Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Mais de 700 pedras de crack apreendidas no Perpétuo

PM também recolheu 182 pinos de cocaína e 162 trouxinhas de maconha

Mesmo empiricamente, é fácil perceber que há um grande número de usuários de drogas em Teresópolis. Basta olhar para o número de apreensões de material entorpecente realizado pelas forças de segurança do município anualmente para entender que é preciso fazer muito mais do que apenas recolher das ruas drogas como maconha, cocaína e crack. É questão de saúde pública. Mas, enquanto os poderes municipal, estadual e federal não implementam ações no sentido de diminuir o número de compradores de drogas, a polícia tem trabalhado para retirar de circulação esse material e envolvidos com sua venda. Na última operação do 30º BPM, no Perpétuo, mais um grande volume de crack, maconha e cocaína foi apreendido.
No final da noite de terça-feira (16), equipe da P2 (Polícia Reservada) esteve na Rua Luiz Noguê Júnior, trecho do Perpétuo, onde segundo denúncias havia um bando realizando a venda de material entorpecente. Ao perceber aproximação dos policiais, os homens fugiram e largaram para trás uma embalagem com 707 pedras de crack, totalizando mais de um quilo, 182 pinos de cocaína e 162 trouxinhas de Cannabis sativa, popularmente conhecida como maconha. O material foi recolhido e apresentado na 110ª DP, onde ficou apreendido. Os telefones do Disque Denúncia em Teresópolis são 190 e 2742-7755. Não é necessário se identificar e o segundo número também funciona como WhatsApp, com sistema de criptografia que protege a identidade do denunciante.

Edição 13/07/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

BR-116: 14 radares fixos começam a funcionar no dia 22

Enel flagra 239 “gatos de luz” em Teresópolis

Trilha na Pedra da Tartaruga sofre com a ação de vândalos

Mesmo quem já pagou o IPVA deste ano terá de quitar as duas taxas do CRLV-e

Delmo Ferreira novo presidente da ATL

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE