Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Morreu o Ás do Pincel

A coluna Obituário informa hoje o falecimento de Maurício da Costa Teixeira, de 70 anos, e morador do bairro Vila Muqui. Poucos conhecem o nome que aparece na relação, onde estão também listados os falecidos recentes Gentil Ludovino, 77; Alice da Silva Almeida, 73; Samuel Carvalho de Azevedo, 56; Gilberto José Pinto; Geraldo Motta da Cunha, 75; Humberto Antunes de Rezende, 64; Patrocínio Gaspar, 79; Jorge Edir Sines de Oliveira, 52; Eduardo Pereira Barbosa, 37; Gentil Lourenço da Cruz, 70; Yuri Berlim Monteiro, 21; e Laurete Rosa de Rezende, de 82 anos. Trata-se o nome em questão de um grande artista, o ?Ás do Pincel?, que ao longo de toda a cidade deixava a sua assinatura em letreiros simples ou rebuscados, arte pintada nos muros, portas de aço, e placas. Onde tinha letra para abrir, lá estava o Az do Pincel apresentando-se ao ganha pão, e deixando a sua marca. Sei que o dono do pouco sabido nome tinha 70 anos de idade, e que morava na Vila Muqui. Não tenho ciência da sua família, dos amigos, ou seus gostos, só da arte que bem o define, e da simplicidade que era a marca do renomado artista anônimo.

"Não estão dando destaque ao apartamento do Geddel como deram ao meu triplex."

MORREU O ÁS DO PINCEL
A coluna Obituário informa hoje o falecimento de Maurício da Costa Teixeira, de 70 anos, e morador do bairro Vila Muqui.
Poucos conhecem o nome que aparece na relação, onde estão também listados os falecidos recentes Gentil Ludovino, 77; Alice da Silva Almeida, 73; Samuel Carvalho de Azevedo, 56; Gilberto José Pinto; Geraldo Motta da Cunha, 75; Humberto Antunes de Rezende, 64; Patrocínio Gaspar, 79; Jorge Edir Sines de Oliveira, 52; Eduardo Pereira Barbosa, 37; Gentil Lourenço da Cruz, 70; Yuri Berlim Monteiro, 21; e Laurete Rosa de Rezende, de 82 anos. 
Trata-se o nome em questão de um grande artista, o “Az do Pincel”, que ao longo de toda a cidade deixava a sua assinatura em letreiros simples ou rebuscados, arte pintada nos muros, portas de aço, e placas. Onde tinha letra para abrir, lá estava o Ás do Pincel apresentando-se ao ganha pão, e deixando a sua marca.
Sei que o dono do pouco sabido nome tinha 70 anos de idade, e que morava na Vila Muqui. Não tenho ciência da sua família, dos amigos, ou seus gostos, só da arte que bem o define, e da simplicidade que era a marca do renomado artista anônimo.

A HONORABILIDADE DO STF
A ministra presidente Carmen Lúcia está preocupada com a dignidade e honorabilidade do Supremo Tribunal Federal.
Excelência, não tenha preocupações vãs. Esse STF onde a digna juíza é um corpo estranho, não merece a sua aflição.

VOU FALAR UM NEGÓCIO PRA TU
O combativo vereador Milton Cesar Daponte disse na câmara essa semana que está recebendo ameaças, e fez questão de deixar um recado ao prefeito Tricano, dando entender não sei o quê bem que ele quis dizer.
Pessoa insuspeita, não liguei uma coisa à outra…

PERDIDO
Em seu perfil nas redes sociais, o ex-presidente Lula fez questão de dar entender que o seu ex-ministro Palocci não merece crédito porque é um condenado pela justiça.
E ele é o quê?

ACHADO
Em palestra para um grupo de professores em Serra Negra, SP, Lula reclamou que a imprensa não está dando o mesmo destaque ao apartamento do Gedel como deu ao seu triplex.
Ué, não era da OAS?

Tags

Compartilhe:

Edição 20/06/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Montanhista é atropelado na rodovia Rio-Teresópolis

“CADÊ O DINHEIRO DO ROTATIVO?”: Gratuidade da passagem de idosos entre 60 e 64 anos pode ser suspensa em Teresópolis

Mulher grávida participa de assalto em Vieira

Delino Tomé corre mais de 900 quilômetros em 14 dias seguidos

Cantor Chrystian morre em São Paulo, aos 67 anos

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE