Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Sandman, nova série da netflix, contou com teresopolitano na equipe de efeitos visuais

Antônio Ribeiro já criou efeitos visuais em várias outras produções de sucesso internacional

Hoje em dia com a concorrência dos veículos de streaming como Netflix, Amazon Prime, Disney + entre outros, fica cada vez mais complicado escolher algo para assistir nos nossos momentos de folga. Muitos usuários usam então as propagandas feitas pela mídia ou até mesmo a repercussão das novas séries junto ao público para pautar suas decisões. Neste caso, sem dúvida, a bola da vez é a nova série da Netflix “Sandman”.

Baseada em uma série de histórias em quadrinhos de mesmo nome criadas por Neil Gaiman, a nova produção conta a história do mestre dos sonhos, ou “Sonho”, quando foi aprisionado por mais de um século e as consequências disso no seu reino dos sonhos e na vida cotidiana das pessoas. O senhor dos sonhos é um dos “Perpétuos”, uma série de irmãos responsável por afetar a vida dos humanos, sendo eles: Sonho, Desejo, Desespero, Destruição, Delirium, Destino e Morte.

Recheado de diálogos filosóficos, a história era considerada praticamente impossível de ser reproduzida como um filme ou até mesmo série de TV, devido à complexidade necessária na criação dos cenários e nas intervenções fantásticas entre os personagens durante a história. Parece que desta vez a Netflix conseguiu vencer a barreira e trouxe para seus assinantes essa tão aguardada história. E para a realização desta façanha visual, um teresopolitano contribuiu na equipe de efeitos visuais durante os 6 meses de pós-produção. Antonio Ribeiro trabalha com efeitos visuais para filmes e séries no Canadá desde 2015 e tem inúmeros projetos de renome em seu currículo. Entre alguns, podemos destacar HALO, Missa da Meia-Noite, a Maldição da Residência Hill, Star Trek Discovery, Logan, Invocação do Mal 2, Ben-Hur, Alice Através do Espelho, Deuses do Egito e vários outros. Particularmente fã dos quadrinhos de Neil Gaiman, Antonio relata que no Sandman, a qualidade das filmagens ajudou muito na realização dos efeitos visuais: “o projeto todo foi muito bem feito desde o início. Neil Gaiman se recusou a aceitar propostas de filmes e séries baseados em seus quadrinhos por temer que o produto final fosse de má qualidade ou fosse uma adaptação não tão fiel à expectativa dos fãs. Portanto a Netflix foi muito cuidadosa nessa adaptação e o resultado ficou incrível, desde a filmagem até a finalização”.

Como grande parte dos cenários da história seria praticamente impossível de ser criada em um set de filmagem, as equipes de efeitos visuais gastaram semanas criando cenários virtuais de acordo com a base vista nos quadrinhos e a orientação do diretor junto com o supervisor de efeitos visuais. Cenários como o castelo do Sonho, o inferno e vários outros só foram possíveis graças à tecnologia e ao talento dos artistas. “Em diversas cenas que trabalhei os atores estavam basicamente em frente à uma tela azul com marcações para o tracking. Meu trabalho foi removê-los desse fundo, aplicar o cenário virtual, ajustar a luz, a profundidade, foco, integrá-los novamente e adicionar outros elementos, como névoas, faixos de luz e outras coisas particulares à cada cena” – revela Antonio. Em algumas cenas a mão do ator Tom Sturridge – que interpreta Sonho – teve que ser removida digitalmente para ser substituída por uma mão digital mais de acordo com o que o diretor desejava. Principalmente nas cenas onde o senhor dos sonhos segura o personagem John Dee em sua mão. Diversas destas cenas nesta sequência tiveram o trabalho de Antonio Ribeiro, onde o mesmo afirma ter sido responsável pelo ajuste de cores, texturas e até mesmo interação da mão em CG (computação gráfica) com o minúsculo personagem. Antonio ainda revela: “após o término dos trabalhos de efeitos visuais, ficamos esperando a Netflix lançar algum trailer ou revelar a data de estreia, o que não aconteceu por meses. Começamos a desconfiar que a série poderia ser cancelada a qualquer momento e aí então novos trailers começaram a ser divulgados e finalmente a data de estreia foi revelada! Ufa! Ficamos muito satisfeitos com o resultado final e os fãs dos quadrinhos estão elogiando bastante”.

Há rumores de que o roteiro da segunda temporada já começou a ser desenvolvido em razão do estrondoso sucesso. Resta então a todos os fãs aproveitar a primeira temporada que se encontra disponível na Netflix e aguardar a produção da segunda. Sandman estreou na Netflix dia 5 de agosto desde ano e está entre as 10 séries mais assistidas da plataforma em mais de 90 países.

Sobre novos projetos, Antonio infelizmente não pode revelar muito: “estou trabalhando agora em um filme bem famoso. É um filme de ação e é uma continuação. Portanto deixo a cargo de vocês para imaginarem qual filme possa ser. Por enquanto é tudo que posso falar sobre o projeto”.

Edição 22/02/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Temporal mata cinco pessoas no estado do Rio

LADRÕES DE RESIDÊNCIAS: Troca de tiros e quadrilha presa na Barra do Imbuí

Flávio Dino toma posse como ministro do Supremo Tribunal Federal

Bolsonaro não responde à PF em depoimento sobre golpe de Estado

Governo do Estado atua nas cidades afetadas pelas chuvas

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE