e/ou em situação de vulnerabilidade social, com foco na família em todos os seus formatos (de sangue, afetivos ou de solidariedade). O atendimento das famílias no CRAS tem como principal objetivo fortalecer vínculos e garantir direitos assegurados por Lei, evitando que os cidadãos vivam em situação de pobreza e desamparo.
O principal programa da Assistência Social no Brasil é o PAIF: Programa de Atenção Integral à Família. Os serviços desenvolvidos ou oferecidos no CRAS, além do PAIF, são: Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV); Cadastro e recadastro do Programa Bolsa Família; Benefício de Prestação Continuada (BPC); Oficinas de Inclusão Produtiva; Auxílio Funeral; Solicitação de Cesta Emergencial; Auxílio Natalidade; Isenção de segunda via do RG (Identidade); Passe Livre Interestadual para Idosos. Os CRAS de Teresópolis também oferecem cursos de capacitação profissional em parceria com entidades públicas e privadas, oficinas de artesanato, maquiagem, música, orientação fisioterápica e médica, etc.

Tags

Compartilhe:

Edição 13/07/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Teresópolis caminha para ser um dos maiores produtores de vinho do Sudeste

Há 75 anos uma teresopolitana pisava no Dedo de Deus pela primeira vez

“Cantinho das Cerejeiras” faz sucesso em Teresópolis

Mesmo quem já pagou o IPVA deste ano terá de quitar as duas taxas do CRLV-e

Rio: Polícia prende 6 suspeitos de fraudar agências bancárias

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE