Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Bombeiros homenageados por salvarem vidas no Barroso

Militares resgataram servidores municipais após soterramento durante construção de galeria

Marcello Medeiros

O dia 06 de junho nunca vai sair da memória dos servidores públicos Adriano de Castro Figueiras e José Augusto Rebello Filho, lotados na secretaria municipal de Serviços Públicos. Eles trabalhavam na construção de uma galeria pluvial entre as Ruas Acre, no Barroso, e Alagoas, em Araras, quando aconteceu o desmoronamento das laterais. Corpo de Bombeiros e Defesa Civil foram acionados e, após meticuloso trabalho, eles foram resgatados com vida. Adriano foi atingido superficialmente, mas para José Augusto a situação foi bastante complicada e, se não fosse a dedicação e treinamento dos homens do 16º GBM, ele não teria sobrevivido. Por isso, os heróis da vida real receberam justa homenagem do governo municipal. A solenidade, realizada no teatro da prefeitura na manhã desta sexta-feira (15), foi realizada pela secretaria municipal de Segurança Pública. Os agentes da Guarda Municipal foram os anfitriões e conduziram a entrega de certificados de honra ao mérito aos 18 militares do Corpo de Bombeiros que atuaram diretamente no salvamento, além da equipe da Defesa Civil que participou da cuidadosa operação. 
“Isso é importante, aflorar esse sentimento nas pessoas. Valorizar o serviço do pessoal dos Bombeiros, Polícia Militar, Guarda Municipal. Todos os órgãos que compõem a segurança hoje estão formando um ciclo fechado e eficiente, tanto que nossa cidade é a décima mais segura no estado. É uma troca de informações, um trabalho importante. É legal esse momento para a família, par todos que estiveram aqui. É uma homenagem legal promovida pelo Prefeito Pedro Gil. Queremos trazer para Teresópolis mais humanidade, mais respeito pela nossa cidade”, destaca o Secretário de Segurança Pública, Marco Antônio Da Luz.
Um dos integrantes da Defesa Civil que participou do resgate dos servidores públicos foi o subsecretário da pasta, Jacinto Nascimento. Subtenente do Corpo de Bombeiros, ele também tem no currículo um dos momentos mais marcantes da Tragédia de 2011, o salvamento de “Marcelinho” no bairro do Espanhol. “A gente já tem uma experiência nesse tipo de salvamento e eu, depois que participei diretamente daquele salvamento do Marcelo, acho que não tenho mais dificuldade nesses casos. Mas o principal disso é Deus. Ele operou ali, mais uma vez. Realmente a situação era muito difícil, a probabilidade dele (José Augusto) sair com vida era mínima. Deus operou ali e os Bombeiros foram muito eficientes, chegaram com garra e graças a Deus tiveram êxito”, destaca.

“Muito mais que a obrigação”
Representando o 30º Batalhão de Polícia Militar, a Major Renata Alves se emocionou e lembrou a catástrofe de sete anos atrás, quando todas as forças de segurança se uniram para resgatar vidas em várias partes do município, vítimas de deslizamentos e terra e alagamentos, e destacou a importância da homenagem àqueles que se dedicam muito além da profissão. “A gente se emociona muito em homenagens como essa. Nosso trabalho de Bombeiro, de Policial Militar, é muito árduo, que exige dedicação integral. Muita vezes deixamos de estar com nossa família para garantir a segurança, o bem estar das pessoas e um momento como esse é muito importante, pois no dia a dia muitas pessoas acham que o que fazemos é somente o nosso dever. É sim, fazemos nosso juramento, mas o reconhecimento é sempre bem vindo. Quando vem através de uma representação de crianças, com essas presentes, da Câmara de Vereadores, das sociedade civil como um todo, é muito gratificante. Não tem como não se emocionar. E no lugar estar fazendo uma missa de um mês, estamos aqui comemorando a vida de um senhor que foi salvo pelos Bombeiros. A gente trabalha feliz, trabalha com  o coração, por isso a emoção vem, porque quem trabalha feliz, com o coração, se sente feliz ao ver o colega homenageado. Não foi para mim, não foi para a PM, mas a emoção que a gente sente é como se fosse conosco”, relata a Oficial do 30º.

Uma pequena grande homenagem
Um dos momentos mais emocionantes do evento foi a participação dos estudantes do colégio CENA, representados no palco pela pequena Larissa. Ela leu um texto enaltecendo o importante trabalho do 16º Grupamento de Bombeiros Militares: “Em uma situação de emergência são os bombeiros que trazem uma pequena esperança de socorro. Quando todos estão fugindo, são eles que enfrentam perigos e salvam as pessoas. Sabemos que essa não é uma profissão fácil, um trabalho para qualquer um. É uma profissão onde eles colocam a própria vida ao risco para salvar a vida de outras pessoas, onde superam medos e insegurança se dedicando a atender o próximo. Queremos expressar aqui nosso orgulho e respeito, pois vocês exercem uma profissão muito especial. Nunca desistam, não importa o que aconteça. Continuem sempre dispostos, pois são muito importantes para nossa sociedade. Agradecemos por sua lealdade, coragem e determinação para salvar pessoas desconhecidas. Admiramos muito o seu trabalho. Recebam toda nossa gratidão e carinho. Obrigado por tudo e parabéns por essa missão de sucesso. São nossos heróis da vida real”. 

​

Tags

Compartilhe:

Edição 21/05/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Seleção Sub-20 em Teresópolis no próximo dia 03

Selo “Amigo Pet” para bares e restaurantes é criado

Zerada a tarifa de importação para garantir abastecimento de arroz

PM apreende 11 motos em situação irregular no trânsito

Mesmo quem já pagou o IPVA deste ano terá de quitar as duas taxas do CRLV-e

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE