Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Segurança Presente previne crimes em Teresópolis

Luiz Bandeira

Recém-inaugurado, o projeto Segurança Presente é um modelo de policiamento de proximidade que veio complementar a atuação da Polícia Militar na cidade de Teresópolis. Com o objetivo de promover ações de segurança pública, cidadania e atendimento social, as operações visam um ambiente mais seguro e acolhedor aos moradores, comerciantes e turistas da região central da cidade. Esse é um projeto de segurança pública implantado pela primeira vez em 2014, na cidade do Rio de Janeiro para reforçar o policiamento na região da Lapa, reforçando o trabalho do 5º BPM. Logo se estendeu para outros bairros da capital do estado devido, sobretudo, aos resultados obtidos para a segurança das regiões atendidas. Outras cidades do estado já haviam experimentado bons resultados com a implantação do programa, que chegou a Teresópolis no final do mês de março e bastante elogiado pela população.

O patrulhamento é feito à pé, de motocicleta e em viaturas, diariamente das 08h às 20h


Na última quinta-feira, 21, A equipe do jornal O Diário e Diário TV esteve na Praça Olímpica Luiz de Camões, onde está baseado o grupo de agentes do 30º BPM que trabalham sob o Regime Adicional de Serviço (RAS) para o programa. Fomos recebidos pelo comandante do programa em Teresópolis, Major Rômulo, e o Subcomandante sargento Ferreira, que descreveram como é a atuação do programa no complemento do trabalho de segurança pública na cidade. “O Segurança Presente é um programa que foi desenvolvido pela Secretaria de Governo do estado do Rio de Janeiro como uma forma de dar suplementação à Polícia Militar, como se fosse um fortalecimento no policiamento. Ele tem como base um tripé que é o policial militar, um agente civil e um assistente social, estes estão para chegar ainda, nós estamos para receber dois agentes civis e o assistente social como também mais duas motos. A ideia é uma política de uma polícia de proximidade, se aproximar mais do cidadão, abordagem de proximidade, criar uma rede de apoio”, explica Major Rômulo, que revelou ainda que a área de atuação do programa é o centro da cidade, para, segundo ele, poder se aproximar dos comerciantes e da população na região que tem a maior circulação de pessoas.
As patrulhas estão sendo feitas em toda a Reta, ruas paralelas como na Delfim Moreira, Carmela Dutra e Heitor de Moura Estevão, além da Praça Olímpica e a Praça de Santa Tereza. “A ideia é de que com o tempo a gente possa ampliar um pouco. Como é o início, primeiro a gente está concentrando onde há uma maior circulação de pessoas. Nos finais de semana e feriados a gente estende lá na Feirinha por causa da concentração de turistas, onde a gente tem que dar atenção também”, resume o comandante do OSP.

Horário de trabalho
O horário das patrulhas é sempre das 08h às 20h todos os dias da semana. “É uma maneira de dar esse fôlego a Policia Militar, o 30º batalhão já fazia esse trabalho com maestria, então ele recebeu esse fôlego que é o nosso programa” acrescenta o Major, que destacou ainda a sensibilidade do governador para reforçar a segurança no interior do estado agraciando Teresópolis. “Ganhou o 30º BPM, ganhou Teresópolis, todos ganharam a verdade é essa”.
Na implantação do Segurança Presente, houve uma expectativa equivocada de parte da população de que o patrulhamento seria realizado à noite e em toda a cidade, mas nunca houve essa intenção já que nas 24 horas do dia o policiamento do 30º BPM atende o propósito de manter toda a cidade segura, como disse o Major Rômulo. “O projeto complementa o trabalho já realizado pela PM na cidade”.

Pontos observados
O Subcomandante da OPS, Sargento Ferreira, destacou os pontos mais sensíveis que precisam ser atendidos para a promoção da segurança na cidade. “A Praça Olímpica, a Praça de Santa Tereza, a rodoviária e ruas adjacentes. Então hoje nós já conseguimos conquistar de volta para as famílias a Praça Olímpica. Hoje já é um lugar que as pessoas de bem podem vir e deixar seus filhos brincarem a vontade, pois o Segurança Presente já conquistou essa praça. Você já não vê mais usuários de entorpecentes, você já não vê pequenos problemas do dia-a-dia do centro de Teresópolis, você já não vê mais por aqui. Estamos conquistando também a Praça de Santa Tereza e a rodoviária”, aponta o Sargento Ferreira.
O Subcomandante da OSP revela ainda que “a maioria das ocorrências são mais assistenciais, pessoas que passam mal, crianças que se machucam na Praça Olímpica e também usuários de entorpecentes, menores usando bebida alcoólica, usando entorpecente, agressões, são crimes de menor potencial ofensivo que a gente combate aqui no centro e conduz estas ocorrências para a 110ª DP”.

Programa aumenta sensação de segurança no centro da cidade, objetivo principal da fiscalização

Participação popular
Os agentes fizeram questão de convocar a população para que ajudem o programa a promover a segurança na cidade, denunciando qualquer ilícito, através dos canais já conhecidos, telefones 190, 2742-7755, 99817-7508 e através de uma parceria com o Sincomércio está sendo promovido um perfil no Instagram com o objetivo de divulgar as ações e receber demandas da população, o endereço é: instagram.com/euapoioteresopolispresente.

Intenção do projeto é promover um policiamento de aproximação com segurança pública, cidadania e assistência social

Fotos: Marcello Medeiros

Edição 25/07/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Mais dois flagrantes de corte irregular de árvores em Teresópolis

ATÉ DÍVIDA DE R$ 1: Prefeitura de Teresópolis notifica e divulga lista com 210 contribuintes

Transporte escolar: renovação do alvará até o dia 31

Onça-parda e Jaguatirica “gigante” flagrados em trilhas do Parque dos Três Picos

Estácio Teresópolis disponibiliza vagas para o ProUni

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE