Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Operação na Cidade de Deus deixa um morto e mais de 3 mil alunos sem aula

Uma pessoa morreu e quatro foram baleadas na manhã de hoje (10) durante uma operação do Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (Bope) na Cidade de Deus, zona oeste do Rio. Uma moradora do bairro ficou ferida durante a operação. A Polícia Militar informou que o morto e os quatro baleados são suspeitos de tráfico de drogas e foram encaminhados para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca. Elydia Roberta de Ramos, de 82 anos, foi atingida na perna por uma bala perdida e encaminhada para o mesmo hospital.

Uma pessoa morreu e quatro foram baleadas na manhã de hoje (10) durante uma operação do Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (Bope) na Cidade de Deus, zona oeste do Rio. Uma moradora do bairro ficou ferida durante a operação.
A Polícia Militar informou que o morto e os quatro baleados são suspeitos de tráfico de drogas e foram encaminhados para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca. Elydia Roberta de Ramos, de 82 anos, foi atingida na perna por uma bala perdida e encaminhada para o mesmo hospital.
Por medida de segurança, nove escolas, duas creches e três Espaços de Desenvolvimento Infantil ficaram fechados hoje, deixando 3.314 crianças da rede pública municipal de educação sem aula.
A Polícia Militar está na entrada da Estrada Marechal Miguel Salazar Mendes de Morais e também na Avenida Edgar Werneck, principais acessos à Cidade de Deus. Quem entra ou sai da comunidade é revistado.
A operação não tem hora para terminar. O reforço no policiamento tem a finalidade de evitar atos de protestos nas duas principais ruas do bairro.

* Douglas Corrêa – Repórter da Agência Brasil – Edição: Denise Griesinger

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Edição 02/07/2022
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Notícias falsas nas eleições de 2020 preocupam especialistas

Policial de férias prende acusado de tráfico na entrada da cidade

Magalu vai abrir loja em Teresópolis e inicia processo de contratação

Veículo abandonado em via pública é incendiado

Câmara aprova representação contra o prefeito de Teresópolis