Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Bandidos abrem buraco em parede para furtar loja

Polícia apura ação criminosa em plena Várzea. Quem comprar celulares também pode ser preso

Os setores de Inteligência da Polícia Militar (P2) e de Investigações da Polícia Civil (110 DP) estão apurando caso de furto em uma de grande rede de telefonia celular na Calçada da Fama. Apesar da localização, em plena Várzea, arrombaram a porta de um estabelecimento vizinho e, em seguida abriram um grande buraco em uma das paredes para furtar aparelhos de telefone celular. Mesmo com o barulho provocado pelas marretadas, ampliado por conta do silêncio da madrugada, “ninguém ouviu nada”. O que chama atenção é que a via conta com segurança particular e esta não foi a primeira vez que fato do tipo aconteceu. Há poucos anos, utilizaram o mesmo método para invadir o estoque de uma sapataria, levando grande quantidade de produtos de marcas famosas.
A loja atacada pela bandidagem não abriu nesta segunda-feira, encaminhando atendimento para outra da mesma rede na Avenida Delfim Moreira. Até o fechamento desta edição não havia informações sobre o número de telefones retirados do estoque do estabelecimento. Importante frisar que tais aparelhos têm registros eletrônicos e, ao serem ativados, podem levar a polícia até os receptadores. Aliás, quem compra produtos de origem ilícita é o grande responsável por atos criminosos. Afinal, se o ladrão não tiver mercado para comercializar não terá motivo para se arriscar em um furto ou assalto, por exemplo.
Aqueles que insistem na prática, acreditando “estar se dando bem pagando mais barato do que na loja”, podem pegar até três anos de prisão pelo crime de receptação, Artigo 180 do Código Penal Brasileiro. Recentemente aconteceu assalto à mão armada em uma loja de grande rede na Avenida Delfim Moreira, sendo levados do estoque principalmente celulares e tablets e foi justamente quando alguns deles passaram a ser ativados que a Polícia Civil chegou aos autores do roubo. Informações que possam levar ao ataque da loja na Calçada da Fama podem ser passadas para os telefones 190, 2742-7755 e 99817-7508 (WhatsApp).

 

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Edição 14/05/2022
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Notícias falsas nas eleições de 2020 preocupam especialistas

Policial de férias prende acusado de tráfico na entrada da cidade

Magalu vai abrir loja em Teresópolis e inicia processo de contratação

Câmara aprova representação contra o prefeito de Teresópolis

Cedae vai paralisar o sistema principal nesta terça-feira em Teresópolis