Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Estado do Rio já tem 50 policiais assassinados este ano

Disque Denúncia oferece recompensas sobre informações do assassinado de PM teresopolitano

Marcello Medeiros

O sargento da Polícia Militar Robert Nogueira de Almeida, de 42 anos, foi assassinado na manhã desta quarta-feira (16) em Cascadura, na zona norte da cidade do Rio de Janeiro. Com a morte dele, o estado do Rio de Janeiro totaliza 50 policiais assassinados neste ano, dos quais 48 são policiais militares. Segundo a Polícia Militar, o sargento Robert, que trabalha na Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP), estava indo para o trabalho de moto, quando criminosos em outra moto anunciaram o roubo, na Rua do Souto, e atiraram contra ele. O sargento estava na PM desde 1996. Ele era casado e tinha dois filhos. Na semana passada, o 30º Batalhão de Polícia Militar, em Teresópolis, perdeu o Sargento Renato Dália, de 45 anos.
Lotado na guarnição DPO São Pedro, ele foi brutalmente assassinado quando estava em viagem particular a um município da Baixada Fluminense. Seu carro foi encontrado em chamas em uma localidade erma em Itaboraí, e, após controlar as chamas, os Bombeiros descobriram que havia um corpo totalmente carbonizado na mala. A identificação de Renatinho, como era conhecido, só aconteceu após exame de arcada dentária. Dois dias após a morte do teresopolitano, o Disque Denúncia divulgou cartaz oferecendo recompensa de R$ 5 mil por informações que possam levar aos autores do crime. Os canais de denúncia são o 2253-1177 e (21) 98849-6099.

 

 

Tags

Compartilhe:

Edição 28/05/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Bancos não terão atendimento presencial ao público nesta quinta-feira

Dia do Desafio: Sesc Teresópolis promove atividades gratuitas

Moradores de Albuquerque continuam convivendo com lamaçal

Ladrão de residência tenta fugir da PM pulando em rio

Homem é preso por grave agressão à mulher na Várzea

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE