Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Empresas de Petrópolis afetadas pela tragédia de 2022 têm mais um ano para pagar empréstimos à AgeRio

Mais de 3.300 empresas de Petrópolis atingidas pelas fortes chuvas de 2022 serão beneficiadas

As empresas de Petrópolis atingidas pelas fortes chuvas de 2022 terão mais 12 meses para pagar parcelas de empréstimos junto à Agência de Fomentos do Estado do Rio de Janeiro – AgeRio. A nova ampliação do prazo, assinada pelo governador Cláudio Castro, foi publicada no Diário Oficial do Estado, na quinta-feira (25/04). Esta é a segunda vez que o estado amplia o prazo para início do pagamento dos empréstimos à AgeRio. A primeira ampliação entrou em vigor em abril do ano passado com base no Projeto de Lei (272/2023), de autoria do então deputado, Bernardo Rossi – hoje secretário de Estado do Ambiente e Sustentabilidade. A Lei beneficia mais de 3.300 empresas que receberam apoio do Estado após os temporais que assolaram o município de Petrópolis.

  • Nós sabemos a dificuldade gerada pela pandemia, logo em seguida aconteceu aquela grande tragédia que prejudicou os comerciantes de Petrópolis. O Bernardo na época, já meu subsecretário, lutou muito para que nós concedêssemos os empréstimos da AgeRio e depois pela prorrogação, mas ainda hoje a gente sabe que os empresários enfrentam muitas dificuldades pra pagar, então publicamos no DO a prorrogação por mais um ano pra que os empresários possam começar a fazer os pagamentos. Importante lembrar que não existe incidência de juros – destaca o governador Cláudio Castro.

Bernardo Rossi agradece a extensão do auxílio concedido.

  • O governo do Estado está hoje subsidiando esses juros, ou seja, pagando esses juros para que as empresas possam se recuperar. Sabemos que a cidade ainda vive um momento de recuperação econômica. Este fôlego é importante para que os empresários e empreendedores de Petrópolis mantenham os empregos e para que a economia da cidade volte girar – destaca Bernardo Rossi.

Ao todo foram R$ 207 milhões investidos, em auxilio a 3.300 empresas responsáveis por cerca de 15 mil empregos diretos na cidade.

Entre os beneficiados estão padarias, restaurantes, lanchonetes, lojas de vestuário, concessionárias, auto peças, óticas, empresas de produtos hospitalares, confecções, metalúrgicas, cervejarias, indústrias têxteis, escritórios de contabilidade, pousadas, ou seja, empresas dos mais diversos segmentos, que juntas, empregam milhares de petropolitanos.

  • Nosso principal objetivo desde o princípio foi manter os 15 mil empregos que estas empresas geram na cidade. Sabemos que a economia de Petrópolis se recupera lentamente e por isso foi necessário termos uma medida concreta para evitar demissões. São pessoas que em sua maioria são as responsáveis pelo sustento das suas famílias e que não poderiam perder seu trabalho – assinala Bernardo Rossi.

O Programa Reconstruir Petrópolis, do Governo do Estado, direcionou mais de R$ 207 milhões para alavancar a retomada econômica de Petrópolis. Com a nova lei sancionada, ficam automaticamente ampliados os prazos de carência dos financiamentos concedidos com base na Lei 9.564, de 17 de fevereiro de 2022. A proposta de nova ampliação do prazo foi apresentada em projeto de Lei assinado pelos deputados Chico Machado e Yuri Moura. A medida é válida, independente da data de assinatura dos contratos de financiamento.

O texto estabelece ampliação nos prazos de carência dos financiamentos concedidos com base na Lei 9.564 pelo período de 12 meses, a contar de 15 de abril de 2024, independente da data de assinatura do contrato de financiamento. E prevê ainda que caso o empresário decida não alterar os prazos originais de seus contratos de financiamento, basta que o mesmo formalize sua vontade junto à AgeRio.

Um levantamento feito pela Firjan junto aos empresários de Petrópolis após a tragédia apontou um prejuízo estimado em R$ 665 milhões à economia da cidade em consequência dos temporais.

Tags

Compartilhe:

Edição 28/05/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Bancos não terão atendimento presencial ao público nesta quinta-feira

Dia do Desafio: Sesc Teresópolis promove atividades gratuitas

Moradores de Albuquerque continuam convivendo com lamaçal

Ladrão de residência tenta fugir da PM pulando em rio

Homem é preso por grave agressão à mulher na Várzea

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE