Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Polícia Militar prende três foragidos da Justiça em Teresópolis

Um deles, um menor de idade acusado de participar de assassinato e ameaçar vizinhos com arma de fogo

Entre sábado, 07, e esta segunda-feira, dia 09, Policiais do 30º BPM, em Teresópolis, encaminharam para a 110ª Delegacia de Polícia três pessoas em dívida com a Justiça, mas que “andavam tranquilamente pelas ruas do município”. Um deles, um adolescente de 16 anos que tinha em seu desfavor ordem judicial após denúncias de que teria sido o autor de um assassinato no bairro da Vila Muqui em novembro do ano passado. Ele foi encontrado em residência na Rua Seis de Julho, na Quinta-Lebrão, no início da madrugada desta segunda. De acordo com informações da polícia, após o crime ele teria se escondido em uma favela em Duque de Caxias e, somente agora, retornado para Teresópolis. Equipe da Polícia Reservada (P2) recebeu a informação que ele havia retornado para o município e realizaram a incursão, logrando êxito em apreender o menor que, apesar da pouca idade, já tem passagens por diversos delitos, entre eles o citado homicídio e tráfico de drogas. O rapaz também foi denunciado ao telefone 190 algumas vezes acusado de ameaçar vizinhos e desafetos com arma de fogo, sendo apurada pelos militares uma foto dele ostentando uma arma de fogo. O jovem também teria confessado fazer parte de um bonde que tem ligação com facção criminosa do Rio de Janeiro, que teria como base o bairro da Quinta-Lebrão. Ele foi encaminhado para a 110 DP, onde ficou acautelado até ser transferido para unidade prisional destinada a menores infratores. A ocorrência foi acompanhada pelo Conselho Tutelar e registrada também pela Vara da Infância e Juventude.
No início da noite de domingo, a P2 prendeu outro acusado de envolvimento com o tráfico de drogas e que também tinha mandado de prisão em seu desfavor. Dessa vez, o flagrante ocorreu na Avenida Lúcio Meira, na Várzea, onde foi autuado um homem de 41 anos. A informação apurada pelos militares do Setor de Inteligência do 30º BPM é que o suposto líder do tráfico no chamado “Complexo PPR”, que engloba Perpétuo, Pimentel e Rosário. Após um período foragido do sistema, ele passaria por Teresópolis e seguiria para tentar abrigo em Nova Friburgo, “ficando pelo caminho”. Na delegacia, a polícia apurou que o homem ainda tem 13 anos da pena a cumprir. Foi autuado na DP local e depois transferido para presídio na zona norte do Rio de Janeiro.
A terceira ocorrência foi registrada na Alameda Nilo Tavares, no bairro da Fazendinha, para onde foi deslocada equipe do Setor Alfa, no final da noite do último sábado. Os militares foram acionados para apurar ocorrência de lesão corporal, sendo vítima um homem de 34 anos e o acusado de 39. No desenrolar da confusão, para onde em seguida foi deslocada também guarnição do Setor Bravo, os militares descobriram que o denunciado tinha mandado de prisão em seu desfavor por falta de pagamento de pensão alimentícia. Informações que possam contribuir com o trabalho da PM, para feito de prevenção ou elucidação de crimes, podem ser passadas pelos telefones 190 e 2742-7755. O último número também funciona como WhatsApp e não é necessário se identificar.

Edição 13/07/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

BR-116: 14 radares fixos começam a funcionar no dia 22

Enel flagra 239 “gatos de luz” em Teresópolis

Trilha na Pedra da Tartaruga sofre com a ação de vândalos

Mesmo quem já pagou o IPVA deste ano terá de quitar as duas taxas do CRLV-e

Delmo Ferreira novo presidente da ATL

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE