Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

POWERLIFTING: Teresópolis será representada no Desafio Serrano de Deadlift

Campeonato tem entrada gratuita e será realizado no Ginásio Pedrão neste sábado

Isla Gomes

O levantamento terra, também conhecido como Deadlift, é capaz de trabalhar de uma só vez os músculos dos membros inferiores e ativar a musculatura do core (bíceps femoral, transverso abdominal, multífidos, adutor, eretor da espinha, oblíquo interno e externo, iliopsoas, glúteo máximo e reto abdominal), o que o torna uma atividade importante para o bem-estar geral. Neste contexto, o Ginásio Poliesportivo Pedro Jahara, o Pedrão, na Rua Tenente Luiz Meirelles, 211, Várzea, será palco da terceira edição do Desafio Serrano de Deadlift, neste sábado, dia 27, a partir das 9h, com entrada franca.  Com mais de 100 atletas inscritos nas categorias Estreante, Júnior, Subjúnior, Open, Master I e III, o campeonato é resultado de parceria entre a Prefeitura de Teresópolis, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer, e a Federação Powerlifting do Estado do Rio de Janeiro (FEPERJ). A equipe da Diário TV e do Jornal O Diário esteve com dois dos atletas que representarão Teresópolis no campeonato.

Guilherme é campeão Carioca, Estadual, Brasileiro de Terra e no momento está se preparando para o Campeonato Brasileiro de Powerlifting, visando uma vaga para o campeonato internacional. Foto: Isla Gomes/O Diário


Guilherme Menezes é contador, estudante de educação física e é atleta de Powerlifiting há quatro anos. Ele é campeão Carioca, Estadual, Brasileiro de Terra e no momento está se preparando para o Campeonato Brasileiro de Powerlifting, visando uma vaga para o campeonato internacional. O Powelifiter também estará representando o município no Pedrão. “O Deadlift na verdade é um dos três movimentos que compõe o esporte Powerlifting, que é o único esporte de força máxima do planeta, no qual você testa sua capacidade máxima de força. Esse campeonato que vai ocorrer neste sábado é a porta de entrada para os teresopolitanos em conhecer a modalidade. Neste âmbito, há aproximadamente dois anos eu percebi que minha amiga Gisele tinha um desempenho elevado em certos movimentos no CrossFit, então a convidei para participar desse campeonato de Deadlift que acontece aqui no município, ela aceitou o meu convite e acabou sendo campeã do campeonato serrano”, conta.

A atleta e empresária, de 41 anos, pratica atividade física desde a infância, antes de conhecer o universo do Powerlifiting ela praticava Crossfit. Para Gisele, o Desafio Serrano de Deadlift foi uma virada de chave. Foto: Isla Gomes/O Diário

Gigi Lourenço
A atleta e empresária Gisele Lourenço, de 41 anos, pratica atividade física desde a infância, antes de conhecer o universo do Powerlifiting ela praticava Crossfit. Para Gisele, o Desafio Serrano de Deadlift foi uma virada de chave na vida. Após Guilherme a convidar para participar do torneio, a atleta se destacou e não parou mais de crescer na modalidade, ganhando diversos campeonatos. “Já na minha primeira participação eu consegui fazer 185 quilos ganhando o primeiro lugar. Depois disso, ganhei ‘Melhor Atleta’ na categoria principal e na categoria ‘Master’, ou seja, o Desafio Serrano foi realmente a porta de entrada para eu estar praticando hoje o Powerlifting”, destaca a determinada Powerlifiter.

Sentimento
Gisele salientou sentimento de representar o município de Teresópolis no campeonato no campeonato, ela destaca que neste ano vez a sensação é ainda mais especial. “Esse Desafio Serrano de 2024 me traz um sentimento ainda mais único por ser realizado no Pedrão. O Ginásio Pedro Jahara me remete à minha infância e adolescência, pois, já pratiquei esportes diversas vezes nele através da escola. Desta forma, poder representar minha cidade em um campeonato que ocorrerá neste local que me traz tantas lembranças, será mais que especial. Sobretudo, o sentimento de representar Teresópolis é sempre maravilhoso, em todos os campeonatos. Daqui um mês terá o Campeonato Brasileiro e estarei lá com todo orgulho da minha cidade”, conclui a atleta.

Treino
Janir Marques é treinador físico há 17 anos, ele destaca que o foco principal no momento, além do Desafio Serrano, é o Campeonato Brasileiro, que ocorrerá em poucas semanas. “A rotina deles é bem intensa, estamos em uma preparação mais especifica, focando no Campeonato Brasileiro. Estamos realizando uma subdivisão, que são dois treinos por dia, um feito na academia e outro no CT. É uma grade de treinamentos diligentemente programada para que os atletas tenham um resultado excelente nos campeonatos”, explica o dedicado treinador.

Edição 02/03/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Mutirão de inscrições do Pré-vestibular Social em Teresópolis

Capela mais antiga de Teresópolis ganha rota cultural

É preciso quitar todas as dívidas do veículo para obter o CRLV 2024

Fla bate Madureira no Maracanã por 3 a 0 e conquista Taça Guanabara

Do abrigo para o lar, a importância das feiras de adoção de pets

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE