Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Parque Montanhas com programação especial para celebrar a chegada do inverno em Teresópolis

Evento com música ao vivo, artesanato e contação de histórias também é uma oportunidade para conhecer a unidade de conservação

Para celebrar a chegada do inverno, a “Sala Verde Que Te Quero Verde”, projeto da Secretaria de Meio Ambiente, preparou uma programação especial com várias atividades de entretenimento e lazer abertas ao público em geral. O evento será realizado neste domingo, 03, das 9h às 14h, na sede Santa Rita do Parque Natural Municipal Montanhas de Teresópolis (Estrada de Santa Rita, 9.000 – Fazenda Alpina, Segundo Distrito). Com o tema “Viva o Inverno”, os visitantes poderão conferir a feira de produtos orgânicos e de artigos de artesanato, exposição fotográfica, como também participar de oficinas, contação de histórias, curtir uma música ao vivo e aproveitar para conhecer as trilhas da unidade de conservação. As atividades são gratuitas, incluem entretenimento realizados em proximidade com a natureza, valorizando o meio ambiente e as belezas da região.

Mesmo ainda em crescimento, o labirinto natural já é um grande atrativo para a criançada em Santa Rita


Além dos atrativos para esse evento especial, você pode aproveitar o dia para conhecer essa sede do PNMMT, que tem opções de lazer para toda a família. Recentemente, O Diário mostrou que esse é um lugar com possibilidades de lazer para todas as idades, permitindo desde caminhadas curtas a uma desafiadora trilha de onde se admira todas as belezas da região. E, no meio desses caminhos, atrativos para as crianças como um labirinto construído com plantas, brinquedos em madeira e até uma pequena piscina, entre outras atrações do espaço administrada pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e onde não há cobrança de ingresso. “Decidimos que aqui seria a sede do parque, com toda essa parte administrativa, e que para o público faríamos algo diferente. Aqui é uma antiga fazenda, então não é como na subsede Tartaruga, que tem trilhas mais íngremes, aquele perfil de montanha. Aqui as trilhas são mais tranquilas, mais planas… É um ambiente bem familiar. Tem uma piscininha pequena que as crianças podem utilizar, um pocinho, tem brinquedos infantis, diversas mesas espalhadas para fazer piquenique, trilhas curtas como a do Jacu e a Tangará que qualquer criança faz com facilidade. É também ambiente mais arborizado, mais fresco, perfeito mesmo para passar o dia e usufruir tudo isso com a família”, explica o Chefe do PNMMT, Paulo Sérgio Bandeira.
Na ocasião percorremos as curtas trilhas do Jacu e Tangarás, passando pelo convidativo labirinto, que mesmo ainda em crescimento pode garantir momentos de diversão para a criançada, e registramos ainda as muitas mesas para piquenique, a futura área de camping e outras maravilhas naturais preservadas graças ao empenho da equipe da unidade de conservação ambiental. Muitos pássaros, borboletas e outras espécies podem ser contempladas em um ambiente que a cada dia fica mais convidativo a quem busca relaxar e se afastar da correria das cidades.

Além de oferecer muitas opções de lazer, a sede do PNMMT é uma luz para a conservação ambiental naquela região

Lazer e conservação
Além de oferecer tantas possibilidades de diversão e contato com a natureza, o núcleo principal do Parque Natural Municipal Montanhas de Teresópolis tem contribuído para a preservação ambiental e o desenvolvimento econômico de uma região duramente afetada com a Tragédia de 12 de Janeiro de 2011. “Compramos essa antiga fazenda com uma verba de compensação ambiental do governo estadual. Decidimos que aqui seria a sede principal para contribuir com a região também. Víamos o Terceiro Distrito se desenvolvendo e Segundo em abandono. E o parque pode ser esse fomentador de um crescimento ordenado para a região. Hoje praticamente todos os moradores da região procuram o parque, temos uma boa relação com o entorno. Hoje temos 17 funcionários no parque, com perspectiva de ampliação, é um caminho traçado, que está indo devagar, mas está funcionando. Em 2019 recebíamos 300 pessoas por ano, agora são 300 por mês”, relata o secretário municipal de Meio Ambiente, Flávio Castro, citando ainda que cada vez mais pessoas têm deixado de lado a errônea ideia que se trata de um local muito distante. “Estamos falando de 20 minutos do centro de Teresópolis. Saímos do município para ir a parques em Friburgo, Petrópolis… E por quê não podemos sair para conhecer um parque no Segundo Distrito?”.

Casa da antiga Fazenda Urso Branco, hoje sede principal do Parque Natural Municipal Montanhas de Teresópolis

Como chegar
O principal, e mais fácil acesso do parque, é via BR-116. A referência é a localidade de Holliday, pouco depois do Fischer e cerca de um quilômetro antes do posto da PRF em Três Córregos. Saindo da rodovia federal, há placas indicando o caminho até Santa Rita. Depois de subir ao lado do Holliday, a estrada em declive leva até um antigo campo de futebol. Em seguida, basta seguir para a direita e, pouco depois, já se avista a portaria da unidade de conservação ambiental.


Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Edição 13/08/2022
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Notícias falsas nas eleições de 2020 preocupam especialistas

Policial de férias prende acusado de tráfico na entrada da cidade

Policial civil denunciado por lavagem de dinheiro é preso no Rio

Magalu vai abrir loja em Teresópolis e inicia processo de contratação

Petrópolis x Teresópolis, a travessia mais bonita do Brasil