ASSISTIR AO VIVO

REDES SOCIAIS

INSCREVA-SE NO

Começa a visitação dos veículos que serão leiloados em Teresópolis

Data: 12/02/2020

Muitos veículos ainda possuem condições de voltar a circular e é importante avaliar o valor que será necessário para manutenção

Marcus Wagner

Teve início nesta quarta-feira a visitação dos bens que serão leiloados pelo município na quinta-feira, 13, no Hotel Vilanova. São veículos recolhidos e apreendidos e que estão há mais de 90 dias no depósito da Guarda Municipal na localidade de Três Córregos. A visitação aos lotes ocorre hoje das 9h às 12h e das 13h às 16h. No dia do leilão também será possível uma última visita, das 9h às 10h. Existe ainda um catalogo virtual no site do leiloeiro para quem quiser conhecer os itens. O depósito fica na Rodovia BR 116 – Trecho Teresópolis - Além Paraíba, Km71, em Três Córregos.
São cerca de 200 lotes entre motocicletas, veículos de passeio, utilitários, caminhões e sucatas. A venda pública da quinta-feira vai começar às 11h e será presidido pelo leiloeiro público Pedro José de Almeida Neto. 
O edital que traça as regras do leilão foi publicado no dia 14 de janeiro para que proprietários interessados resgatem seus patrimônios e evitem que sejam vendidos no evento.  O montante que for arrecadado com o leilão será utilizado para pagamento de débitos bem como ressarcimento das despesas de reboque, diárias de estaria e outros encargos. Se houver saldo restante, será depositado em conta a favor do ex-proprietário.
O depósito municipal é administrado pela agente Renata de Paula. De acordo com ela, a venda pública vai liberar espaço e assim permitir uma operacionalização melhor do serviço de fiscalização da GM, além de tornar possível a realização de melhorias no próprio pátio do local: “Realmente está superlotado aqui e o primeiro passo para realizar o leilão foi dado com a publicação das notificações dos veículos que serão leiloados como bem recuperável”. 
No local há muitos veículos danificados com a ação do tempo e que também já chegaram degradados, mas muitos podem ainda ter um bom tempo de uso pela frente, bastando apenas um bom trabalho mecânico e de funilaria. É o caso de automóveis como Celta, Gol e Fiat Uno que encontramos visivelmente aptos para funcionamento. Também há veículos mais caros que poderão sair por preços bem vantajosos, mesmo com o custo da manutenção que eles vão precisar.
Além dos veículos recuperáveis, aqueles que podem voltar a rodar nas ruas, há também aqueles que serão vendidos como sucatas. Alguns podem até ter condições de funcionamento, mas a falta de condições de regularização inviabiliza o seu uso, como carros com adulteração de chassi e até aqueles com emplacamentos de outros estados. 
Muitas das motos que serão vendidas como sucata já tiveram um passado de apreensão e de leilões, em que acabaram voltando às ruas indevidamente e por conta disso, houve uma mudança nas regras do leilão e só poderá arrematar um veículo como sucata que tiver CNPJ de oficina de ferro-velho.
Ainda de acordo com a  chefe do depósito, apesar de um longo tempo sem leilão, a ideia é tornar os pregões mais frequentes para não voltar a ocorrer a superlotação. Desta forma, quem tiver o carro apreendido deve se apressar para resolver as pendências: “É preciso ficar atento porque depois de 60 dias apreendido no depósito municipal, o veículo pode ir a leilão. A frequência pode ser maior porque a gente precisa liberar o espaço físico para poder fiscalizar melhor e fazer o recolhimento veículos irregulares na cidade, tirar carros abandonados”, disse.

 

 

 

 

Compartilhar:








ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Witzel assiste segundo dia de desfiles das escolas de samba

Mega-Sena acumula pela 16ª vez e prêmio vai para R$ 200 milhões

Cid Gomes tem alta e deixa Hospital Klinikum em Fortaleza

Coronavírus: brasileiros deixam quarentena na Base Aérea de Anápolis

Duas fontes com água imprópria para consumo

CLASSIFICADOS


        2742-9977   |   leitor@netdiario.com.br   |  Rua Carmela Dutra, 765 - Agriões Teresópolis/RJ