Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Novo pedágio da Rio-Teresópolis começa a funcionar dia 18

ANTT também autorizou cobrança na nova praça da BR-493, em Magé. Veja como ficarão as tarifas

A EcoRioMinas, concessionária responsável pelas BR-116/RJ e MG, BR-493/RJ e BR-465/RJ, informa que a partir da 0h do próximo dia 18 terá início a cobrança de tarifa nos pedágios de Guapimirim na BR-116/RJ, km 13+670, na rodovia Rio-Teresópolis, e Magé, na BR-493/RJ, km 118+200. A autorização para o início da operação dessas praças, feita pela Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT, foi publicada na edição desta sexta-feira, 08, do Diário Oficial da União. “As novas substituirão a praça Engenheiro Pierre Berman, na BR-116/RJ (km 138), em Magé, e seus bloqueios em Santo Aleixo (km 119) e Santa Guilhermina (km 127), que serão desativadas. Para veículos de passeio, a tarifa em Guapimirim será de R$ 19,40 e na praça de Magé, R$ 18,60. Motocicletas, motonetas, bicicletas moto, ambulâncias, veículos oficiais e do corpo diplomático, são isentos da tarifa de pedágio”, informou a EcoRioMinas ao Diário.

Os valores foram calculados pela ANTT e levaram em consideração o Índice Nacional de Preço ao Consumidor Amplo – IPCA, com vista à recomposição tarifária, mais arredondamentos. A cobrança das tarifas foi autorizada após a conclusão dos trabalhos iniciais realizados pela EcoRioMinas. “Em um ano de operação, a concessionária gerou em torno de quatro mil empregos indiretos e cerca de 600 diretos, movimentando a economia dos dois estados, além de melhorias em diversas frentes de serviço, como recuperação de terraplenos e pavimento, implantação de defensas metálicas, sinalização horizontal, vertical e implantação de 18 Bases de Serviços Operacionais para atendimento ao usuário”, explica a nota.

A concessionária informa ainda que distribuirá material informativo nas cabines para orientar os usuários sobre o início da operação. Mais informações também podem ser obtidas pelo 0800 116 0493 e 0800 116 0465 (Deficiente Auditivo).

 

Formas de pagamento

O motorista pode realizar o pagamento das tarifas em dinheiro ou cartão, além da possibilidade de pagamento por aproximação. Também serão aceitas as modalidades DBTrans, Visa Vale e TAG de pagamento automático.

 

Benefícios

Os usuários que trafegam nas rodovias administradas pela EcoRioMinas serão contemplados com dois benefícios tarifários: o Desconto Básico de Tarifa (DBT) e o Desconto de Usuário Frequente (DUF). Para obter as vantagens, é necessário apenas, ter instalado no veículo um TAG, chip eletrônico autoadesivo colado ao para-brisa, que permite que os veículos passem pela pista automática de cobrança de pedágio.

 

DBT

Esse benefício oferece 5% de desconto a todas as categorias de veículos, independente da quantidade de viagens realizadas. Todo e qualquer veículo com TAG sempre que passar por uma das cabines automáticas de pedágio receberá 5% de abatimento no valor da tarifa.  

 

DUF

O DUF contempla apenas veículos de passeio (automóvel, caminhonete e furgão; automóvel e caminhonete com semirreboque; automóvel e caminhonete com reboque). Esse benefício oferece uma redução adicional e progressiva no valor da tarifa a partir da segunda passagem pela mesma praça, mesmo sentido, realizada dentro do mesmo mês. Quanto mais você utiliza a rodovia, menor fica o valor do pedágio. A partir da 31ª passagem no mês, a tarifa mínima será cobrada em todas as viagens adicionais até o final do respectivo mês. Dessa forma, o motorista que passar até 31 vezes pela mesma praça e utilizar o desconto, pagará uma tarifa média de R$7,39 em Magé e R$4,50 em Guapimirim.  Para veículos comerciais ou caminhões com dois ou mais eixos, a tarifa é igual ao número de eixos, multiplicado pelo valor da tarifa básica.

Compartilhe:

Edição 22/02/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Governo do Estado atua nas cidades afetadas pelas chuvas

LADRÕES DE RESIDÊNCIAS: Troca de tiros e quadrilha presa na Barra do Imbuí

Moradores denunciam possível foco do mosquito em casa abandonada

ÔNIBUS: Rodoviários de Teresópolis podem parar no próximo fim de semana

SindPMT vai debater contratação de 475 trabalhadores “por fora” para a Educação

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE