Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Fischer será mais um bairro atendido pelo programa “Gari Comunitário”

Associação de Moradores que desejar receber a ação pode se inscrever na Ouvidoria Geral

O ouvidor geral do município, Leonardo Manso, visitou na última quinta-feira, 02, o bairro do Fischer. Ele foi recebido pela presidente da Associação de Moradores e Amigos do Matadouro, Adriana da Silva Paganate, que passou as demandas da comunidade para o ouvidor. Durante o encontro, ficou acertado que a associação vai dar entrada no pedido de cadastramento no programa municipal “Gari Comunitário”. “É muito importante esse contato presencial com as associações de moradores para que possamos conversar sobre os anseios e demandas das comunidades. Além disso, já alinhamos para que a associação dê entrada ao processo para participar do ‘Gari Comunitário’. Em breve, a Adriana Paganate e o Prefeito Vinicius Claussen devem assinar o termo de acordo de cooperação”, frisou o ouvidor geral, Leonardo Manso.
Implantada em outubro de 2019 pela Prefeitura, através da Ouvidoria Geral e da Secretaria de Serviços Públicos, a iniciativa é realizada em parceria com as associações de moradores, para intensificar a manutenção da limpeza básica nas comunidades. Os garis comunitários são selecionados pelas associações de moradores, moram e conhecem o dia a dia dos seus bairros e têm entre as funções principais a varrição e a capina das ruas. Eles devem cuidar para que o lixo não fique espalhado em via pública e limpar os bueiros, para evitar transtornos em época de chuva. É uma aproximação importante com as associações de moradores e que fortalece a manutenção básica dos locais contemplados.

Acesso ao programa
Para receber o “Gari Comunitário”, as associações de moradores devem ser legalmente constituídas, estar com a documentação em dia e se habilitar através de chamada pública. “Damos todas as orientações para que os líderes comunitários possam formalizar a iniciativa e levar esse importante programa para seus bairros. Também podemos acompanhar as Associações de Moradores e ver as ações dos garis, que garantem uma melhor zeladoria das comunidades. A proximidade dos moradores com o gari é outro fator determinante que vem garantindo o sucesso desse programa”, avaliou Leonardo Manso.
A chamada pública publicada no Diário Oficial Eletrônico em setembro de 2020 pode ser conferida pelo link http://bit.ly/chamada-ass-moradores. Para a entrega dos documentos solicitados, os líderes comunitários podem ser informar com a Ouvidoria Geral pelos telefones 162, 2742-5074, 2742-8761 e 98126-4038 (WhatsApp), de segunda a sexta, das 9h às 18h, ou pelo e-mail ouvidoria@teresopolis.rj.gov.br. O endereço é Avenida Lúcio Meira, 375, sala 105 – Centro Administrativo Municipal Manoel Machado de Freitas (prédio do antigo Fórum), na Várzea.

Compartilhe:

Edição 01/03/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

GCM e PM apreendem produtos de beleza e saúde vendidos em via pública

Estudantes na campanha contra o mosquito Aedes aegypti

Homem preso com maconha e cocaína em Água Quente

OABRJ e TRF2 realizam parceria para casos de regularização fundiária

Foragido da Justiça é localizado em Teresópolis

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE