Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Linha Verde abre mais uma campanha “Disque Balão”

Prática é criminosa e pode causar prejuízo ambiental e social

O Linha Verde, programa do Disque Denúncia do Rio de Janeiro específico para recebimento de denúncias sobre crimes ambientais, lança neste sábado, 15, a 25ª edição da campanha “Disque Balão”. A campanha é sazonal e se estende até o dia 15 de setembro. No ano de 2022, o Linha Verde cadastrou apenas 69 denúncias envolvendo grupos de baloeiros, locais de comercialização, fabricação ou soltura de balões. Muito pouco se comparado a anos anteriores. Por isso é cada vez mais importante a ajuda da população, pois através das ligações ao Disque Denúncia, as forças policiais podem encontrar locais onde há armazenamento de balões, locais de fabricação, apreendendo assim esses materiais e impedindo que esses balões sejam soltos.
É importante ressaltar que a polícia não pode estar em todos os lugares ao mesmo tempo, por isso a denúncia é valiosa, permite que a polícia identifique com maior brevidade esses locais. Existe ainda o próprio risco de o balão cair aceso em florestas, usinas, aeroportos e residências, produzindo grandes prejuízos patrimoniais, ameaçando o nosso meio ambiente e colocando a vidas em risco. Em anos anteriores, por exemplo, tivemos casos de balões caindo no interior do Aeroporto Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador, no Pão de Açúcar e diversos outros que caíram na orla das praias e inclusive na Baía de Guanabara.
Com o lançamento da campanha “Disque Balão” o Disque Denúncia tenta, sozinho, a ajudar não somente a população, mas também às forças policiais nessa missão de conscientizar e mostrar os perigos dessa prática. Para o presidente do Instituto Mov Rio e coordenador geral do Disque Denúncia, seria muito importante o auxílio de empresas que pudessem ajudar a custear essa campanha, já que é de interesse de todos e, o assunto por si só, já requer bastante atenção. “Em todos os anos, neste mesmo período, lançamos a campanha “Disque Balão” porque sabemos o perigo que um balão representa. Além de pedirmos a ajuda da população para que forneça informações a respeito da prática criminosa e perigosa, pedimos a ajuda dos empresários, para que possam se juntar ao Disque Denúncia e o Linha Verde nesta missão, evitando assim o grande número de balões nos céus” comentou Renato Almeida.

Apuração
Todas as denúncias que chegam através do Linha Verde, pelos telefones (21) 2253 1177 ou 0300 253 1177 (interior do Estado, custo de ligação local) e ainda pelo WhatsApp (21) 99973 1177 são encaminhadas à polícia. Cabe ressaltar que a prática de soltar balões é crime (artigo 42 da Lei de Crimes Ambientais nº 9.605/98). A pena para quem for pego confeccionando, comercializando ou soltando balões que possam provocar incêndios é de 1 a 3 anos de detenção ou multa, ou ainda ambas as penas cumulativamente.

Tags

Compartilhe:

Edição 23/04/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Dengue: Teresópolis chega 965 casos em 2024

“Jantar Imperial” neste sábado no restaurante Donna Tê em Teresópolis

Coréia: um mês após tragédia moradores ainda aguardam o poder público

Oposição impede urgência para projeto que substitui antigo DPVAT

Redução de IR para motoristas de táxi e aplicativos é aprovada pela CAE

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE