Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

FEPORT 2017: Ludmilla, João Lucas e Marcelo, Mumuzinho, Sorriso Maroto e Preto no Branco

Organizadores anunciam João Lucas e Marcelo, Ludmilla, Mumuzinho, Sorriso Maroto e a banda gospel Preto no Branco

A Feira do Produtor Rural de Teresópolis (Feport) já tem quatro grandes atrações confirmadas para a edição de 2017 que vai acontecer entre os dias 6 e 10 de setembro. Desde que foi aprovada a autorização para a realização do evento na Câmara de Vereadores, uma grande expectativa surgiu por conta de quem seriam as atrações e, em entrevista à Diário TV, os organizadores começaram a divulgar alguns nomes para o público já ir se preparando: Mumuzinho, Ludmilla, Sorriso Maroto, João Lucas e Marcelo foram confirmados. Também haverá um dia dedicado à música Gospel e a atração principal será a banda Preto no Branco.
Alexandre Carvalho e Paulo Henrique Brito, proprietários da empresa Move Zone que vai realizar o evento, destacaram que a população sente falta do tradicional evento e isso está gerando uma grande repercussão nas redes sociais: “Estamos recebendo muitas mensagens de pessoas querendo saber mais do evento, é uma grande expectativa porque já são dois anos que não tem Feport. É um evento importante que movimenta o turismo e a economia, gerando aproximadamente 300 empregos temporários, entre pessoas de segurança, barraqueiros, ou seja, faz a economia girar”, disse Alexandre.
Os organizadores explicaram ainda que há outros nomes que em breve serão divulgados e aproveitaram para garantir que a Feport novamente terá espaço para os artistas locais: “Queremos manter um suspense e não divulgar tudo ainda. Teremos ainda outros cantores sertanejos muito bons, em breve divulgamos mais. O evento vai contar com bandas locais, já estamos em contato com várias e serão entre 10 e 12 que participarão do evento”.
Paulo Henrique explicou também que a realização do evento não tem nada a ver com a prefeitura que apenas alugou o Parque de Exposições para que a Move Zone faça o evento e portanto não vai gerar nenhum gasto de dinheiro público, explicando ainda que a Parceria Público-Privada (PPP) é a forma mais eficiente de se adaptar à realidade do município: “Em outras cidades, as PPP’s já acontecem na saúde, na educação e em eventos também pode ser feita se o município não tem verba, pode fazer a parceria com empresas e não onerar os cofres públicos. Vários outros eventos poderão ser realizados dessa forma e Teresópolis só tem a ganhar”, disse. “A festa poderia ter qualquer nome, mas escolhemos manter uma tradição e manter o formato. Vamos trazer rodeio, Speedway, também terá uma feira agropecuária, tudo sem onerar o município”, completou Alexandre.

Venda de ingressos
Os organizadores confirmaram que haverá venda de ingressos para o público, por se tratar de um evento privado, garantindo que os preços serão acessíveis para a população: “Tem gente fazendo rebuliço por conta dos preços da entrada, mas não é nada do que estão falando por aí. A gente tem uma planilha de custos para ter um retorno. Teremos três tipos de ingresso: pista, pista premium e camarote. O ingresso de pista vai custar a partir de R$ 20,00 e no máximo R$ 30,00. Também vai ter a opção de comprar um pacote de ingressos para todos os dias que vai ficar bem acessível. Os ingressos premium e camarote terão valor um pouco acima disso, mas garantimos que os preços serão acessíveis para todo mundo”.

 

 

 

Tags

Compartilhe:

Edição 17/07/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Teresópolis: Passagens de ônibus dos doentes crônicos continuam sem solução

Polícia Ambiental flagra mais um desmatamento em Albuquerque

Parque Nacional terá processo seletivo para agente ambiental

Adolescente denunciado por tráfico de drogas na Tijuca

Ramais de abastecimento de água danificados na Barra

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE