Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Teresópolis: “Volumes de chuva não justificam temor de cheia dos rios”

Temperatura pode sofrer queda brusca para até cinco graus nos próximos dias

Luiz Bandeira
Frente fria traz mudanças no tempo no país com queda brusca da temperatura em Teresópolis assim com em toda a Região Serrana. A Defesa Civil Emitiu um alerta informando que as temperaturas mínimas podem cair e chegar aos cinco graus até a próxima quarta-feira. Para entender melhor esse sistema climático e as ações adotas para minimizar possíveis transtornos e riscos a população, a equipe no jornal O Diário e Diário TV, foi até a sede da Defesa Civil municipal, no soberbo, para conversar com o secretário, coronel Albert Andrade como está sendo monitorada essa frente fria. Atento às imagens via satélite em tempo real das condições climáticas, o coronel Albert disse que sua equipe já está a postos para qualquer eventualidade, “Nós recebemos os alertas do sistema nacional, informando sobre a chegada dessa frente fria, a partir deste dia 29 e ela vai se alongar até o dia 31. Nós temos a previsão para hoje e amanhã de temperatura mínima variando em torno de 7 a 9 graus e entre terça e quarta a temperatura vai baixar mais ficando entre 5 e 7 graus. Então é importante que as pessoas, principalmente aquelas em situação de rua, o que traz uma preocupação adicional para a Secretaria de Desenvolvimento Social e que a gente faz um trabalho para acolher essa população”, além da preocupação com a população mais vulnerável coronel Albert disse que há também um trabalho de monitoramento de cheia no Rio Paquequer, “A previsão de chuva vai ficar de fraca a moderada, é isso que nós estamos visualizando para os próximos dias, recebemos também um alerta de cheia, por parte do INEA, por conta disso, nós colocamos as nossas equipes para monitorar os principais pontos do Rio Paquequer, que apresentam risco de alagamento, postamos inclusive nas nossas redes sociais informações para que a população ficasse tranquila, nós não tivemos qualquer tipo de problema, nem índices de chuva que justificasse o temor”, ameniza o secretário de Defesa Civil.

Termômetro no Soberbo marcando 7º. Temperaturas ainda vão ficar mais baixas

Rajadas de vento podem provocar quedas de árvores e galhos sobre residências e rede elétrica, o secretário pede que a população informe através do 199, qualquer alteração que ofereça risco, “Outra preocupação que nós temos em relação à chegada da frente fria é com relação aos ventos, tem previsão de ventos de moderados à fortes, nos primeiros dias nós tivemos ventos um pouco mais fortes, mas como o solo estava seco ainda, não tivemos problemas de queda de árvores, mas é importante que a população fique atenta agora, pois como já está chovendo já há um dia e pouco, fiquem atentos à inclinação e qualquer alteração entre em contato com os telefones da Defesa Civil para que a equipe possa fazer uma avaliação do local.

Volume de água nos rios de Teresópolis nesta segunda-feira


Preparação para o verão já começou
O trabalho de treinamento e prevenção contra eventos climáticos extremos já começou como revela o coronel Albert, “Esse período de inverno é o período que a gente faz a nossa preparação para o verão. Então nós terminamos agora o ‘Proteger Teresópolis’ na comunidade do Rosário, estamos fazendo agora o Morro do Tiro, que é um levantamento que a gente realiza, com entrevistas dentro da comunidade. Terminado esse período de visitas às residências, nós fazemos a consolidação desses dados junto com a UNIFESO, que é o ente civil que nos apoia nessa base de dados, aí nós chamamos a população dessa comunidade, com base nesse levantamento e no mapeamento da comunidade, realizamos o treinamento do Núcleo de Proteção e Defesa Civil. E aí preparamos a comunidade pro período do verão. É sempre importante que nesse período de chuva mais intensa, nós fazemos sempre, no início do verão, em dezembro, o lançamento do ‘Plano Verão’, onde é apresentado o planejamento de como todas as agências envolvidas no sistema municipal de proteção e Defesa Civil vão atuar. No caso são todas as secretarias que fazem parte do plano, mas algumas atuam mais intensamente, caso da Defesa Civil, Saúde, Desenvolvimento Social, Segurança Pública, Serviço Público, as demais estão dando suporte. Nós também temos o apoio dos serviços externos, Defesa Civil estadual, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, ou seja, são secretarias estaduais que dão o suporte nesse período de verão, não só para Teresópolis, mas para todos os demais 92 municípios do estado”.

Coronel Albert em entrevista para Diário TV


A defesa Civil Municipal conta com um efetivo de aproximadamente 45 agentes, segundo o secretário, mesmo sendo suficiente, a intenção é melhorar o atendimento “Hoje nós temos duas equipes de pronto emprego atendendo através do 199, 24 horas, nos sete dias da semana, mas a nossa ideia é conseguir aumentar esse efetivo para que nós possamos fazer um atendimento ainda melhor à população. Hoje nós temos essa facilidade de ter duas equipes de pronto emprego, o que é muito bom, por que nós conseguimos atender duas localidades ao mesmo tempo”. Coronel Albert Andrade faz um apelo para que a população colabore com a Defesa Civil informado possíveis riscos através dos canais corretos, “Outra coisa que é importante para a população é pedir que ela faça o cadastro para receber os alertas através do 199. É só mandar um SMS para 40199 e informar o seu CEP, por que aí as pessoas vão estar com os seus celulares habilitados para receber as mensagens via SMS. Sempre importante fazer a solicitação de emergência através do 199 e as redes sociais da Defesa Civil Municipal e da prefeitura, onde estamos colocando disponível nas páginas, informações sobre as condições climáticas, para poder alertar a população por antecipação”, pontuou o Coronel Albert.

Edição 22/02/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Temporal mata cinco pessoas no estado do Rio

LADRÕES DE RESIDÊNCIAS: Troca de tiros e quadrilha presa na Barra do Imbuí

Flávio Dino toma posse como ministro do Supremo Tribunal Federal

Bolsonaro não responde à PF em depoimento sobre golpe de Estado

Governo do Estado atua nas cidades afetadas pelas chuvas

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE