ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Witzel visita Teresópolis e promete investir em turismo e infraestrutura

Data: 11/07/2019

Wilson Witzel foi um dos convidados do prefeito Vinicius Claussen para evento de prestação de contas do seu primeiro ano à frente do governo municipal

 

Nesta quarta-feira (10), Teresópolis recebeu a visita do governador do estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), um dos convidados do prefeito Vinicius Claussen para evento de prestação de contas do seu primeiro ano à frente do governo municipal. O encontro foi realizado no auditório do Sesc Alpina, no bairro do Golf, onde Witzel enfatizou a importância da aproximação com os gestores dos municípios para o desenvolvimento de todo o estado – principalmente no atual momento de crise financeira. Um dos pontos levantados pelo governador como de extrema importância para o crescimento foi o turismo, onde Teresópolis se encaixa perfeitamente e se destaca em relação a outras cidades por vários fatores, como a proximidade com a Capital, o clima, gastronomia e as belezas naturais e únicas protegidas por três unidades de conservação ambiental, uma federal, uma estadual e uma municipal. A construção da sede do Parque Estadual dos Três Picos, no Vale da Revolta, foi um dos motivos de comemoração do encontro, além de anunciados investimentos em outros locais e setores, como agricultura e infraestrutura.
“Esse melhoramento na agricultura vai contar com todo o apoio do governo estadual, queremos desenvolver o PIB agrícola, com nosso secretário Eduardo Lopes trabalhando muito nesse sentido. Temos que desenvolver a cultura do lúpulo e outros projetos. Estamos olhando para todos os municípios, fazendo essa integração entre eles para trocar experiências positivas e todos ganharem. É um orgulho ver a cidade renascendo para o turismo e mostrando o seu grande potencial. Teresópolis vai entrar em nosso programa de estado e será mostrado para o mundo, em pontos de grande visitação no exterior que estarão olhando para essas belas imagens, aumentando a visitação no estado do Rio e ainda mais a geração de emprego e renda”, pontuou Witzel. “O turismo é o novo petróleo do estado do Rio”, completou.
Na rápida e improvisada coletiva de imprensa, que teve direito a apenas duas perguntas, o governador falou ainda sobre investimentos estruturais como o recapeamento da RJ-130 e estradas vicinais do interior. “Vou divulgar essa semana ainda o cronograma de recuperação de estradas, além de estradas vicinais que estão sendo melhoradas com máquinas da secretaria de Agricultura. Nessa programação vai entrar a Terê-Fri inclusive com modernização da sinalização, com foco no turismo mostrando onde tem artesanato, onde tem cachoeira, pousada... Isso para esse ano ainda, com recursos do DER, serão R$ 300 milhões investidos em estrada do Rio de Janeiro”, enfatizou.
“Hoje estamos recebendo o governador com uma grande visão em relação a essa importância nos investimentos, no apoio para construir uma nova Teresópolis. Teremos obras de contenção de encostas, duplicação de pontes, tratamento de efluentes do Parque Ermitage, creche, inaugurar a nova sede do PETP, entre outros, com milhões em investimentos que permitirão mudar a cara de Teresópolis nessa parceria com o governo estadual”, disse o prefeito Vinicius Claussen no final do evento.


Na plateia, a grande maioria era de servidores públicos, muitos uniformizados representando a sua secretaria, ou de comissionados na gestão Claussen

Obras de contenção
O governo estadual, por meio da Secretaria de Infraestrutura e Obras (SEINFRA), assinou contratos com empresas vencedoras de licitações para complementação das obras de contenção e drenagem de encosta em Teresópolis e Nova Friburgo. As intervenções, que fazem parte das obras de recuperação da Região Serrana, somam investimentos em torno de R$ 15 milhões, recursos do Orçamento Geral da União, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional. Em Teresópolis serão investidos R$ 7,8 milhões para obras de contenção de encostas no Salaco. Para todas as obras, o prazo previsto de execução, após a liberação dos recursos pela União, é de 300 dias. - São investimentos para mitigar as históricas distorções do espalhamento urbano desordenado, que chegam a adentrar em áreas tecnicamente inapropriadas sob a ótica geomorfológica - explica Horácio Guimarães Delgado Júnior, secretário estadual de Infraestrutura e Obras.
O governo também anunciou o a retomada de outras obras de contenção de encostas. Uma delas tem investimento de R$ 2,2 milhões e é realizada nas localidades de Rosário e Pimentel. Nessas obras, o percentual de execução está em 50% e a previsão de entrega é no segundo semestre de 2019. Há ainda um projeto executivo de obras de contenção no Caleme no valor de R$ 53 mil. Outra intervenção, entre os bairros do Loteamento Féo e Espanhol, está em processo de tramitação para posterior licitação.

Grande atraso e problemas
Por conta da agenda de Witzel no Rio de Janeiro, o evento teve grande atraso. Previsto para ter início às 11h, só começou às 13h. E, mesmo com boa parte do público aguardando a solenidade por cerca de três horas, visto que muitos chegaram com uma hora de antecedência, a extensa programação foi seguida à risca. Na plateia, aliás, a grande maioria era de servidores públicos, muitos uniformizados representando a sua secretaria, ou de comissionados na gestão Claussen. Estiveram presentes ainda vereadores, entidades de classe e algumas poucas associações.
No início da apresentação de slides, o prefeito mostrou números de quando assumiu o governo, em 4 de julho de 2018: 78% do orçamento do ano comprometido, R$ 74 milhões em despesas não pagas por governos anteriores, dívidas com hospitais em torno de R$ 55 milhões, débito de cerca de R$ 3,4 milhões com a empresa merenda e R$ 179 milhões em precatórios, entre outros problemas. 
Buscas por soluções em questões como o aterro sanitário, que funciona por conta de liminar na Justiça, treinamento de pessoal, regularização da folha salarial e reajuste para servidores, informatização de serviços e investimentos na saúde também foram destacados por Vinicius. Um dos pontos que chamou atenção dos presentes, mesmo sendo a grande maioria de pessoas na folha de pagamento da prefeitura, foi sobre a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Foi informado que o tempo médio de espera do primeiro atendimento caiu de 2h30 para 40 minutos.

Mais promessa e mudanças
Entre as promessas de um futuro melhor para Teresópolis, projetos de um AgroParque, um condomínio agroindustrial localizado entre segundo e terceiro distritos para abrigar produtores, empresas de logística e processamento, e o EducaParque, um polo integrado de ensino superior e técnico na área da antiga Sudamtex reunindo a CEDERJ e modalidades de ensino à distância da UFRJ, UFF, UENF, UNIRIO e CEFET. Um novo campus para a Universidade Estadual do Rio de Janeiro também foi citado na apresentação.
Sobre a Sudamtex, aliás, futuramente pode acontecer outra grande mudança na última área livre na região central do município: além do projeto do EducaParque a ideia da gestão Claussen é uma nova sede para o governo municipal, a criação de um bairro que seria batizado de George March, em homenagem ao fundador do município, e a retomada do projeto do Parque Fluvial do Paquequer – idealizado no governo Jorge Mario, 10 anos atrás, mas que nunca saiu do papel. Na ocasião, também haveria apoio do governo estadual.
Em relação à mobilidade urbana, a previsão é que, em breve, aconteçam grande mudanças em Teresópolis. Privatização do estacionamento rotativo, com melhor organização do trânsito, e nova licitação para o transporte coletivo, foram pontuadas por Vinicius. No meio da solenidade, o prefeito prestou homenagem ao time de secretários e alguns subsecretários da gestão. 

 


Grupo de crianças que participa de projeto no Centro de Treinamento da CBF participou do encontro com o governador

Compartilhar:






ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Bolsonaro afirma que não vai propor fim da multa de 40% do FGTS

Índice de vacinação contra a gripe tem bom resultado

Casos de Depressão em Teresópolis aumentam e preocupam especialistas

Zeca Baleiro e Fernanda Abreu no Festival Sesc de Inverno

A maior descoberta das viagens à Lua foi a Terra

        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ