Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Obras no Corte da Barra vão demorar mais do que o previsto

Serviço realizado pela Enel foi paralisado para mudança do projeto da rede elétrica

Ainda não dá para precisar quando o teresopolitano terá totalmente liberado o trecho da rodovia Presidente Roosevelt conhecido como “Corte da Barra”, parcialmente interditado há meses. Isso porquê um serviço da Enel que já deveria ter sido concluído teve que ser paralisado e novo projeto terá que ser apresentado ao Departamento Nacional de Infraestrutura Terrestre. Segundo o DNIT, o serviço de retirada da fiação elétrica dos postes na área não estava segundo o que é permitido para a área, a instalação subterrânea. A concessionária de energia elétrica chegou a iniciar a construção de uma espécie de canaleta, em cima do a passagem de pedestres, o que deixaria o espaço ainda mais limitado para os caminhantes, e tal serviço foi paralisado. Ainda de acordo com o DNIT, a Enel deve apresentar novo projeto até esta quarta-feira, 14.
Quando toda a rede for removida, a empresa contratada pelo governo federal poderá realizar a obra de contenção de encostas na pista sentido Barra do Imbuí. Além disso, está sendo aguarda a finalização de todo o serviço para a recuperação da camada asfáltica do trecho, atualmente com grande número de crateras. Até lá, a orientação é que o motorista fique atento aos enormes buracos e possibilidades de intervenções e direcionamento do trânsito para o bairro de Paineiras, o que pode deixar o fluxo mais lento.

Edição 17/04/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Feriado de São Jorge: veja como ficam as repartições e atrativos turísticos

Barra: 60 dias de trânsito lento na Rua Dr. Oliveira

Teresópolis recebeu etapa do Circuito Carioca Master de Vôlei de Praia

Quatro fontes com água imprópria para consumo em Teresópolis

Moradores da Rui Barbosa denunciam calçada em situação irregular

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE