Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

PM apreende nove quilos de maconha e cinco de cocaína em Teresópolis

Em duas operações, 30º BPM deu grande prejuízo para traficantes que insistem em ações no bairro do Rosário

Na semana passada, durante três dias seguidos a Polícia Militar realizou prisões e apreensões de drogas no Rosário. No fim de semana, a situação se repetiu e, na segunda-feira, mais duas operações foram realizadas para combater o tráfico no mesmo bairro – uma das divisões do populoso São Pedro que, em conjunto com Perpétuo e Pimentel, tem sido o principal ponto de atuação de traficantes em Teresópolis. Facções criminosas do Rio de Janeiro tem tentado, em vão, “fortalecer o movimento” no município. Mas, na mesma intensidade que enviam novas cargas de drogas, as forças de segurança têm dado resposta efetiva para evitar a ampliação desse grave crime, que pode desencadear diversos outros.
As duas incursões do 30º BPM ocorreram na Rua da Mata. A primeira, por volta das 15h. Equipes dos setores PATAMO I e II e Polícia Reservada (P2) receberam informações sobre um local onde haveria uma carga de material entorpecente escondida, pronta para ser comercializada. As buscas renderam a apreensão de 200 tiras de Cannabis sativa, popularmente conhecida como maconha, e 120 de cocaína. Quando a ocorrência era registrada na 110ª DP, os militares receberam mais informações sobre outro local, na mesma rua, onde haveria mais droga escondida. Na segunda ação, o volume encontrado foi ainda maior: 1.440 pinos de cocaína e 70 tabletes de maconha, além de 70 isqueiros e 70 “sedas” para fumar maconha. Dessa vez, ninguém foi preso.

Crimes contínuos
Importante frisar que o uso e tráfico de drogas podem gerar diversos outros crimes, como furtos, roubos e assassinatos. Esta semana, uma mulher foi vítima de homicídio em Teresópolis e, segundo a polícia, os acusados seriam viciados em crack e teriam tirado a vida da moradora da Cascata dos Amores para praticar roubo e conseguir dinheiro para manter o vício. Além disso, nos últimos anos foram registrados diversos casos de homicídios por disputa por pontos de venda de drogas em Teresópolis. Informações que possam contribuir com o trabalho de investigação e prevenção podem ser passadas para os telefones 190 e 2742-7755. Não é necessário se identificar.

Facções criminosas do Rio de Janeiro tem tentado, em vão, “fortalecer o movimento” de venda de drogas no município

Compartilhe:

Edição 18/04/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Homem é preso com quatro armas e munições em Teresópolis

Governador Cláudio Castro nomeia novo secretário de Polícia Militar

Agendamento online para passaportes está indisponível temporariamente

Polícia Civil conclui inquérito e indicia por tráfico mulher que deu balas com droga para camareira de hotel em Teresópolis

Prefeitura de Teresópolis confirma data do leilão de veículos apreendidos

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE