Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Chuva de granizo em vários bairros de Teresópolis

Precipitação atípica assustou e causou prejuízo em alguns locais

Em meados da tarde desta terça-feira, 04, moradores de vários bairros de Teresópolis foram surpreendidos por uma forte chuva de granizo, que causou prejuízo e assustou principalmente aqueles que residem em imóveis com telhas antigas ou estavam em locais sem o abrigo adequado para evitar serem atingidos pelas pedras de gelo – algumas bem grandes, do tamanho de uma bola de golfe, por exemplo. A precipitação atípica, que ocorre quando o ar quente da superfície terrestre encontra nuvens densas e muito frias em pontos mais altos da atmosfera, foi mais intensa em bairros às margens da rodovia Teresópolis-Friburgo, como Albuquerque e Vale Feliz, além de muito volume também na região da Prata, já próximo da BR-116. Na zona urbana do município, moradores de locais como o Parque do Imbuí e Golfe também ficaram bastante preocupados ao assistir o grande volume de granizo atingir o solo. “Choveu muito granizo, e muita pedra grande mesmo. Peguei uma que ocupou toda minha mão. Imagina isso atingindo a cabeça de uma pessoa?” relatou ao Diário a leitora Monique Santana, residente no Parque do Imbuí. Do Golfe, recebemos uma imagem de um veículo danificado pelo grande volume de pedras de gelo. No dia anterior, diversos municípios da Zona da Mata de Minas Gerais foram duramente afetados pelo mesmo fenômeno natural.


No final da tarde, a Defesa Civil divulgou nota sobre a situação: “Não houve registro de ocorrências devido a chuva de hoje à tarde, recebemos relatos de chuva de granizo em vários bairros (Caleme, Cascata do imbuí, Posse, Quebra Frascos, Jardim Serrano, Granja Florestal, Albuquerque, São Pedro, Ermitage e Prata)”, explica o documento, informando ainda sobre o quantitativo de chuva na cidade nas últimas 24 horas: “14,53 mm/24h Três Córregos, 10,24 mm/24hs, 14 mm/24hs Corta Vento e 8,6 mm/24h na Granja Florestal. Fiquem atentos aos alertas da Defesa Civil de Teresópolis. Em caso de emergência ligue 199 ou entre em contato via WhatsApp 2742-7025”.

Estrada BR-040 ficou fechada por cerca de 15 minutos
Uma chuva de granizo também atingiu a Rodovia BR-040, (Rio-Juiz de Fora), no trecho de Areal, altura do km 50, perto da praça de pedágio. Devido a grande quantidade de pedras de granizo, a concessionária Concer, que administra a rodovia, fechou a estrada nos dois sentidos, por medida de precaução, por cerca de 15 minutos. A chuva de granizo atingiu também a Estrada União e Indústria, na localidade conhecida como Sete Casas. Apesar das pistas escorregadias, a concessionária não registrou nenhum acidente. Os motoristas trafegaram com a velocidade reduzida, devido à baixa visibilidade. A concessionária informou que agora à noite chove em alguns trechos das serras de Petrópolis e Teresópolis, mas o tráfego de veículos flui normalmente.

Clima na Primavera
Teve início em 22 de setembro e segue até 21 de dezembro, a primavera no Hemisfério Sul. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o período reflete uma transição entre as estações seca e chuvosa na área central do Brasil, assim como o início do transporte de umidade vinda da Amazônia. A umidade amazônica costuma ter efeito em outras importantes áreas do país, de forma a definir como serão as chuvas nas regiões Sudeste, Centro-Oeste e no centro-sul da Região Norte. De acordo com o Inmet, a primavera costuma provocar acumulados de chuva inferiores a 100 milímetros no norte da Região Nordeste, principalmente no norte do Piauí e no noroeste do Ceará. As temperaturas tendem a ficar mais elevadas em “grande parte” do Norte, interior do Nordeste e em alguns pontos da parte central do Brasil. “Os primeiros episódios da Zona de Convergência do Atlântico Sul podem ocorrer durante a primavera, com chuvas no Sudeste e Centro-Oeste e nos estados do Acre e Rondônia”, detalha o instituto. Segundo o Inmetro, na Região Sul, são esperados episódios de complexos convectivos de mesoescala, o que pode resultar em chuvas fortes, rajadas de vento, descargas atmosféricas e eventual granizo. “Vale lembrar que, com o crescente aumento das chuvas em grande parte do país, nesta época do ano, dá-se início o plantio das principais culturas de verão”, acrescenta o Inmet.

Edição 20/02/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

População transforma terreno vizinho da UPA em lixão clandestino

Cães farejadores ajudam polícia a encontrar grande carga de drogas

Jovem encontrado morto na BR-116 tem passagem por tráfico, diz PCERJ

Prefeito diz que não vai pagar o aumento de ninguém

Teresópolis: matagal toma conta de rua no Golfe

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE