Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Segurança reforçada em Teresópolis para garantir a tranquilidade no Carnaval

Polícia Militar, Civil, PRF e Guarda Civil Municipal empenhadas em ruas, avenidas e estradas

Luiz Bandeira

No Carnaval, enquanto a população se reúne para curtir as festividades de Momo, as forças de segurança redobram a atenção para garantir a segurança durante os eventos realizados em vias públicas. Para tanto, o Governo do Rio de Janeiro mobilizou a Polícia Militar e a Polícia Civil para garantir a segurança e o bem-estar de quem vai curtir o Carnaval. O reforço no aparato poderá ser visto nas vias onde houver desfiles de blocos, escolas de samba e shows em todo o território fluminense. O governador Claudio Castro destacou a relevância do carnaval para o estado e garantiu empenho pela segurança da população. “O Rio de Janeiro sempre foi sinônimo de Carnaval e alegria. É a nossa essência! Por isso, trabalhamos duro nos últimos meses para que essa festa transcorra da melhor maneira possível e seja inesquecível para quem estiver no nosso estado nesse período tão importante para a nossa economia” afirmou Cláudio Castro.
Ao mesmo tempo, a Polícia Militar colocou em prática a Operação “Cerco Total” com o objetivo de diminuir os índices de criminalidade na Região Serrana. A operação, coordenada pelo 7º Comando de Policiamento de Área (7ºCPA), que reúne o 11º BPM (Nova Friburgo), 26º BPM (Petrópolis), 30º BPM (Teresópolis) e o 38º BPM (Três Rios). Outras forças de segurança também participam do “Cerco Total”, como a Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal. As operações serão intensificadas no período de Carnaval, principalmente nas estradas. A ação tem como objetivo diminuir os índices de criminalidades, como roubos de veículos e de carga e tráfico de drogas em toda Região Serrana. A Operação Lei Seca está nas ruas com 216 agentes em 53 veículos, para reprimir motoristas embriagados.
A Secretaria de Estado de Polícia Militar informou também que o planejamento operacional vai reunir o maior efetivo dos últimos anos. De forma extraordinária, foram mobilizados cerca 11,5 mil PMs, efetivo 15% superior ao empregado no ano passado. Esse reforço proporcionará um contingente de 14 mil policiais por dia. Já a Secretaria de Polícia Civil explicou que três mil agentes estarão de prontidão em todo o estado durante o período do Carnaval, com um reforço diário de 50% do efetivo na Delegacia Especial de Apoio ao Turismo e nas 14 Delegacias Especiais de Atendimento à Mulher.

Combate ao assédio contra a mulher
O Governo do Estado também preparou uma grande ação para combater o assédio contra as mulheres no Carnaval. E, por meio da Secretaria da Mulher, lançou uma campanha cujo slogan é “Ouviu um não? Respeite a decisão”. A iniciativa frisa que atitudes como puxar o cabelo, braço e a fantasia são caracterizadas como assédio e destaca a importância do aplicativo Rede Mulher. Baixado gratuitamente no celular, a ferramenta tem um botão de emergência que aciona eletronicamente o 190, da Polícia Militar. Aliás, PMs da Patrulha Maria da Penha – que assiste mulheres com medidas protetivas – estarão fazendo ações diárias em várias cidades. O Programa Empoderadas e a Fundação para a Infância e ao Adolescente (FIA) também vão distribuir materiais informativos sobre abordagem para acolhimento e orientações para os responsáveis, entre outros temas.

30º em ação
Já o 30º Batalhão está atuando com reforço aqui em Teresópolis, em Carmo, São José do Vale do Rio Preto e Sumidouro, para garantir a segurança dos foliões. Em entrevista recente ao Diário de Teresópolis, o Comandante do 30º Batalhão Tenente Coronel Alex Soliva falou sobre as estratégias para a segurança da área de atendimento da unidade. “Primeiro a produção de conhecimento, inteligência e realmente apurar para saber onde o crime está acontecendo, quem está cometendo e quem está de fato usufruindo destes fatos delituosos e a constante mudança nas formas de policiamento, isso é imprescindível para que a gente obtenha êxitos que nós vimos obtendo ao longo desse período”.
Na ocasião, Coronel Soliva pontuou ainda os desafios para manter a tranquilidade da cidade em 2023. “Reduzir ainda mais indicadores tão reduzidos que nós já temos na região, de fato isso é um desafio muito grande. Nós temos uma sociedade muito ordeira, uma sociedade que participa da segurança, um caso bem particular aqui na cidade de Teresópolis. É tentar reduzir ao máximo o que a gente pode”, frisou o Comandante do 30º BPM, Tenente Coronel Alex Soliva.

Apoio
Além da PM e PCERJ, PRF e Guarda Civil Municipal mantém operações reforçadas nesse período. A Polícia Rodoviária Federal está agindo em pontos com maior incidência de acidentes e crimes. A GCM mantém todo o pessoal nas ruas de Teresópolis, além de apoiar as outras forças de segurança com a guarnição de cães farejadores K9.

Edição 16/04/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Sul do Brasil pode registrar geada nos próximos dias

Correios anunciam cargos de nível médio e superior em concurso público

Mesmo quem já pagou o IPVA deste ano terá de quitar as duas taxas do CRLV-e

Barra: 60 dias de trânsito lento na Rua Dr. Oliveira

ChocoSerra começa nesta sexta-feira em Teresópolis, confira a programação

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE