Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Teresópolis realiza XV Conferência Municipal de Saúde

Evento debateu melhorias no SUS e homenageou profissionais que trabalharam durante a pandemia

Durante o último sábado, 25, representantes da saúde pública de Teresópolis e membros de entidades da sociedade civil participaram da XV Conferência Municipal de Saúde. Realizada no Centro de Atividades Comunitárias da Paróquia de Santa Teresa, o evento debateu propostas e ideias para aprimorar o Sistema Único de Saúde (SUS) do município. O encontro teve como tema “Em defesa da vida, da democracia e do SUS: os caminhos para a consolidação da saúde pública como política pública em Teresópolis”. O evento contou com participação do Presidente do Conselho Municipal de Saúde, Valdir Paulino; da Presidente da Comissão Organizadora da XV Conferência Municipal de Teresópolis, Maria de Fátima Moreira da Silvia; da Secretária da Comissão Organizadora, Dra. Edneia Martuchelli. Também contou com presença da Secretária de Saúde, Dra. Clarissa Rippel; das subsecretárias de Atenção Básica à Saúde, Dra. Cláudia Miguel e Adriana Chaves; e da Atenção Integral à Saúde, Dra. Michelli Nogueira. Além de outros convidados, também prestigiou a conferência o vereador Maurício Lopes, relator da Comissão de Saúde e Assistência Social da Câmara Municipal.
Ao longo do dia, grupos discutiram oito temas diferentes ligados à gestão do SUS no município e como este serviço pode ser melhorado e ampliado para benefício da população de Teresópolis. “O papel da conferência para nossa cidade é de uma importância fundamental porque é dela que sai propostas que buscam atender as demandas da população e dos gestores da saúde pública. Nosso trabalho é apoiar os integrantes para conseguirmos alcançar todos os objetivos”, disse a Secretária de Saúde, Dra. Clarissa Rippel.

O encontro teve como tema “Em defesa da vida, da democracia e do SUS: os caminhos para a consolidação da saúde pública como política pública em Teresópolis”

Propostas da Conferência
De acordo com o Conselho Municipal de Saúde, os assuntos debatidos durante a conferência devem compor um relatório final em até 30 dias após a realização do evento. Este documento será em caminhado aos gestores local e estadual de saúde, bem como ao Conselho Estadual de Saúde, participantes delegados e também à Câmara Municipal de Vereadores. “A conferência possui caráter deliberativo, o que ela define tem extrema relevância pública e deve ser considerado pelos gestores das políticas e pela sociedade”, explicou o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Valdir Paulino.

Homenagem às vítimas
A XV Conferência Municipal de Saúde foi a primeira ocorrida desde o começo da pandemia de Covid-19 e a ocasião serviu como uma homenagem aos membros do grupo que faleceram devido à doença.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Edição 18/08/2022
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Notícias falsas nas eleições de 2020 preocupam especialistas

Policial de férias prende acusado de tráfico na entrada da cidade

Policial civil denunciado por lavagem de dinheiro é preso no Rio

Magalu vai abrir loja em Teresópolis e inicia processo de contratação

Petrópolis x Teresópolis, a travessia mais bonita do Brasil