Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Festa Literária em Teresópolis até domingo no Ginásio Pedrão

Depois do sucesso de público durante a semana, Lê Terê será voltada aos adultos no fim de semana

Wanderley Peres

Voltada para os alunos da rede municipal, a Lê Terê recebeu milhares de crianças durante a semana, proporcionando a elas um passeio pelo universo lúdico da literatura e da Cultura, com histórias, fantasia e emoção. Depois do sucesso de público infanto-juvenil, neste sábado e domingo, 20 e 21, a festa literária estará aberta das 9h às 17h para o público em geral, sendo aguardado no ginásio Pedrão familiares dos estudantes que contaram suas experiências e pessoas ligadas à arte da literatura, com eventos de lançamentos e saraus culturais.

A feira conta com diversos estandes, onde o público é convidado a experimentar de aventuras, romances, mistérios e sonhos. A história de Teresópolis também é lembrada com um espaço dedicado à imperatriz Teresa Cristina, representada pela atriz Estefane Lucas, além do engenheiro e amigo da família imperial, André Rebouças, representado pelo subsecretário de Turismo, Henrique Silva. A estrutura da festa conta com dois palcos, um na área interna e outro no espaço externo do Ginásio Pedrão. Entre as atrações, Show da Tina, Turma do Frederico (teatro de bonecos), o Teatro Mágico do Le Peppe, Irmãos Kyoskys, e apresentações especiais dos artistas Edinar Corradini e Rubinho do Vale. A presença de personagens da Literatura infantil, como a Turma do Sítio do Picapau Amarelo, Branca de Neve, Chapeuzinho Vermelho e A Bela e a Fera completam o clima lúdico do evento. “Esse movimento é fundamental para o enriquecimento cultural dos alunos e para a gente preparar as novas gerações de artistas, escritores. É importante eles terem esse contato com a Literatura porque o principal instrumento para o conhecimento é a leitura”, frisou Álan Magalhães. A escritora Ana Maria Andrade também integra a feira e compartilha sua trajetória com os visitantes da festa literária.

Renomada autora de livros infanto-juvenil, Andrea Taubman vem compartilhando como o público as suas experiências literárias, apresentando seus livros de sucesso. “O autor tem poucas oportunidades de encontrar com seus leitores e ter esse contato com as crianças humaniza a leitura. É um momento mágico. As festas literárias são fundamentais para a formação leitora da criança”, disse. Presidente da Academia Teresopolitana de Letras, Cláudia Coelho observou que é preciso valorizar os nossos talentos e incentivar os alunos à leitura, daí a importância da Lê Terê. “Está sendo uma ótima oportunidade para o público de todas as idades, quando ao longo da semana, os acadêmicos interagiram com os alunos no estande da ATL. Crianças e adultos puderam conhecer os livros produzidos pelos autores locais, por isso a ATL está presente na Lê Terê, que neste sábado, 21, às 15h, faz sarau cultural com tarde de autógrafos e outras atrações culturais.

O DIÁRIO esteve na “Lê Terê” e conversou com pessoas envolvidas no projeto educacional, entre elas a diretora de orientação pedagógica Cristiane Corradini, que destacou o ambiente criado do Pedrão para as crianças. “A gente procurou criar um ambiente para as crianças que fosse propício para esse incentivo à literatura, às novas descobertas e a esse mundo fantástico que é essa descoberta da leitura, a cada dia, desde pequeno. A gente está recebendo aqui um público a partir de quatro anos de idade, todos os nossos estandes foram planejados para abranger essa faixa etária, então a gente tem de quatro a 14 anos, toda uma organização especial com o olhar voltado para eles”, destaca Cristiane, que convidou os adultos para a programação do fim de semana. “A gente não podia deixar o papai, a mamãe, a vovó e todos os teresopolitanos de fora disso, então no sábado e no domingo nós estaremos recebendo o público em geral e todos estão convidados e serão muito bem-vindos ao nosso espaço de encantamento e tenho certeza de que todos vão gostar”.

R$ 100 EM LIVROS

Os alunos da rede pública municipal receberam da prefeitura um cartão com crédito exclusivo para ser utilizado na “Lê Terê”. “A Secretaria Municipal de Educação disponibilizou para cada criança um voucher no valor de R$ 100, então as crianças podem vir aqui para exercer sua cidadania, utilizar cartão, senha, comprar os livros, os títulos que são de seu interesse. Nós temos aqui quatro editoras participando desse movimento, elas passaram por um processo de seleção e prepararam muita coisa bacana para os nossos alunos”.

Tags

Compartilhe:

Edição 22/02/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Moradores denunciam possível foco do mosquito em casa abandonada

ÔNIBUS: Rodoviários de Teresópolis podem parar no próximo fim de semana

SindPMT vai debater contratação de 475 trabalhadores “por fora” para a Educação

Oncoginecologista do Hospital São José atenta para perigos do câncer feminino

Caixa lança edital de concurso com 3,2 mil vagas para técnicos

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE