Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Segurança Presente previne crimes em Teresópolis

Luiz Bandeira

Recém-inaugurado, o projeto Segurança Presente é um modelo de policiamento de proximidade que veio complementar a atuação da Polícia Militar na cidade de Teresópolis. Com o objetivo de promover ações de segurança pública, cidadania e atendimento social, as operações visam um ambiente mais seguro e acolhedor aos moradores, comerciantes e turistas da região central da cidade. Esse é um projeto de segurança pública implantado pela primeira vez em 2014, na cidade do Rio de Janeiro para reforçar o policiamento na região da Lapa, reforçando o trabalho do 5º BPM. Logo se estendeu para outros bairros da capital do estado devido, sobretudo, aos resultados obtidos para a segurança das regiões atendidas. Outras cidades do estado já haviam experimentado bons resultados com a implantação do programa, que chegou a Teresópolis no final do mês de março e bastante elogiado pela população.

O patrulhamento é feito à pé, de motocicleta e em viaturas, diariamente das 08h às 20h


Na última quinta-feira, 21, A equipe do jornal O Diário e Diário TV esteve na Praça Olímpica Luiz de Camões, onde está baseado o grupo de agentes do 30º BPM que trabalham sob o Regime Adicional de Serviço (RAS) para o programa. Fomos recebidos pelo comandante do programa em Teresópolis, Major Rômulo, e o Subcomandante sargento Ferreira, que descreveram como é a atuação do programa no complemento do trabalho de segurança pública na cidade. “O Segurança Presente é um programa que foi desenvolvido pela Secretaria de Governo do estado do Rio de Janeiro como uma forma de dar suplementação à Polícia Militar, como se fosse um fortalecimento no policiamento. Ele tem como base um tripé que é o policial militar, um agente civil e um assistente social, estes estão para chegar ainda, nós estamos para receber dois agentes civis e o assistente social como também mais duas motos. A ideia é uma política de uma polícia de proximidade, se aproximar mais do cidadão, abordagem de proximidade, criar uma rede de apoio”, explica Major Rômulo, que revelou ainda que a área de atuação do programa é o centro da cidade, para, segundo ele, poder se aproximar dos comerciantes e da população na região que tem a maior circulação de pessoas.
As patrulhas estão sendo feitas em toda a Reta, ruas paralelas como na Delfim Moreira, Carmela Dutra e Heitor de Moura Estevão, além da Praça Olímpica e a Praça de Santa Tereza. “A ideia é de que com o tempo a gente possa ampliar um pouco. Como é o início, primeiro a gente está concentrando onde há uma maior circulação de pessoas. Nos finais de semana e feriados a gente estende lá na Feirinha por causa da concentração de turistas, onde a gente tem que dar atenção também”, resume o comandante do OSP.

Horário de trabalho
O horário das patrulhas é sempre das 08h às 20h todos os dias da semana. “É uma maneira de dar esse fôlego a Policia Militar, o 30º batalhão já fazia esse trabalho com maestria, então ele recebeu esse fôlego que é o nosso programa” acrescenta o Major, que destacou ainda a sensibilidade do governador para reforçar a segurança no interior do estado agraciando Teresópolis. “Ganhou o 30º BPM, ganhou Teresópolis, todos ganharam a verdade é essa”.
Na implantação do Segurança Presente, houve uma expectativa equivocada de parte da população de que o patrulhamento seria realizado à noite e em toda a cidade, mas nunca houve essa intenção já que nas 24 horas do dia o policiamento do 30º BPM atende o propósito de manter toda a cidade segura, como disse o Major Rômulo. “O projeto complementa o trabalho já realizado pela PM na cidade”.

Pontos observados
O Subcomandante da OPS, Sargento Ferreira, destacou os pontos mais sensíveis que precisam ser atendidos para a promoção da segurança na cidade. “A Praça Olímpica, a Praça de Santa Tereza, a rodoviária e ruas adjacentes. Então hoje nós já conseguimos conquistar de volta para as famílias a Praça Olímpica. Hoje já é um lugar que as pessoas de bem podem vir e deixar seus filhos brincarem a vontade, pois o Segurança Presente já conquistou essa praça. Você já não vê mais usuários de entorpecentes, você já não vê pequenos problemas do dia-a-dia do centro de Teresópolis, você já não vê mais por aqui. Estamos conquistando também a Praça de Santa Tereza e a rodoviária”, aponta o Sargento Ferreira.
O Subcomandante da OSP revela ainda que “a maioria das ocorrências são mais assistenciais, pessoas que passam mal, crianças que se machucam na Praça Olímpica e também usuários de entorpecentes, menores usando bebida alcoólica, usando entorpecente, agressões, são crimes de menor potencial ofensivo que a gente combate aqui no centro e conduz estas ocorrências para a 110ª DP”.

Programa aumenta sensação de segurança no centro da cidade, objetivo principal da fiscalização

Participação popular
Os agentes fizeram questão de convocar a população para que ajudem o programa a promover a segurança na cidade, denunciando qualquer ilícito, através dos canais já conhecidos, telefones 190, 2742-7755, 99817-7508 e através de uma parceria com o Sincomércio está sendo promovido um perfil no Instagram com o objetivo de divulgar as ações e receber demandas da população, o endereço é: instagram.com/euapoioteresopolispresente.

Intenção do projeto é promover um policiamento de aproximação com segurança pública, cidadania e assistência social

Fotos: Marcello Medeiros

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Edição 09/08/2022
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Notícias falsas nas eleições de 2020 preocupam especialistas

Policial de férias prende acusado de tráfico na entrada da cidade

Policial civil denunciado por lavagem de dinheiro é preso no Rio

Magalu vai abrir loja em Teresópolis e inicia processo de contratação

Petrópolis x Teresópolis, a travessia mais bonita do Brasil