Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

PM deu “prejuízo” de mais de R$ 200 mil para o tráfico de drogas em Teresópolis

Grande carga de cocaína e crack seria distribuída entre Rosário, Pimentel e Perpétuo

Nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira, 17, equipes dos setores PATAMO e Polícia Reservada (P2), com apoio de colegas que estavam de folga, conseguiram evitar que uma grande carga de cocaína e craque fosse entregue e distribuída novamente no chamado complexo “PPR”, como vem sendo chamado pela bandidagem o conjunto envolvendo Pimentel, Perpétuo e Rosário, na parte alta do populoso Bairro de São Pedro. Apurando denúncias anônimas passadas ao quartel do 30º BPM, os militares prenderam dois homens e deram aproximadamente R$ 200 mil de “prejuízo” para o tráfico de drogas.
Um homem de 36 anos, que conduzia um GM Ônix de cor vermelha, foi parado em operação montada na Avenida Rotariana, no Soberbo. No interior do veículo havia 16.400 pinos de cocaína, totalizando 16,5 quilos, e 3.900 pedras de crack, em torno de quatro quilos desse entorpecente – considerado o “resto do resto” e altamente viciante, sendo responsável pelo desencadeamento de diversos outros delitos, como furtos, roubos e assaltos, ações realizadas por viciados que fazem de tudo para manter o consumo dessa droga. As embalagens de ambas as drogas tinham a sigla de uma facção criminosa do Rio de Janeiro e a informação “PPR”, confirmando que tal bando tem ligações com os traficantes de Teresópolis. Na abordagem, o condutor do veículo relatou que faria a entrega para um homem de 30 anos, morador do Rosário, quem lhe pagaria a quantia de R$ 1 mil pelo serviço. Com tal informação, os militares deram continuidade a ocorrência e conseguiram prender também essa pessoa. A dupla foi levada para a 110ª DP, onde ficou acautelada até transferência para unidade prisional da Polinter, no Rio de Janeiro.

No interior de um veículo havia 16.400 pinos de cocaína, totalizando 16,5 quilos, e 3.900 pedras de crack, em torno de quatro quilos desse entorpecente

Grande volume de drogas
Na rotina da redação de um jornal, algumas conclusões sobre a sociedade acabam se evidenciando quando juntamos dados de ocorrências que se repetem no nosso noticiário a estudos de instituições conceituadas. Desta forma, nesse semestre, juntando dados do ISP (Instituto de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro), às ocorrências que noticiamos neste período do ano, podemos concluir que continua aumentando a quantidade de novos usuários de drogas em Teresópolis, já que só há tráfico por que viciados compram os entorpecentes interceptados em operações policiais. Segundo o setor estatístico das forças de segurança, de janeiro a junho de 2022 foram registradas na 110ª DP 292 apreensões de entorpecentes. Se comparado ao mesmo período do ano passado, houve um acréscimo de 15,9%, quando as ações policiais geraram 252 registros deste crime no primeiro semestre.
A nova lei que difere o usuário do traficante, aprovada em 2012 pela Câmara dos Deputados, diz que quem portar quantidade de droga equivalente a cinco dias de consumo será considerado usuário. Acima dessa quantidade, será enquadrado como traficante. Ainda observando a pesquisa do ISP sobre os registros de apreensões de drogas no município neste primeiro semestre, e distinguindo posse de drogas ao tráfico, encontramos um crescimento ainda maior de um ano para o outro. De janeiro a junho de 2022 foram 105 flagrantes de posse de drogas, contra 80 em igual período de 2021, crescimento de 31,3%. Já o tráfico de drogas sofreu 140 baixas no primeiro semestre de 2022, contra 115 dos seis primeiros meses de 2021, alta de 21,7%. As apreensões sem autor, quando nas operações policiais são encontradas as drogas, mas não se sabe quem é o “dono”, foram 61, mantendo-se no mesmo nível nestes dois últimos anos.

Edição 24/07/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Festival Sesc de Inverno terá shows com Mumuzinho e Paralamas do Sucesso

Onde estão os vereadores de Teresópolis?

Promoção de Férias no Parc Magique e Fazendinha do Le Canton no domingo (28)

Novos radares começam a funcionar na Rio-Teresópolis x Além Paraíba

Mesmo quem já pagou o IPVA deste ano terá de quitar as duas taxas do CRLV-e

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE