Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Polícia Civil trabalha na identificação de motoqueiro que atropelou mulher

Imagens de circuito de segurança mostram homem empinando moto antes de atingir a vítima

Marcello Medeiros

O Setor de Investigação da 110ª Delegacia de Polícia está trabalhando para identificar um motoqueiro que atropelou uma mulher nas primeiras horas da manhã do último sábado no bairro do Alto e fugindo logo em seguida. Imagens de um sistema de segurança o gravaram conduzindo aparentemente em velocidade elevada pela Rua Flávio Bortoluzzi de Souza e, nas proximidades da esquina com a Rua Mucuri, levantando a roda dianteira da motocicleta. Provavelmente porque estava empinando, quando voltou para a posição normal não percebeu que havia uma mulher atravessando a pista, a atingindo em cheio. A vítima ainda tenta desviar, mas devido a velocidade da motocicleta, não consegue evitar a colisão. As imagens também mostram que o homem chega a retornar, para próximo à vítima e, logo em seguida, foge e deixa para trás seu capacete. A mulher teve diversas escoriações pelo corpo e uma luxação no tornozelo, com imobilização.

Com a utilização dessa gravação, e de outras de residências próximas, a Polícia civil está trabalhando na identificação do motoqueiro que pode ser autuado por quatro situações. De acordo com o artigo 303 do Código de Trânsito Brasileiro, pela lesão corporal culposa na direção de veículo automotor, com previsão de detenção de seis meses a dois anos e suspensão ou proibição de se obter permissão ou habilitação. Percebe-se ainda o que está previsto no artigo 308 do CTB, exibir perícia em manobra em via pública, que pode render de seis meses a três anos de prisão, além de multa e suspensão ou proibição de obter a permissão ou habilitação para conduzir veículo automotor. Nesse caso, ainda cabe o artigo 132 do Código Penal brasileiro, que trata de colocar em risco a vida de terceiro, com pena de detenção de três meses a um ano; além do artigo 135 do CP, pela omissão de socorro à vítima de atropelamento causado por ele, que prevê de um a seis meses de detenção e multa. Denúncias que ajudem a na identificação podem ser feitas anonimamente pelo telefone da 110ª DP, no número (21) 98596-7436.

Imagens de circuito de segurança mostram motoqueiro seguindo pela Rua Flávio Bortoluzzi de Souza e, nas proximidades da esquina com a Rua Mucuri, levantando a roda dianteira da motocicleta. Provavelmente porque estava empinando, quando voltou para a posição normal não percebeu que havia uma mulher atravessando a pista, a atingindo em cheio

Jovem morreu
Essa não foi o primeiro acidente causado por motoqueiro empinando em via pública de Teresópolis. Em julho de 2022, uma adolescente de 15 anos foi atingida na rodovia BR-116, na Fonte Santa, por um adolescente que pilotava uma moto “fazendo grau” e não percebeu a jovem atravessando a pista. Meses depois, outro baderneiro flagrado em situação semelhante, fazendo graça em via pública, teve a moto apreendida em casa e foi autuado pelas infrações de trânsito.
Em caso que teve mais repercussão, um blogueiro que costumava utilizar redes sociais para gravar infrações de trânsito como conteúdo foi detido após quase causar um acidente gravíssimo na rodovia BR-116. Ele empinou a moto em cima do viaduto do Meudon e, por muito pouco, não foi atingido em cheio por um caminhão que seguia sentido Além-Paraíba e cujo motorista teve que fazer uma frenagem brusca para evitar a colisão. Ele teve duas motos apreendidas e foi autuado por cada infração ou crime que publicou em suas redes sociais, que foram desativadas pela Justiça.


Tags

Compartilhe:

Edição 22/02/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

LADRÕES DE RESIDÊNCIAS: Troca de tiros e quadrilha presa na Barra do Imbuí

Flávio Dino toma posse como ministro do Supremo Tribunal Federal

Bolsonaro não responde à PF em depoimento sobre golpe de Estado

Governo do Estado atua nas cidades afetadas pelas chuvas

Moradores denunciam possível foco do mosquito em casa abandonada

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE