Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Feira Orgânica de Teresópolis mudará para sede temporária até o fim de setembro

Produtores passarão a ocupar espaço anexo à pista de skate na Praça de Esportes Radicais, na Várzea

Estão em fase final as obras da nova sede temporária da Feira Orgânica de Teresópolis. A previsão é de que, até o final de setembro, os expositores se mudem para o espaço anexo à pista de skate da Praça de Esportes Radicais, na Várzea, onde passará a funcionar. A notícia foi confirmada pelo Prefeito Vinicius Claussen e o secretário de Obras Públicas, Ricardo Pereira Jr., nesta quinta-feira, 18, em reunião com a liderança da Associação Agroecológica, formada pelos produtores Ester Farinha, Tamine Elmor, Roberto Selig e Gilson Lima. Também participaram os vereadores Paulinho Nogueira e Marcos Rangel e a subsecretária de Obras, Tamyres Souto. “A Feira Agroecológica é um patrimônio de Teresópolis. Estamos cuidando com muito carinho do projeto da feira temporária para abrigar com conforto os expositores e visitantes. Sabemos que toda mudança incomoda no início, mas estamos confiantes de que a integração com a Praça vai ser um indutor de movimento para a atividade, que vai continuar na mesma região central. Estamos preparando um Mercado Municipal com toda estrutura para recebê-los em breve, assim como outras iniciativas, e os produtores e expositores podem ficar certos de que participarão da construção desse espaço”, assegurou o Prefeito Vinicius Claussen.


Mantida pela Associação Agroecológica de Teresópolis e reunindo em torno de 60 agricultores familiares, a Feira Orgânica de Teresópolis recebeu notificação judicial para sair da área onde funciona atualmente, em trecho do terreno da antiga fábrica Sudamtex, perto da Rodoviária. O espaço já foi desocupado pela Secretaria Municipal de Serviços Públicos, que mantinha sede administrativa no local. A liberação da área está prevista em acordo judicial. Para Beto Selig, foi uma reunião produtiva. “Esperamos que as ações aconteçam para podermos dar seguimento ao nosso trabalho de produção de alimentos seguros, com sustentabilidade ambiental”, comentou.
Na sede temporária, a feira funcionará quartas e sábados, das 8h às 13h, mesmos dias e horários do atual espaço que abriga a associação há 15 anos, na Rua Tenente Luiz Meirelles, ao lado da Rodoviária. O equipamento permanecerá na Praça de Esportes Radicais até a conclusão da construção do Mercado Municipal, que será erguido em parte do terreno do Município, no Centro, que pertenceu à antiga fábrica Sudamtex, e que também vai abrigar outras iniciativas desta natureza. “As famílias que vivem da Feira Agroecológica dependem desse espaço para trabalhar. A feira acontecer temporariamente na Praça de Esportes Radicais foi uma forma de garantir agilidade e segurança para que não tenham prejuízo. E os atletas não serão prejudicados. Tudo está sendo acompanhado para que funcione em harmonia e parceria, sem prejudicar nenhum dos lados”, avaliou o Vereador Paulinho Nogueira.

Obras
A Secretaria de Obras Públicas está construindo estrutura adequada para oferecer conforto e acolher bem os expositores, artistas e consumidores da Feira Agroecológica. Com as tendas já instaladas, terá início na próxima segunda-feira, 22, a reforma dos banheiros sob as rampas de skate e das salas que serão utilizadas como depósito de apoio à feira. “A Feira Agroecológica será temporariamente implantada junto à Praça de Esportes Radicais, potencializando o fluxo urbano e aliando atividade física e alimentação saudável. Humanizar o local durante o período de uso compartilhado é um passo importante para a revitalização desse espaço público”, destacou o secretário de Obras, Ricardo Pereira.


Edição 22/02/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Governo do Estado atua nas cidades afetadas pelas chuvas

LADRÕES DE RESIDÊNCIAS: Troca de tiros e quadrilha presa na Barra do Imbuí

Moradores denunciam possível foco do mosquito em casa abandonada

ÔNIBUS: Rodoviários de Teresópolis podem parar no próximo fim de semana

SindPMT vai debater contratação de 475 trabalhadores “por fora” para a Educação

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE